11 3285-6412
Dra. Luciana L. Pepino / Diretora Técnica Médica
CRM/SP: 106.491 RQE: 25827
Segunda a Sexta-Feira
das 10h às 19h

5 procedimentos para manter a silhueta

Veja como é possível afinar a cintura

Conheça os principais procedimentos para afinar a cintura e como utilizá-los

O estilo de vida, a saúde corporal e a aparência física se tornam cada vez mais uma preocupação entre homens e mulheres. 

Para as mulheres a pressão estética pode ser ainda mais pesada, fazendo com que procedimentos para afinar a cintura, por exemplo, sejam bastante procurados para alcançar o corpo perfeito. Separamos 5 dicas essenciais para manter a silhueta em dia, acompanhe com a gente:

Veja a seguir quais são os procedimentos para afinar a cintura!

1. Laserlipólise

A Lipoaspiração a laser é uma técnica que utiliza de uma microcânula com fibra óptica que é capaz de quebrar as células de gordura e, consequentemente, eliminá-las da região em que foi aplicada. 

Geralmente é feita em regiões em que a retirada de gordura não é tão significativa, mas como estamos falando de procedimentos para afinar a cintura, esta técnica pode ser salvadora! A redução pode chegar a até 8 centímetros de diferença, dá para imaginar?

A anestesia deste tipo de cirurgia é geral ou peridural, diminuindo o período de internação e facilitando o pós-operatório.

O Laser faz com que a coagulação dos vasos sanguíneos da região seja quase automática, o que reduz o sangramento e evita complicações posteriores neste sentido.

2. Lipocavitação

Também conhecida como uma lipo sem cirurgia, a lipocavitação possui baixos riscos à saúde e é super indicado para quem deseja eliminar gordura localizada. Barriga, cintura, coxas, flancos e costas são as regiões do corpo mais indicadas para esta técnica.

Realizada a partir de ondas ultrassônicas, este procedimento para afinar a cintura penetra as células de gordura e as implodem, direcionando-as para a corrente linfática. A lipocavitação pode eliminar até 80% da gordura localizada e consegue modelar e definir a região.

3. Lipomioescultura

Semelhante a lipo tradicional que já estamos acostumadas, a lipomioescultura leva em consideração o direcionamento das fibras musculares presentes na região, fazendo com que o resultado do procedimento seja mais uniforme e menos invasivo.

Visando acentuar os desenhos dos músculos, a técnica pode acentuar os gomos musculares do abdômen, modelar a silhueta e diminuir até dois números de manequim.

4. Radiofrequência

Este tratamento é utilizado para, além de eliminar a gordura localizada, combater a flacidez, sendo conhecida pelos seus efeitos duradouros e segurança.

O aparelho utilizado neste procedimento para afinar a cintura eleva a temperatura da pele e do músculo contraindo o colágeno e a elastina, rompendo, também, as membranas da célula de gordura ocasionando a sua eliminação.

Os resultados desta técnica são progressivos e podem ser observados nos primeiros dias após a primeira sessão. Por ser um tratamento e não uma cirurgia, quanto mais sessões de radiofrequência você se submete, maiores e melhores serão os resultados.

5. Massagem modeladora

Indicada para a redução de gordura localizada e ativação do sistema circulatório, os movimentos de amassamento, deslizamento e pinçamento ativam o sangue e eliminam as toxinas da região.

Este processo modela o corpo, diminui medidas e esvazia células de gordura adiposa apenas com as manobras manuais. Associada a cremes liporredutores, a massagem modeladora é ótima para quem quer alcançar resultados sem a interferência cirúrgica.

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).