11 3285-6412
Dra. Luciana L. Pepino / Diretora Técnica Médica
CRM/SP: 106.491 RQE: 25827
Segunda a Sexta-Feira
das 10h às 19h

Drenagem linfática x massagem modeladora. Quais as diferenças?

Benefícios da drenagem linfática

Entenda as principais alterações nas técnicas de drenagem linfática e massagem modeladora

Tanto a drenagem linfática quanto a massagem modeladora são classificadas como terapias manuais tradicionais da área da estética. Contudo, cada uma possui técnicas, objetivos e ferramentas de trabalho diferentes. 

Além disso, cada uma é indicada para um tipo específico de situação, precisando entender o contexto e a necessidade de cada paciente para indicar uma ou outra na solução dos problemas e condições. 

Estes tipos de tratamentos estéticos são realizados, em sua grande maioria, para diminuir a retenção de líquidos, inchaço, reduzir gorduras localizadas ou modelar uma determinada região corporal. 

A importância do entendimento mais profundo de cada técnica está na interferência direta nos resultados e satisfação dos principais objetivos para a procura das técnicas. 

Acompanhe a seguir as definições e principais diferenças entre as modalidades:

Drenagem linfática

Amplamente recomendada nos períodos pré e pós-operatórios, a drenagem linfática é responsável por intensificar o fluxo linfático do corpo, estimulando a eliminação de toxinas, a ativação da circulação linfática e sanguínea, além de diminuir inchaços, fortalecer o sistema imunológico e regular a atividade intestinal.

A drenagem linfática é indicada principalmente para o tratamento de condições como edemas, celulites ou linfedemas, por exemplo, com uma melhora quase imediata na aparência e retenção de líquidos no organismo. 

Os movimentos aplicados são leves, contínuos e com repetições recomendadas ao menos uma vez na semana.

Massagem modeladora

Dicas para relaxar na massagem modeladora

 

A massagem modeladora, por outro lado, tem como seu principal objetivo agir na eliminação da gordura localizada, da flacidez da pele da região escolhida e na promoção de uma melhora na modelagem corporal do paciente. 

Com as técnicas desenvolvidas para a realização deste tipo de massagem, as células adiposas são esvaziadas pelos movimentos vigorosos feitos pela profissional, modelando a área e criando curvas mais acentuadas no corpo.

É comum que cosméticos com ativos termogênicos sejam adicionados nas sessões, buscando promover ainda mais a redução de medidas e remodelação corporal. 

Por ser uma técnica com objetivos mais específicos do que a drenagem linfática, a massagem modeladora precisa de ao menos 10 sessões para completar seu tratamento e atingir o que foi estabelecido na avaliação do profissional escolhido para consultas e direcionamento. 

As principais diferenças entre as técnicas

Em resumo, enquanto a drenagem linfática direciona suas técnicas para melhorar a circulação linfática e eliminar toxinas, a massagem modeladora busca eliminar gorduras e promover uma alteração física na área escolhida para a técnica. 

Os movimentos aplicados na massagem modeladora são fortes e vigorosos, já a drenagem acontece por meio de movimentações suaves, rítmicas e direcionadas. 

A drenagem auxilia na diminuição do inchaço e na melhora do intestino, enquanto a massagem auxilia na redução de medidas e dar contorno ao corpo com a ajuda de cremes e produtos específicos para tal. 

É preciso entender os seus objetivos e, após a avaliação e análise médica, optar pela técnica de terapia manual que melhor se encaixa às suas necessidades específicas. 

Saiba que todo procedimento envolve riscos. Consulte sempre um médico.

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).