Você tem que seguir esses passos para ter a barriga chapada

Mulher com barriga chapada

Saiba como diminuir a barriga para o verão com 7 dicas e garantindo saúde e bem-estar!

Com o verão se aproximando muitas pessoas começam a procurar como diminuir a barriga. Esse resultado é possível com dedicação, mas alcançar essa meta em uma semana é improvável e até mesmo perigoso.

Mesmo uma cirurgia plástica não pode entregar uma barriga chapada em um curto espaço de tempo, então desconfie de dietas malucas ou exercícios que proponham isso.

A seguir apresentamos 7 dicas de como diminuir a barriga para ter resultados mais duradouros e não comprometer a saúde – pelo contrário, melhorá-la.

7 dicas de como diminuir a barriga

Lembre-se que a perda de peso e também as formas de como diminuir a barriga podem demandar um acompanhamento especializado, seja de um nutricionista, preparador físico, fisioterapeuta e até mesmo cirurgião plástico.

A seguir destacamos as ações que podem ser adotadas e que vão te garantir uma barriga chapada e mais bem-estar. Confira!

1. Ter uma alimentação saudável

A alimentação saudável implica em mais da metade do percurso para uma barriga chapada. Estudos comprovam que deficiências nutricionais e maus hábitos causam alterações que influenciam saúde e estética e podem causar acúmulo de gordura na região abdominal.

Portanto, a recomendação é dar preferência para verduras, legumes e frutas, principalmente as frescas ou secas.

As fibras também são bem-vindas, pois ajudam na regulação intestinal que reduz a sensação de abdômen estufado. Outra recomendação é aumentar o consumo de água, pois ela ajuda na hidratação, eliminação de toxinas e diminuição da retenção de líquidos.

Entre os carboidratos dê preferência aos integrais e nas carnes opte por aquelas sem gordura, como peixe e frango. Por fim, a indicação é reduzir a quantidade de comida em cada refeição e fragmentar as porções lembrando-se de mastigar bem para facilitar a ingestão.

2. Praticar exercícios físicos

Os exercícios físicos devem contribuir para a queima de calorias e também para aumento do bem-estar. Nesses casos, a recomendação está nos exercícios cardiorrespiratórios, como as caminhadas, corrida, bicicleta e natação.

Essas atividades ajudam na queima de calorias e podem ser intercaladas para que o organismo não se acostume, promovendo uma constante evolução física.

3. Fazer musculação

Mas se o objetivo é saber como diminuir a barriga para que ela fique chapada, os exercícios cardiorrespiratórios devem ser associados à musculação, em especial aos exercícios abdominais.

Os exercícios abdominais são os mais apropriados para o fortalecimento da musculatura abdominal, o que é essencial na conquista de uma barriga chapada.

Lembre-se de respeitar seu condicionamento físico e, em vez de fazer abdominais todos os dias, intercale sua rotina de exercícios e faça-os entre 3 e 4 vezes por semana.

Não se esqueça de incluir rotinas de musculação para trabalhar outros músculos, afinal, com a musculatura flácida em outras regiões será mais difícil ter a estética desejada.

Diminuir a barriga

4. Consumir alimentos termogênicos

Os alimentos termogênicos são aqueles que aceleram o metabolismo e promovem uma queima de calorias mais rápida, ajudando a obter um resultado mais satisfatório com os exercícios físicos e musculação.

Os principais representantes desse grupo de alimentos incluem o chá verde e café (sem açúcar), sucos verdes, gengibre, pimenta vermelha e canela.

5. Reduzir consumo de álcool

O álcool é um dos principais inimigos da estética e isso tem relação com diferentes fatores do consumo de bebidas alcoólicas, como:

  • para processar as toxinas presentes no álcool e eliminá-las, o fígado deixa de fazer o mesmo com a gordura que está nos demais alimentos ingeridos, como da carne, petiscos e outros;
  • o álcool causa uma redução do metabolismo que fica mais perceptível após os 35 anos. Nas mulheres essa dificuldade de queimar calorias causa um acúmulo de gordura nos quadris e glúteos enquanto nos homens ocorre na cintura.

Portanto, quando fala-se em “barriga de cerveja”, na verdade não há nada relacionado apenas à cerveja, mas com todas as bebidas alcoólicas.

6. Fazer procedimentos estéticos

Alguns procedimentos estéticos ajudam na melhora do contorno corporal e também eliminação de líquidos retidos. Entre eles destacam-se:

  • massagem modeladora: a massagem estimula a circulação sanguínea e aumenta o metabolismo, contribuindo na melhora de celulites e flacidez;
  • drenagem linfática: estimula a eliminação da linfa, reduzindo a retenção de líquidos e sensação de inchaço e melhorando a oxigenação nas células.

Ambas as técnicas vão contribuir para um corpo mais definido e são dicas de como diminuir a barriga, principalmente se ela for associada ao inchaço e retenção de líquidos.

7. Fazer uma abdominoplastia

A abdominoplastia consiste na cirurgia plástica para remoção do excesso de pele e flacidez da região abdominal. O procedimento invasivo não será recomendado como primeira alternativa, mas poderá ser indicado se os demais cuidados não apresentarem os resultados desejados.

Em geral, a abdominoplastia é indicada após a cirurgia bariátrica, que resulta em uma grande perda de peso e excesso de pele na região do abdômen.

Além disso, a técnica também é recomendada para pacientes após múltiplas gestações, com oscilações de peso ou que têm tendência genética ao acúmulo de gordura na região abdominal.

Na técnica é realizada a remoção do excesso de pele e também a sutura da musculatura abdominal para evitar a flacidez muscular.

Dessa forma, a abdominoplastia está entre as principais formas de como diminuir a barriga e deixar o abdômen chapado, mas como afirmado, ela não substitui uma dieta balanceada e a realização de exercícios físicos para controle do peso e do contorno corporal.

A indicação da abdominoplastia deve ser feita pelo cirurgião plástico após avaliação detalhada das insatisfações da paciente e também da condição de saúde.

 

Agende agora a sua consulta!

 

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).
WhatsApp Clique aqui e fale conosco via WhatsApp