11 3285-6412
Dra. Luciana L. Pepino / Diretora Técnica Médica
CRM/SP: 106.491 RQE: 25827
Segunda a Sexta-Feira
das 10h às 19h

Toxina Botulínica para o rosto: esclareça todas as suas dúvidas e descubra como ele pode te ajudar a recuperar a autoestima!

A Toxina Botulínica facial corrige todo tipo de ruga? Pode ser utilizado para aumentar os lábios? Deixa a expressão artificial? Leia mais e saiba a resposta para essas e outras perguntas.

A aplicação da toxina botulínica é o procedimento estético mais realizado no Brasil. Sua fama não é à toa, tendo em vista que ele é uma excelente solução para suavizar pés de galinha, rugas na testa e vincos na glabela, por exemplo. Devolvendo ao rosto um aspecto mais descansado e jovem, ele é capaz de fazer você se sentir muito melhor com a sua própria aparência.

Até porque, muitas vezes, nossa face não reflete a idade que realmente temos ou sentimos ter. Isso pode acontecer em decorrência de diversos fatores, como a genética ou o estilo de vida. Se você sofre com esses problemas, o Botox para o rosto é um recurso muito válido para recuperar sua autoestima. Por isso, preparamos este material para esclarecer as principais dúvidas sobre o assunto. Confira!

Botox para o rosto é a mesma coisa que preenchimento?

Embora esses dois procedimentos estéticos sejam muito usados em conjunto para combater o envelhecimento (entre outras funções), eles não são a mesma coisa e têm naturezas bem diferentes.

O Botox é um dos nomes comerciais da toxina botulínica, produzida pela bactéria Clostridium botulinum. Ele causa a paralisação dos músculos da face em pontos estratégicos. Com isso, a pele não vinca mais e a aparência das rugas diminui bastante.

Já o preenchimento consiste na aplicação do ácido hialurônico, uma substância que existe naturalmente em nosso organismo. Ele é usado para preencher tanto as rugas mais profundas, como o “bigode chinês”, quanto os espaços que vão perdendo a gordura e o viço naturais com o tempo, como as maçãs do rosto e as olheiras.

Toda ruga pode ser tratada com Botox?

O Botox para o rosto é utilizado para tratar as rugas dinâmicas que surgem quando fazemos uma expressão facial (como os pés de galinha e as linhas da testa). Nesse caso, o tratamento tem seu mecanismo baseado na paralisação do músculo.

Dessa forma, a toxina botulínica não é indicada para tratar as rugas estáticas, ou seja, os sulcos permanentes que aparecem independentemente da expressão facial, como o bigode chinês. Para esse tipo de ruga, o preenchimento é uma opção mais interessante.

Quanto tempo leva para o Botox dar resultado?

Logo ao sair da clínica ou consultório, é normal não conseguir observar um efeito muito significativo depois de uma aplicação de Botox. Os resultados começam a aparecer dentro de 48 a 72 horas e atingem seu potencial máximo em cerca de duas semanas.

É muito importante evitar ficar de cabeça baixa logo depois da aplicação, não forçar os músculos faciais e não fazer caretas pelo menos na primeira semana. Isso vai contribuir para um melhor resultado do procedimento e evitar eventuais problemas.

Quanto tempo dura o efeito do Botox?

Como a maioria dos procedimentos estéticos, o Botox para o rosto tem efeito temporário. Nas mulheres, a suavização das rugas dura por cerca de 4 a 6 meses. Já nos homens, que têm uma musculatura mais firme, o efeito costuma permanecer por até 4 meses.

Tudo vai depender das áreas aplicadas e da força das suas expressões faciais. Pessoas mais expressivas costumam perder o efeito da toxina mais rápido do que aquelas que fazem menos movimentos, principalmente na testa e entre as sobrancelhas, onde a musculatura é mais forte.

O Botox vai me deixar sem expressão?

Quando o procedimento é feito por um médico dermatologista ou cirurgião plástico experimente, isso não vai acontecer. A toxina botulínica é aplicada apenas no músculo responsável por formar a ruga, deixando um efeito rejuvenescedor bastante natural.

O congelamento das expressões pode ser feito se isso for solicitado pelo paciente, de forma que se deve aplicar uma dose maior para paralisar totalmente os movimentos. Contudo, a maioria das pessoas busca um resultado mais discreto.

O Botox pode ser utilizado para aumentar os lábios?

Não, esse tratamento estético não oferece esse efeito. A reposição ou o aumento do volume dos lábios ou de outras regiões, como as maçãs do rosto, o maxilar e as mãos, podem ser feitos com o preenchimento, mas não com o Botox. Entretanto, problemas como sorriso gengival podem ser solucionados ou atenuados com a aplicação da toxina.

Esclareça dúvidas sobre botox no rosto

Quem faz Botox fica com a boca torta?

Esse é um efeito muito indesejável que só vai acontecer se o procedimento não for bem executado. Se for aplicada uma quantidade de toxina botulínica maior em um dos lados da boca, por exemplo, isso pode ocorrer. Contudo, quando o Botox para o rosto é feito por um bom profissional, isso não acontece.

Preciso me afastar do trabalho após aplicar botox no rosto?

Não é necessário se afastar das atividades laborais, de modo que a volta ao trabalho é imediata. O procedimento é bem rápido e costuma ser feito no consultório do profissional sem a necessidade de muita preparação prévia.

Contudo, é muito importante que o paciente não tome sol e evite fazer exercícios e esforços físicos, massagear o local, deitar-se ou permanecer com a cabeça baixa pelo menos nas quatro horas seguintes à aplicação.

Como fica o rosto depois de uma sessão de botox no rosto?

O Botox para o rosto é bem discreto e não deixa grandes marcas na pele. No entanto, podem surgir pequenos nódulos no local da aplicação, os quais desaparecem em alguns minutos. Da mesma forma, por ser um procedimento que necessita da inserção de agulhas na pele, podem surgir pequenos hematomas, pois não há como evitar por completo que algum vasinho seja atingido.

O Botox pode ser utilizado para arquear a sobrancelha?

Sim. A toxina botulínica pode ser utilizada para levantar as sobrancelhas, o que confere um aspecto mais jovial à face. Para isso, a aplicação é feita na glabela (região entre as sobrancelhas), nas laterais e em alguns pontos acima delas.

Dessa forma você consegue atenuar o aspecto cansado resultante da queda das pálpebras, que geralmente é causada pela flacidez da pele. Em determinados casos, porém, pode ser necessário recorrer a uma blefaroplastia — cirurgia que corrige o aspecto das pálpebras.

Qual é a eficácia do Botox para tratar o suor excessivo?

Além de seus usos estéticos, a toxina botulínica pode ser empregada de maneira muito eficiente no tratamento da hiperidrose. Especialmente quando o suor em excesso atinge axilas, mãos, pés e fronte.

Nesse caso, o Botox promove o bloqueio da transmissão do estímulo que vem do sistema nervoso autônomo, impedindo a produção do suor nas regiões tratadas. Entretanto, assim como acontece no tratamento das rugas, o efeito da toxina botulínica na hiperidrose é temporário.

Como ele não danifica as glândulas sudoríparas, elas voltarão a produzir suor em 4 a 6 meses, de modo que será necessário fazer uma nova aplicação. Mas para quem sofre com o suor excessivo, o Botox pode ser uma excelente solução.

Dói muito aplicar Botox para tratar a hiperidrose?

A toxina botulínica é injetada de 1 a 2 cm dentro da pele, com agulhas finas. Nas axilas, a aplicação é mais tranquila, mas ela pode ser mais incômoda nas mãos e nos pés. Nesse caso, é possível utilizar um anestésico local para aliviar o desconforto.

Existe alguma contraindicação com relação ao uso do Botox no rosto?

Em geral, a aplicação do Botox é muito segura. Não existe uma idade específica para iniciar os cuidados e, cada vez mais, ele tem sido usado como prevenção. Recomenda-se, porém, que ele seja usado após os 25 anos de idade. Ainda, não deve ser aplicado em grávidas, lactantes e pacientes que tenham alergias aos componentes da fórmula.

Além disso, pessoas portadoras de patologias neuromusculares e usuários de anticoagulantes ou de quaisquer outros medicamentos que causam interferências na transmissão neuromuscular também não devem fazer uso. Portanto, consulte um(a) médico(a).

Quais são os riscos de fazer botox no rosto?

Quando o Botox é aplicado por um bom profissional, os riscos são muito pequenos. No entanto, é possível que ocorram alguns contratempos depois da aplicação. Entre eles, o mais comum é a assimetria. Ficar com uma sobrancelha mais alta que a outra, o sorriso torto ou uma parte do rosto mais rígida que a outra são situações que podem acontecer.

Por isso, é muito importante que o seu profissional tenha experiência e um profundo conhecimento sobre o produto que está usando, bem como sobre a anatomia do rosto e do paciente. Caso contrário, você só vai se livrar do problema depois de quatro a seis meses, quando o Botox perde o efeito.

Outro risco é ficar com a aparência muito plastificada, ou seja, sem expressões faciais. Embora muita gente goste desse visual, isso pode ser um grave problema para atores, atrizes e pacientes que buscam um efeito mais natural.

O Botox para o rosto pode ser um grande aliado no combate aos sinais do envelhecimento, como as linhas de expressão, mas também pode ser empregado de maneira terapêutica em uma série de problemas, como a hiperidrose e até mesmo o bruxismo. Além disso, é possível associar o seu uso a outros procedimentos, como o preenchimento facial. Com isso, você conquistará resultados muito mais consistentes.

Se você quiser tirar mais dúvidas sobre o assunto, agende um horário com a Dra. Luciana Pepino! Além de ser referência no assunto, ela ainda vai fazer uma análise facial completa para deixar sua aparência muito mais jovem e revitalizada. Está esperando o que para dar um up na sua autoestima? Entre em contato com a gente e marque logo sua consulta!

Saiba que todo procedimento envolve riscos. Consulte sempre um médico.

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).
  1. gracilene santos disse:

    olá, meu nome é Gracilene, belissimo conteúdo explicativo sobre o uso do botox, nunca é de mais estarmos por dentro de assunto tão valiosos quanto esse, e hj tudo que pudermos fazer para sentirmos bem é excelente.