(11) 3285-6412Segunda a Sexta-Feira das 10h às 19h
Clínica Especializada em Cirurgias Plásticas
  • A Clínica
  • Cirurgias
  • Procedimentos
  • Informações
  • Dicas
  • Contato
  • Blog
Agendar Consulta
retornar
saiba quando a implantação de silicone como medida preventiva ao câncer de mama é viável

Mastectomia preventiva com prótese de silicone previne câncer?

Mastectomia preventiva recorrendo à prótese de silicone só é indicada em casos muito específicos. Saiba recomendações e cuidados!

A substituição das glândulas mamárias por prótese de silicone, também chamada de mastectomia preventiva, é uma forma de tentar prevenir o desenvolvimento do câncer de mama em pacientes de alto risco.

Apesar dessa possibilidade, compreender as indicações da mastectomia preventiva e como essa decisão deve ser embasada é fundamental para uma escolha mais consciente.

Quando realizar a mastectomia preventiva?

A mastectomia preventiva consiste na remoção das glândulas e ductos mamários que são os locais nos quais podem ocorrer o desenvolvimento de um tumor maligno.

A retirada preventiva das glândulas mamárias, sem que haja câncer de mama, e substituição pela prótese de silicone só é indicada em casos muito específicos, como:

  • paciente com histórico de câncer de mama em um dos seios remover o outro para prevenir reincidência;
  • histórico de câncer de mama ou de ovário na família, especialmente se apresentar elevada recorrência em familiares de primeiro, segundo ou até terceiro grau;
  • mutações genéticas nos genes BRCA1, BRCA2 e p53, indicando risco elevado de desenvolver câncer de mama.

Atualmente, o teste genético para avaliar as chances de a paciente desenvolver câncer de mama é o padrão mais indicado para realização da substituição das glândulas mamárias pela prótese de silicone.

Mesmo com a remoção dos tecidos, é comum que as chances de ter câncer de mama diminuam em 90%. Os 10% restantes referem-se à preservação dos tecidos para nutrir a pele, aréola e mamilo, o que costuma ser a opção de muitos cirurgiões.

Em geral, a realização da mastectomia preventiva inclui a remoção dos tecidos de ambas as mamas.

Quem já fez a substituição das glândulas mamárias por prótese de silicone?

mulher exibindo seios com prótese de silicone

A dupla mastectomia preventiva ganhou popularidade quando a atriz Angelina Jolie se submeteu ao procedimento em 2013, aos 37 anos.

A atriz perdeu a mãe após uma luta de 10 anos contra o câncer de mama e, depois de realizar avaliações genéticas, descobriu alterações no gene BRCA1, de forma que tinha 87% de chances de desenvolver a doença.

Apesar do exemplo da atriz, a mastectomia preventiva não deve ser banalizada. Trata-se de um método invasivo e que só é indicado para casos nos quais há uma elevada chance de desenvolver a patologia.

As mulheres não devem recorrer à substituição das glândulas mamárias por prótese de silicone quando não houver uma indicação estrita do médico de confiança nesse sentido.

Pacientes sem risco aumentado de desenvolver câncer de mama beneficiam-se de métodos preventivos menos invasivos, como a realização periódica da mamografia ou do ultrassom das mamas, em pacientes mais jovens e sem histórico da doença na família.

Os exames de imagem viabilizam identificar calcificações e lesões que podem evoluir para um câncer de mama e também tumores em estágio inicial, aumentando enormemente as chances de sucesso no tratamento oncológico.

Dessa forma, a mastectomia preventiva, apesar de ser uma opção, é reservada a casos graves, devendo ser evitada sempre que o câncer de mama não apresentar risco elevado à paciente.

O diálogo com o médico responsável é fundamental para avaliar qualquer cirurgia, seja com fins estéticos ou de cuidados com a saúde, sendo que o profissional poderá auxiliar nas diversas definições quanto ao tratamento e escolha ou não da prótese de silicone como uma alternativa para o caso.

Ficou interessada? Agende sua consulta agora e tire todas suas dúvidas!

Saiba que todo procedimento envolve riscos. Consulte sempre um médico.


Dra. Luciana L. Pepino.

Diretora Técnica Médica

CRM-SP: 106.491

RQE: 25827

Membro da ISAPS – International Society of Aesthetics Plastic Surgery

Membro da ASPS – American Society of Plastic Surgeon

Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica SBCP

Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Residência Médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Formada em Medicina pela faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte – MG

Dra. Luciana L. Pepino.

Diretora Técnica Médica

CRM-SP: 106.491

RQE: 25827

Membro da ISAPS – International Society of Aesthetics Plastic Surgery

Membro da ASPS – American Society of Plastic Surgeon

Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica SBCP

Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Residência Médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Formada em Medicina pela faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte – MG

Agende sua consulta

Deixe o seu comentário


    Leia Também

    Carregando...

    Campanha #ViralizeOBem

    Agora você tem em suas mãos a oportunidade de transformar vidas. 50 milhões. Não é prêmio acumulado da Mega-Sena. São 50 milhões de brasileiros passando fome. E você pode transformar essa triste realidade, participando da nossa missão!

    imagem de uma criança fantasiada de super-herói em meio a uma situação de miséria
    Quero ajudar!
    imagem de uma criança fantasiada de super-herói em meio a uma situação de miséria
    logo

    Campanha #ViralizeOBem

    Agora você tem em suas mãos a oportunidade de transformar vidas. 50 milhões. Não é prêmio acumulado da Mega-Sena. São 50 milhões de brasileiros passando fome. E você pode transformar essa triste realidade, participando da nossa missão!

    Quero ajudar!

    Assine nossa newsletter

    Assine e receba dicas, novidades, materiais e muito mais.

    whatsapp

    Cirurgias

    Procedimentos

    Links Úteis

    Telefones de Contato

    Políticas de Privacidade

    Dra. Luciana L. Pepino. Diretora Técnica Médica

    CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

    logo

    2022. Dra. Luciana Pepino

    Todos os direitos reservados.