Como fortalecer unhas e cabelos

Mão com unha pintada de vermelho e desenhada com a palavra ''love'' nos dois dedos do meio.

Unhas e cabelos são elementos muito valorizados no universo da beleza, mas mantê-los fortes e saudáveis também é uma questão de saúde. Veja como cuidar bem deles no dia a dia!

Saber como fortalecer unhas e cabelos não é apenas uma questão de estética, mas também de saúde. Afinal, essas estruturas fazem parte do nosso revestimento e exercem funções importantes no organismo.

Tanto as unhas quanto os cabelos são compostos por queratina, uma proteína impermeável à água, e exercem função de proteção das nossas extremidades.

Além disso, enquanto as unhas nos ajudam a ter mais precisão na ponta dos dedos, os cabelos assumem o papel de um isolante térmico que protege o couro cabeludo da radiação solar e do atrito.

E, claro, não podemos deixar de lado o fato de que unhas e cabelos fazem parte do universo da beleza, especialmente entre as mulheres. Unhas longas, fortes, esmaltadas e muitas vezes decoradas fazem parte do look, igualzinho a um acessório.

Os cabelos, por sua vez, dão forma e valorizam os traços faciais, servindo como moldura para o rosto – além de serem considerados um elemento da feminilidade.

Cuidados para fortalecer unhas e cabelos

Seja para exercer suas funções biológicas ou para corresponder às expectativas estéticas, unhas e cabelos precisam estar saudáveis, íntegros e resistentes. Por isso, os cuidados para fortalecer unhas e cabelos devem ser incluídos na nossa rotina. Conheça os principais:

1. Hidrate unhas e cutículas

Da mesma forma que devemos utilizar um hidratante corporal para restaurar a barreira de proteção da pele, unhas e cutículas também merecem esse cuidado. Para isso, você pode aplicar diariamente um creme ou óleo específico para essa região, como o óleo de coco.

Além disso, é fundamental utilizar luvas para proteger as mãos do contato com os produtos de limpeza, que podem causar ressecamento, alergia e inflamação.

2. Evite colocar as mãos na boca

Roer as unhas é um hábito muito prejudicial porque favorece a entrada de germes no nosso organismo, podendo causar diversos tipos de infecção. Além disso, esse é um costume que enfraquece as unhas, que ficam mais frágeis e inflamadas devido à acidez da saliva.

3. Não exagere ao tirar a cutícula

No Brasil, a tendência é remover toda a cutícula, mas essa pelinha não está ali à toa, pois ela serve de proteção contra a entrada de bactérias e fungos causadores de doenças.

Por isso, o ideal é apenas empurrar as cutículas para baixo, removendo apenas o excesso e as peles que estão levantadas. A hidratação é essencial para manter as cutículas bonitas.

4. Tenha seu próprio kit de manicure

Para evitar a transmissão de micoses e doenças como hepatite, o ideal é ter seu próprio kit, incluindo palitos e lixas descartáveis e instrumentos de metal que devem ser lavados cuidadosamente com água, sabão e álcool entre cada uso.

Se isso não for possível, frequente apenas manicures que ofereçam kits embalados em pacotes individuais lacrados, os quais devem conter alicates e espátulas que foram esterilizados na autoclave, lixas e palitos de uso único e saquinhos plásticos com creme para cutícula.

5. Faça um intervalo entre as esmaltações

Por mais que você adore ter as unhas sempre bem pintadas, a Sociedade Brasileira de Dermatologia recomenda deixá-las sem esmalte por pelo menos dois a três dias entre uma manicure e outra.

O uso contínuo de esmaltes pode ressecar e enfraquecer as unhas, e esses efeitos são ainda mais acentuados com o uso de acetona. Por isso, é preferível utilizar um removedor que não contenha essa substância.

Mulher com cabelo cacheado olhando para flor.

6. Lave o cabelo com água morna

A água quente remove a oleosidade natural dos cabelos e do couro cabeludo. Em um primeiro momento, os fios tendem a ficar fracos, quebradiços e sem brilho. Porém, esse hábito também pode causar um efeito rebote e aumentar a produção de óleo.

Com isso, o cabelo fica com aspecto de sujo e pode ocorrer uma irritação no couro cabeludo, dando origem à descamação.

7. Não exagere no uso do secador e da chapinha

A exposição constante dos fios a temperaturas elevadas pode deixá-los ressecados e sem vida. Além disso, o atrito da chapinha pode provocar a quebra do cabelo, um efeito que será ainda mais acentuado se ele estiver úmido.

Assim, para fortalecer as madeixas, recomenda-se utilizar a chapinha no máximo uma vez por semana e utilizar o secador com vento frio.

8. Espere o cabelo secar bem antes de prendê-lo ou de dormir

Para ter cabelos fortes e saudáveis, evite prendê-los enquanto ainda estiverem úmidos. Como eles não conseguem “respirar”, o acúmulo de água favorece o surgimento da dermatite seborreica (caspa) e a proliferação de fungos.

Além disso, aguarde os cabelos estarem totalmente secos antes de dormir, pois esses efeitos são agravados pelo atrito dos fios com o travesseiro, aumentando o “abafamento” na região.

9. Tenha uma alimentação saudável

Assim como qualquer outra parte do corpo, unhas e cabelos são afetados pela nossa alimentação – e uma dieta pouco saudável certamente trará prejuízos.

Como essas estruturas são constituídas por proteínas, é importante incluir no cardápio alimentos ricos nesse nutriente, como salmão e frango. Além disso, eles oferecem zinco, um mineral essencial para as unhas.

Para fortalecer unhas e cabelos, também não podem faltar micronutrientes como vitamina A, vitaminas do complexo B e vitamina C, que estão presentes em vegetais de folhas verde-escuras, como brócolis e couve-manteiga.

10. Procure o dermatologista em caso de dúvida

Caso você note alguma alteração em suas unhas e cabelos e não consiga descobrir sua origem, é recomendado buscar ajuda do dermatologista. Afinal, mudanças nessas estruturas podem ser apenas um problema local, mas também podem indicar condições mais sérias.

Você já segue todos esses cuidados com as unhas e os cabelos? São hábitos simples, mas capazes de proporcionar mais saúde, força e beleza a essas estruturas que nós tanto valorizamos. Compartilhe suas dicas nos comentários!

Agende agora a sua consulta!

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).