(11) 3285-6412Segunda a Sexta-Feira das 10h às 19h
Clínica Especializada em Cirurgias Plásticas
  • A Clínica
  • Cirurgias
  • Procedimentos
  • Informações
  • Dicas
  • Contato
  • Blog
Agendar Consulta
retornar
ninfoplastia

Ninfoplastia: quando é indicada?

A cirurgia íntima feminina pode contribuir na autoestima de pacientes e deve ser avaliada por um cirurgião plástico de confiança

A ninfoplastia consiste na cirurgia plástica para correção estética íntima dos pequenos lábios vaginais para mulheres que sentem desconforto físico ou emocional com essa característica.

Os pequenos lábios ficam localizados na entrada na vagina e tem como função proteger o local. Quando eles são hipertrofiados podem ser maiores que os grandes lábios, o que causa desconforto estético, mas também pode gerar incômodo.

Entender quando a ninfoplastia é indicada e como o procedimento é realizado contribui em uma decisão mais consciente das pacientes interessadas no procedimento.

Quais as indicações da ninfoplastia?

Como visto, a ninfoplastia é recomendada para reduzir o tamanho dos pequenos lábios vaginais, de forma que a principal indicação da cirurgia plástica é quando essa característica causa desconforto à paciente, como reduzindo a autoestima ou causando vergonha e constrangimento.

A ninfoplastia também é indicada para mulheres que sentem dor ou desconforto durante as relações sexuais, o que pode ocorrer devido ao atrito com os pequenos lábios, machucando a região íntima feminina. Outra indicação da cirurgia íntima feminina é quando a hipertrofia dos pequenos lábios dificulta a higienização do local, o que pode resultar em quadros recorrentes de candidíase ou infecção urinária.

A ninfoplastia não altera a sensibilidade da mulher na região íntima, mas esse efeito colateral pode estar presente durante a fase de recuperação do procedimento.

A cirurgia é indicada para mulheres a partir dos 18 anos, mas é importante conversar com um cirurgião plástico de confiança que, além desses quesitos, também avaliará a existência de patologias como diabetes, hipertensão e doenças autoimunes que podem contraindicar a cirurgia temporariamente.

Como é feita a ninfoplastia?

Após confirmar que a ninfoplastia é a cirurgia mais adequada ao caso, a paciente será informada sobre o passo a passo do procedimento. A cirurgia íntima pode ser realizada em ambiente ambulatorial utilizando anestesia local ou raquidiana, com ou sem sedação. A duração técnica varia entre 40 minutos e uma hora, sendo considerado um procedimento rápido.

Na cirurgia, o cirurgião plástico corta o excesso dos pequenos lábios e sutura as bordas com fios absorvíveis, de forma que não fique nenhuma cicatriz visível e que o próprio organismo explu9se os fios, não necessitando de retorno médico para remoção dos pontos.

A paciente recebe alta médica no mesmo dia e deve manter-se em repouso por cerca de 7 dias e retornar as atividades normalmente em cerca de 15 dias. Em geral, a liberação médica para voltar a ter relações sexuais e fazer atividades físicas demora entre 30 e 45 dias após a cirurgia, dependendo da evolução da recuperação da ninfoplastia.

É importante que a região íntima seja higienizada diariamente após o procedimento com sabão neutro e água. A paciente deve se planejar para que a menstruação não ocorra nos dias posteriores à cirurgia, pois os cuidados são mais difíceis.

Dessa forma, a ninfoplastia é indicada para diferentes casos nos quais os pequenos lábios consistem em um incômodo físico e emocional às pacientes, sendo importante que a cirurgia seja indicada por um cirurgião plástico de confiança.

Existe idade mínima para a cirurgia de ninfoplastia?

Você já deve ter entendido que não existe uma idade máxima para fazer a cirurgia de ninfoplastia. Já em termos de idade mínima, o recomendável é que a operação seja feita a partir dos 18 anos, embora isso não seja uma regra.

Vale lembrar que não é incomum que meninas mais jovens possuam hipertrofias ou assimetrias nos lábios vaginais, experimentando diversos impactos negativos. É possível operar mesmo em quem ainda é virgem, depois de uma criteriosa avaliação médica, visto que se trata de um procedimento feito externamente, que não interferirá em futuras relações sexuais.

Quais os exames solicitados para fazer a cirurgia?

Antes da cirurgia de ninfoplastia é essencial que alguns exames sejam realizados, para assegurar resultados ainda mais satisfatórios no procedimento, que costuma durar entre 30 e 40 minutos e utiliza anestesia local.

O cirurgião costuma pedir o hemograma, que avalia as células do sangue e a presença de doenças como leucemia, anemias ou infecções, bem como o coagulograma e a análise de alguns outros parâmetros, como glicemia.

Quanto tempo demora o procedimento?

A cirurgia de ninfoplastia é um procedimento bastante detalhado, mas que não demanda muito tempo ou maiores complexidades. Por isso, o mais comum é que a sua duração não seja maior do que 30 ou 40 minutos.

Um detalhe importante é que o mais recomendável é que a operação seja agendada logo após o final da menstruação, de forma que a paciente não menstrue no período pós-operatório, para que o sangue e a umidade não atrapalhem o processo de cicatrização.

Há possibilidade de perder a sensibilidade na região?

Um medo bastante comum a muitas mulheres que pensam em fazer a cirurgia de ninfoplastia é a perda de sensibilidade na região. No entanto, isso não passa de um verdadeiro mito! Embora possa haver uma leve dormência ou entorpecimento na área logo depois do procedimento, tudo volta ao normal depois da cicatrização.

Entretanto, vale lembrar que será preciso ficar sem ter relações sexuais por um tempo, usualmente recomendado entre 30 e 45 dias, até para impedir que os pontos acabem se rompendo.

Quais os cuidados depois da cirurgia de ninfoplastia?

Por fim, não podemos deixar de falar dos cuidados depois da cirurgia de ninfoplastia. Assim como ocorre em qualquer pós-operatório, o paciente deve ter um papel preponderante e estratégico para que o melhor resultado seja obtido. Como dissemos acima, a mulher não volta a ser virgem, mas precisa ficar um período sem ter relações sexuais.

O mais comum é que não haja dor, mas é possível experimentar alguns desconfortos nos pequenos lábios, que costumam ser leves e transitórios. Isso pode ser aliviado por meio do uso de medicamentos analgésicos e anti-inflamatórios, que devem ser prescritos pelo médico.

E agora, gostou de aprender um pouco mais sobre a cirurgia de ninfoplastia? Quer conferir outros conteúdos como este e artigos relacionados com a área de saúde? Então, não deixe de curtir a nossa página no Facebook e fique por dentro das nossas novidades!

Saiba que todo procedimento envolve riscos. Consulte sempre um médico.

Saiba que todo procedimento envolve riscos. Consulte sempre um médico.


Dra. Luciana L. Pepino.

Diretora Técnica Médica

CRM-SP: 106.491

RQE: 25827

Membro da ISAPS – International Society of Aesthetics Plastic Surgery

Membro da ASPS – American Society of Plastic Surgeon

Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica SBCP

Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Residência Médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Formada em Medicina pela faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte – MG

Dra. Luciana L. Pepino.

Diretora Técnica Médica

CRM-SP: 106.491

RQE: 25827

Membro da ISAPS – International Society of Aesthetics Plastic Surgery

Membro da ASPS – American Society of Plastic Surgeon

Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica SBCP

Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Residência Médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Formada em Medicina pela faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte – MG

Agende sua consulta

Deixe o seu comentário


    Leia Também

    Carregando...

    Campanha #ViralizeOBem

    Agora você tem em suas mãos a oportunidade de transformar vidas. 50 milhões. Não é prêmio acumulado da Mega-Sena. São 50 milhões de brasileiros passando fome. E você pode transformar essa triste realidade, participando da nossa missão!

    imagem de uma criança fantasiada de super-herói em meio a uma situação de miséria
    Quero ajudar!
    imagem de uma criança fantasiada de super-herói em meio a uma situação de miséria
    logo

    Campanha #ViralizeOBem

    Agora você tem em suas mãos a oportunidade de transformar vidas. 50 milhões. Não é prêmio acumulado da Mega-Sena. São 50 milhões de brasileiros passando fome. E você pode transformar essa triste realidade, participando da nossa missão!

    Quero ajudar!

    Assine nossa newsletter

    Assine e receba dicas, novidades, materiais e muito mais.

    whatsapp

    Cirurgias

    Procedimentos

    Links Úteis

    Telefones de Contato

    Políticas de Privacidade

    Dra. Luciana L. Pepino. Diretora Técnica Médica

    CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

    logo

    2022. Dra. Luciana Pepino

    Todos os direitos reservados.