11 3285-6412
Dra. Luciana L. Pepino / Diretora Técnica Médica
CRM/SP: 106.491 RQE: 25827
Segunda a Sexta-Feira das 8h às 21h
Sábados das 10h às 14h

Qual a diferença entre drenagem linfática e massagem modeladora?

Mulher recebendo drenagem linfática

Procedimentos têm indicações diferentes de acordo com resultados que podem ser alcançados!

Entender a diferença entre drenagem linfática e massagem modeladora é fundamental para definir o procedimento mais alinhado aos seus objetivos, e obter melhores resultados com a técnica empregada.

A seguir apresentamos o que é a drenagem linfática e também a massagem modeladora, destacando indicações, resultados e benefícios de cada opção. Confira!

O que é drenagem linfática?

A drenagem linfática é uma técnica de massagem que visa estimular o sistema linfático para eliminação da linfa, um líquido rico em proteínas, glóbulos brancos, microrganismo, células mortas, bactérias e toxinas.

O sistema linfático atua como uma terceira circulação além da sanguínea e da venosa. Ele é responsável por levar a linfa, que é amarela e viscosa, aos gânglios linfáticos para filtragem e eliminação.

Com a drenagem linfática esse sistema é estimulado, eliminando toxinas e bactérias do organismo. Além disso, a técnica contribui para amenizar a retenção de líquido, ativar a circulação sanguínea, combater à celulite e promover relaxamento.

Quais as indicações e benefícios da drenagem linfática?

A drenagem linfática é recomenda para pacientes com retenção de líquido e celulite. Além disso, a técnica contribui na recuperação pós-operatória principalmente em casos de cirurgia plástica, como lipoaspiração, abdominoplastia e mamoplastia.

São diversos os benefícios da drenagem linfática, sendo os mais importantes:

  • redução de medidas: a massagem não ajuda na queima de gordura, mas promove uma redução de medidas principalmente quando o inchaço é ocasionada pela retenção de líquidos;
  • prevenção e tratamento da celulite: ao contribuir na eliminação das toxinas do sistema linfático, a técnica contribui na amenização dos nódulos de gordura que causam a celulite;
  • recuperação pós-cirúrgica: a recuperação após uma cirurgia é beneficiada por efeitos da drenagem como oxigenação dos tecidos, circulação sanguínea, produção de colágeno, redução dos hematomas e do acúmulo de líquidos;
  • relaxamento: apesar de existirem massagens com esse objetivo específico, a drenagem também colabora no alívio de tensões e dores, redução do estresse e aumento do bem-estar.

Os resultados da drenagem linfática podem ser observados a partir da primeira sessão, mas a recomendação é que sejam feitas entre 5 a 10 para um resultado mais consistente e satisfatório.

Além disso, é importante que a drenagem linfática seja associada ao consumo adequado de água, alimentação saudável e prática de exercícios físicos.

Mulher fazendo drenagem linfática

O que é massagem modeladora?

Para identificar a diferença entre drenagem linfática e massagem modeladora vamos conhecer um pouco mais sobre esse segundo procedimento.

A massagem modeladora tem como objetivo moldar os contornos corporais, reduzir a gordura localizada, medidas e inchaço. Para esse resultado os adipócitos (gordura) são esvaziados, mas permanecem no organismo.

São realizados movimentos vigorosos para alcançar camadas mais profundas da pele de forma que a técnica ajuda na melhora da circulação e do metabolismo, o que contribui o combate à gordura localizada e celulite quando em níveis leves e moderados.

Para obter melhores resultados com a técnica podem ser usados acessórios como rolos com ventosas, bolinhas com texturas, luvas com texturas, entre outros.

Além disso, são usados cremes com ativos termogênicos, como cafeína ou chá verde, que agem no metabolismo da região tratada e promovem a redução de medidas.

Quais as indicações e benefícios da massagem modeladora?

A massagem modeladora visa à redução de medidas, o combate às gorduras localizadas e o estímulo da circulação sanguínea. Dessa forma, a técnica é indicada para pacientes que apresentem insatisfações estéticas relacionadas a esses fatores.

Os benefícios da massagem modeladora podem ser observados por pacientes que adotam a técnica continuamente ou de forma esporádica, eles incluem:

  • melhora do aspecto da celulite;
  • menor retenção de líquidos;
  • redução das medidas;
  • definição da silhueta.

Os resultados podem ser observados já na primeira sessão caso não haja uma camada espessa de gordura, no entanto, nem sempre os efeitos são imediatos, de forma que a indicação é realizar entre 5 a 10 sessões.

Qual a diferença entre drenagem linfática e massagem modeladora?

A principal diferença entre drenagem linfática e massagem modeladora é que a primeira consiste em uma técnica com indicações clínicas, principalmente no pós-operatório de cirurgias plásticas.

A massagem modeladora apresenta apenas benefícios estéticos, de forma que a indicação dela não tem relação com a saúde da paciente.

Outra diferença é que a primeira é realizada suavemente, apenas para desinchar e melhorar a retenção de líquidos, enquanto a outra técnica é mais vigorosa e pode, inclusive, causar um leve desconforto devido ao uso da força para ativar a circulação.

Portanto, a escolha da técnica ideal deve ser feita com base nas recomendações profissionais e nos objetivos da paciente com o tratamento.

As duas técnicas devem ser executadas por profissionais capacitadas, como uma esteticista experiente ou uma fisioterapeuta.

 

Agende agora a sua consulta!

 

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).
  1. Luciana Andrade disse:

    obrigada Doutora pelas informações, são excelente