11 3285-6412
Dra. Luciana L. Pepino / Diretora Técnica Médica
CRM/SP: 106.491 RQE: 25827
Segunda a Sexta-Feira
das 10h às 19h

Blefaroplastia: a cirurgia estética das pálpebras

Blefaroplastia

A cirurgia de blefaroplastia serve para a remoção de pele, músculo ou gordura em excesso, localizados nas partes inferiores e superiores das pálpebras. É uma alternativa para o problema do excesso de pele na região, que pode ser causado por fatores como tabagismo, efeito sanfona e outros motivos.

A iniciativa para fazer a cirurgia deve partir da pessoa que está insatisfeita com suas pálpebras. É importante lembrar que a avaliação e indicação para o tratamento mais adequado é dado pelo cirurgião plástico e cabe a ele explicar ao paciente sobre os prós e contras da cirurgia estética.

Com base nesse contexto, preparamos este conteúdo para que você entenda o que é a blefaroplastia, como funciona esse procedimento cirúrgico, em quais casos é indicado e quais cuidados ter no pós-operatório. Continue a leitura para saber mais!

O que é blefaroplastia?

É a cirurgia que tem como finalidade reparar de forma funcional e estética as pálpebras inferiores e superiores, removendo o excesso de pele e, se for o caso, também as bolsas de gordura ao redor dos olhos.

Dessa forma, o paciente consegue recuperar uma aparência rejuvenescida e ter um olhar mais atraente. O procedimento pode ser feito somente em uma das pálpebras (superior ou inferior) e em ambas, dependendo das necessidades de cada paciente.

Como funciona o procedimento?

A blefaroplastia é uma cirurgia que deve ser realizada dentro do âmbito hospitalar ou em uma clínica especializada, porém é previsto que o paciente receba alta no mesmo dia. Sob acompanhamento minucioso do anestesista, o paciente recebe anestesia local e sedação para que o procedimento seja feito, o que garante muito mais conforto e segurança.

O cirurgião deve fazer algumas marcações nas pálpebras para mensurar a quantidade de pele e gordura que deverão ser removidas. Serão feitas incisões e suturas de modo bastante delicado nas pálpebras superiores, o que garantirá que as cicatrizes fiquem escondidas mesmo com o paciente de olhos abertos. Enquanto nas pálpebras inferiores, a incisão será realizada mais próxima à região dos cílios, tornando o corte também imperceptível.

O procedimento cirúrgico pode durar entre uma hora e meia e duas horas, podendo variar de um paciente para outro. Gazes molhadas com soro fisiológico são colocadas sobre os olhos, após a cirurgia, a fim de evitar o inchaço.

Em quais casos a blefaroplastia é indicada?

A blefaroplastia costuma ser recomendada em casos específicos, como:

  • pessoas que se incomodem com o excesso de pele na região das pálpebras (inferiores ou superiores);
  • pacientes que apresentam bolsas de gordura abaixo dos olhos;
  • pacientes com rugas profundas na região periorbital;
  • pessoas que desejam melhorar a estética do olhar.

Vale destacar que o procedimento cirúrgico não é recomendado apenas para pacientes maduros. Homens e mulheres entre 25 e 30 anos também podem receber a indicação para fazer a cirurgia, devido às suas características individuais ou uma tendência genética.

Quais cuidados ter no pós-operatório?

Por fim, é importante tomar algumas medidas para evitar desconforto após a realização da cirurgia e garantir uma recuperação mais rápida e eficiente. Para isso, é preciso seguir as seguintes recomendações:

  • tomar os analgésicos prescritos pelo cirurgião plástico;
  • uso de compressas frias para evitar o inchaço;
  • evitar uso de maquiagem na primeira semana após a cirurgia;
  • fazer atividades físicas leves (caminhadas) somente depois de 15 a 30 dias após a cirurgia;
  • evitar a exposição ao sol até que o roxo desapareça por completo;
  • retornar à clínica depois de uma semana após a realização da cirurgia para receber avaliação médica e retirada dos pontos.

Para concluirmos este conteúdo sobre como funciona a blefaroplastia, vale destacar que alguns sintomas são muito comuns no pós-operatório como ardor, coceira, sensibilidade à luz, lacrimejamento ou sensação de secura. O uso de colírios lubrificantes pode aliviar o desconforto na região.

Gostou deste artigo sobre como funciona o procedimento cirúrgico para remover o excesso de pele na região das pálpebras? Então não deixe de baixar o nosso e-book sobre para aprender mais sobre o assunto!

Saiba que todo procedimento envolve riscos. Consulte sempre um médico.

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).
  1. Eliana disse:

    Olá doutora, alem dos riscos normais de uma cirurgia, eu já ouvi dizer que a blefaroplastia é uma cirurgia perigosa…. é verdade??? procede essa afirmação???
    Desde já agradeço pela informação. boa noite.

  2. maria aparecida viana neves disse:

    gostaria de saber o preço desse procedimento. blefaroplastia.obrigada

  3. natalia disse:

    Dra.estou c/ a pela nas pálpebras bem desenvolvida q chega a incomodar, pesa. esta cirurgia p/ mim deixa de ser estética, o plano de saúde ñ pde assumir. obrigada e abraços.

    • Luciana Pepino disse:

      Olá Natalia

      Infelizmente nenhum convênio cobre consultas, tratamentos, procedimentos e cirurgias plásticas com fins estéticos e por isto não somos conveniados a eles. Trabalhamos por reembolso e se o seu plano trabalhar desta forma, o paciente pode levar o recibo e tentar reembolsar com eles, ok? Mas é importante confirmar antes com o seu convênio.

      Beijos

  4. Vera Pimentel disse:

    pergunta : – tenho 59 anos,estou bem envelhecida,Será que não tem perigo fazer cirurgias na minha idade?.meu marido tem muito medo…Eu gostaria de fazer pra tirar a pele da pálpebra, da barriga,pois emagreci e fiquei com uma pele parecendo um avental e meus seios também são muito flácidos .Essas cirurgias podem ser feitas de uma vez só? Obrigada.

    • Luciana Pepino disse:

      Vera,

      Sinceramente, só tenho como te responder após avaliá-la pessoalmente – pois para cada paciente existe um diagnóstico específico. Precisamos não apenas vê-la, mas saber de informações essenciais para o seu diagnóstico, como o histórico médico, por exemplo.
      Sobre fazer diversos procedimentos num único dia, é uma prática comum que varia de caso a caso – para saber se é recomendado a você, só posso dizer após avaliá-la.

      Caso queira agendar a sua consulta, neste link estão os nossos telefones – será um prazer recebê-la em nossa clínica!
      https://www.lucianapepino.com.br/contato/
      Um grande beijo!

  5. Marcia disse:

    Ola Dra Luciana,
    ja fiz aplicacao de botox 2 vezes em alguns ponto dos olhos e rosto, e a um ano atras fiz lazer na regiao dos olhos,meus olhos em volta tem sempre a pele mais escura ,tive reacao ficou muito inchado e escuro durante meses muito escuro ,tambem no mesmo dia fiz preenchimento definitivo nas linhas do( bigode chines)mas o lado esquerdo so na parte de cima da boca esta bom em baixo no final da linha esta marcando tipo vinco ,como sempre fui bochechuda agora no maxilar esta meio caido ,apesar de ter 52 anos tenho a pele muito boa sem rugas faco alimentacao natural desde 15 anos.Gostaria de saber qual seria o procedimento indicado e qual o valor.porque nao pretendo fazer mais com o Dr Alex clinica em largo do machado,ele e meio radical e contra o preenchimento total da linha pra parecer mais natural.
    obrigada
    Marcia

    • Luciana Pepino disse:

      Oi, Marcia! Obrigada por participar do blog 🙂
      Não tenho como dizer o que seria mais adequado a você sem que eu tenha te avaliado pessoalmente antes, ok?
      Entre em contato conosco, se desejar, para agendar sua primeira consulta.
      Neste link você encontra nossos telefones e endereço: https://www.lucianapepino.com.br/contato

      Beijos!

  6. laryssa disse:

    ola eu gostaria de saber se existe cirururgiia para olho grande?

    • Luciana Pepino disse:

      Oi, Laryssa
      Não tenho como responder sem conhecer o seu caso, pois cada paciente tem um caso específico. O melhor a se fazer é passar por uma avaliação, ok?
      Beijos!