(11) 3285-6412Segunda a Sexta-Feira das 10h às 19h
Clínica Especializada em Cirurgias Plásticas
  • A Clínica
  • Cirurgias
  • Procedimentos
  • Informações
  • Dicas
  • Contato
  • Blog
Agendar Consulta
retornar
Entenda sobre a cirurgia de abdominoplastia

O que é a cirurgia de abdominoplastia?

Cirurgia de abdominoplastia é indicada para redução da flacidez do abdômen. Conheça quais as recomendações e técnicas cirúrgicas desse procedimento

A abdominoplastia consiste na cirurgia plástica indicada para remoção do excesso de flacidez no abdômen. Portanto, o procedimento permite a retirada da pele sobressalente para melhorar o contorno corporal.

Entender o que é a cirurgia de abdominoplastia, quais as indicações e como a cirurgia plástica é feita é fundamental para uma decisão mais consciente sobre a realização do procedimento. Veja tudo a seguir!

Quais as indicações da cirurgia de abdominoplastia?

A cirurgia de abdominoplastia é recomendada para homens e mulheres que estejam insatisfeitos com a estética da região abdominal em decorrência do excesso de flacidez devido à pele sobressalente. O tratamento é, geralmente, indicado em casos como:

  • após a cirurgia bariátrica e perda significativa de peso;
  • em mulheres nas quais múltiplas gestações causaram flacidez abdominal;
  • para pessoas que sofrem com efeito sanfona;
  • para pessoas com tendência à flacidez na região do abdômen.

Apesar dessas indicações, a cirurgia não promove a remoção de depósitos de gordura localizada. Para obter esse resultado é necessário associar o procedimento à lipoaspiração.

Para sua realização, é importante que a paciente passe por uma avaliação com cirurgião plástico para verificar se o procedimento consegue atender às expectativas e entregar os resultados almejados.

Além disso, a indicação da abdominoplastia ou qualquer outra cirurgia plástica depende de uma avaliação médica detalhada para garantir que a paciente esteja em bom estado de saúde e com doenças preexistentes controladas.

Como é feita a abdominoplastia?

Normalmente, a cirurgia pode ser realizada com duas técnicas, a mini abdominoplastia, que consiste na remoção do excesso de pele apenas abaixo do umbigo, e a tradicional, que inclui a flacidez de toda região abdominal.

A mini abdominoplastia é indicada principalmente para mulheres nas quais o excesso de flacidez é causado pela gestação. Nesse caso, é feita apenas uma incisão horizontal acima do púbis.

Na abdominoplastia tradicional são feitas duas incisões, uma horizontal na linha do baixo ventre e outra vertical circundando o umbigo, que pode ser reposicionado no procedimento.

A cirurgia tem duração entre 2 e 3, a depender da técnica, e é feita com anestesia peridural ou geral, a depender das especificidades do caso.

No procedimento, o cirurgião plástico faz a remoção do excesso de pele pela incisão e pode fazer a sutura dos músculos reto-abdominais para tratamento da diástase.

Utilizam-se drenos para evitar o acúmulo de líquidos e fechar a incisão cirúrgica. A paciente pode ter alta hospitalar no mesmo dia ou no dia seguinte.

Quais os cuidados antes e depois da abdominoplastia?

Principais cuidados após a abdominoplastia

No pré-operatório os cuidados incluem as consultas com o cirurgião plástico, exames de saúde e pode envolver também mudanças de hábitos e interrupção de alguns medicamentos. Além disso, o pré-cirúrgico demanda jejum.

No pós-operatório da abdominoplastia os cuidados influenciam diretamente os resultados e incluem: 

  • Repouso;
  • Cinta modeladora;
  • Medicação;
  • Drenagem linfática;
  • Higienização da incisão cirúrgica;
  • Acompanhamento médico.

Com a alta médica, a paciente poderá retomar atividades cotidianas entre uma e duas semanas, mas práticas mais extenuantes, como exercícios físicos, podem ser incorporadas à rotina após cerca de 3 meses.

Os resultados com a abdominoplastia incluem redução das medidas abdominais, correção da flacidez e amenização de estrias. Para mais informações, agende sua consulta.

Saiba que todo procedimento envolve riscos. Consulte sempre um médico.


Dra. Luciana L. Pepino.

Diretora Técnica Médica

CRM-SP: 106.491

RQE: 25827

Membro da ISAPS – International Society of Aesthetics Plastic Surgery

Membro da ASPS – American Society of Plastic Surgeon

Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica SBCP

Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Residência Médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Formada em Medicina pela faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte – MG

Dra. Luciana L. Pepino.

Diretora Técnica Médica

CRM-SP: 106.491

RQE: 25827

Membro da ISAPS – International Society of Aesthetics Plastic Surgery

Membro da ASPS – American Society of Plastic Surgeon

Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica SBCP

Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Residência Médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Formada em Medicina pela faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte – MG

Agende sua consulta

Deixe o seu comentário


    Leia Também

    Carregando...

    Assine nossa newsletter

    Assine e receba dicas, novidades, materiais e muito mais.

    whatsapp

    Cirurgias

    Procedimentos

    Links Úteis

    Telefones de Contato

    Políticas de Privacidade

    Dra. Luciana L. Pepino. Diretora Técnica Médica

    CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

    logo

    2022. Dra. Luciana Pepino

    Todos os direitos reservados.