Hidratante para o corpo: 5 motivos para você nunca mais deixar de usar

porque usar hidrante corporal

Descubra excelentes razões para usar o hidratante diariamente e espante a preguiça

 

Você é supercaprichosa com a pele do rosto, não dorme de maquiagem e sempre aplica filtro solar? Parabéns! Esses hábitos são essenciais para manter a saúde, a beleza e a juventude da pele. Mas… como andam os cuidados com a pele do corpo?

Temos que admitir: muitas vezes, com a correria do dia a dia, só pensamos em tomar banho e sair correndo para o escritório pela manhã, ou, quando chegamos em casa, saímos do chuveiro já pensando em cair na cama.

No meio disso tudo, o hidratante corporal sempre vai ficando para depois.

Mas não deveria ser assim! O uso diário de produtos hidratantes para o corpo pode trazer muitos benefícios para você. Conheça alguns motivos para espantar a preguiça e passar hidratante todos os dias:

 

  1. Pele hidratada é uma proteção a mais contra micro-organismos

Antes de ser uma preocupação estética, saiba que manter a pele bem hidratada é importante também para a nossa saúde.

Isso porque quando a pele está íntegra, hidratada e nutrida, ela consegue exercer com muito mais eficiência sua função de proteger nosso corpo da entrada de micro-organismos que podem causar doenças.

Uma pele ressecada fica mais propensa a lesões, mesmo que sejam microfissuras que a gente nem percebe se não prestar muita atenção.

 

Porém, essas lesões são suficientes para que germes como bactérias, vírus e fungos consigam atravessar nossa pele, podendo dar origem a infecções cutâneas ou até mesmo cair na corrente sanguínea.

Por isso, além de tomar no mínimo 2 litros de água por dia (afinal, a hidratação também precisa ser feita de dentro pra fora), é essencial que você aplique um creme hidratante diariamente.

Esse hábito vai ajudar seu corpo a manter uma película que protege a pele da perda excessiva de água, evitando o ressecamento.

 

  1. O hidratante ajuda a evitar as estrias

As estrias surgem quando ocorre uma distensão na nossa pele que ultrapassa os limites de sua capacidade elástica, como acontece na adolescência, na gestação ou no efeito sanfona.

Com o estiramento, as fibras de elastina se rompem, dando origem a linhas que se parecem com cicatrizes. No começo elas são mais avermelhadas e depois ficam mais claras.

Uma das formas de evitar o surgimento das estrias é usando cremes hidratantes, pois, quando mais hidratada a pele, mais resistente ela será ao estiramento, preservando as fibras de elastina e colágeno.

Os melhores hidratantes para evitar o surgimento das estrias costumam ter ingredientes como vitamina E, elastina, colágeno, lactato de amônia, ureia (até 3%) e óleos vegetais como o de amêndoas ou de semente de uva.

 

como hidratar a pele

 

  1. Mantém sua pele saudável no inverno

A gente sabe que, no inverno, dá ainda mais preguiça de usar hidratante, não é mesmo? Afinal, ninguém quer ficar passando frio enquanto espalha o produto e espera o creme secar para poder se vestir novamente.

Porém, saiba que a hidratação da pele é ainda mais importante nessa estação do ano.

Isso porque, no inverno, costumamos tomar banhos mais quentes e mais demorados, e isso faz com que a oleosidade natural da nossa pele seja perdida, deixando-a sem sua camada de proteção.

Para repor essa perda, é importantíssimo utilizar um hidratante diariamente logo após o banho.

 

Além disso, por ser uma época mais seca, com menos umidade do ar, é mais fácil perdermos água para o ambiente, desidratando ainda mais a nossa pele, que fica ainda mais sujeita ao ressecamento – mais um motivo para caprichar no hidratante.

Se você simplesmente não consegue enfrentar o frio para aplicar produto, experimente usar um hidratante de banho, que pode ser aplicado ainda no chuveiro. Dessa forma, você fica hidratada e não precisa tremer de frio todos os dias.

 

  1. Cuide dos cotovelos, joelhos e pés

A gente sabe que a maior preocupação que costumamos ter quando se trata da pele é em relação ao rosto, pois é essa parte do nosso corpo que mais fica à mostra e que mais revela sinais da passagem do tempo.

Porém, não podemos descuidar de outras partes que também precisam de uma atenção especial.

Enquanto o rosto e o couro cabeludo, por exemplo, são áreas com muitas glândulas sebáceas, capazes de produzir óleos que protegem a pele da desidratação, outras áreas, como os cotovelos, os joelhos e os pés não apresentam tantas glândulas assim. E você qual é o resultado: a pele dessas regiões é naturalmente mais seca.

 

Não adianta nada cuidar apenas do rosto e se esquecer dessas regiões, que podem ficar com a aparência esbranquiçada e quebradiça quando estão desidratadas – sem falar que essa é uma aparência esteticamente desagradável.

Por isso, para manter a saúde e a beleza dessas partes do corpo, é necessário caprichar na hidratação. Existem produtos especiais para essas regiões, que oferecem uma hidratação mais profunda, como no caso das manteigas corporais.

 

  1. Melhore sua autoestima e relaxe a mente

Dedicar um tempo especialmente para cuidar do seu corpo vai fazer com que você preste mais atenção a ele, à textura da sua pele e às suas formas – e isso de uma maneira positiva, pois você está em um momento de cuidados com você mesma.

Aplicar um creme hidratante sem pressa, fazendo uma massagem em você mesma, vai ajudar você a se conectar com o seu próprio corpo, deixando mente e organismo mais alinhados por meio do seu toque.

Com o dia a dia corrido, acabamos dando tanta ênfase à nossa função pensamento que o corpo, coitado!, acaba ficando meio de lado, não é mesmo?

 

Ao se redescobrir, você vai perceber que está fazendo bem a você mesma, e isso nos ajuda a elevar nossa autoestima. Além disso, a textura e o perfume do creme propiciam um excelente momento para relaxar a mente, quando você pode se esquecer um pouco dos problemas do cotidiano para se dedicar à sua beleza e à sua saúde. Faz bem para o corpo e para a mente!

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).