Recuperação da rinoplastia: entenda como funciona

Mulher oriental com foco no rosto

Cirurgia plástica do nariz demanda cuidados diversos no pós-operatório para bons resultados!

A cirurgia plástica do nariz está entre os procedimentos que exigem mais cuidados no pós-operatório devido à região demorar a desinchar e cicatrizar, o que demanda maior atenção durante a recuperação da rinoplastia.

Como a região do nariz é muito sensível e delicada, exige diversos cuidados no pós-operatório, incluindo um repouso total de 7 dias para evitar complicações.

Pensando nisso, apresentamos a seguir os principais cuidados na recuperação da cirurgia e outras dicas para quem vai passar por este processo. Confira!

Quais os cuidados na recuperação da rinoplastia?

Os cuidados no pós-operatório da rinoplastia envolvem todas as áreas, desde repouso até alimentação e posição para dormir. Conheça os principais aspectos que demandam atenção no pós-operatório da cirurgia plástica do nariz.

Curativo

Antigamente, o curativo da rinoplastia era em gesso, no entanto, a opção era desconfortável para os pacientes..

Dessa forma, atualmente, os cirurgiões plásticos optam pelo plástico enrijecido que garante uma melhor fixação, é mais higiênico e não impede o paciente de lavar o rosto.

O plástico é moldado ao nariz para proporcionar mais estabilidade ao novo formato e é mantido por, aproximadamente, 7 dias.

Em seguida, o cirurgião plástico faz a substituição do plástico pela fita adesiva que imobiliza o nariz e deve ser mantida também por 7 dias.

Os tampões para controlar o sangramento, em geral, são usados apenas nas 24 horas do pós-cirúrgico que é o período com maiores chances dessa ocorrência.

Respiração

Muitos pacientes têm receio de que a cirurgia de rinoplastia prejudique a respiração, mas essa situação só costuma acontecer nos primeiros dias devido ao inchaço e presença de coágulos no local.

O médico responsável pode indicar o uso de descongestionantes para aliviar esse aspecto, mas após a primeira semana ao inchaço deve diminuir, principalmente quando aplicadas compressas geladas na região, mas lembre-se de não pressionar o nariz.

Alimentação

Durante os primeiros sete dias, que são os mais críticos da recuperação da cirurgia, a recomendação é que o paciente alimente-se com comidas pastosas e frias.

A necessidade de mastigação, principalmente no caso de alimentos mais duros, pode forçar a região elevando a dor e o incômodo do paciente.

Repouso

O repouso é fundamental durante a recuperação da cirurgia plástica do nariz. Nos primeiros 7 dias a indicação é de repouso absoluto, sendo que o paciente não deve retornar ao trabalho ou estudos nesse período mesmo se as atividades forem leves.

Entre o 8º e 15º a recomendação é de um repouso moderado, podendo retomar as atividades cotidianas desde que elas não demandem esforço físico.

Como os pontos são retirados em cerca de 7 dias e o curativo em 15 dias esse é o período médio que o paciente deve ficar afastado das atividades.

Em geral, o cirurgião plástico dá uma semana de atestado médico, evitando que o paciente tenha que retomar precocemente a rotina.

Exercícios físicos

Foco no nariz de mulher

Os exercícios físicos podem ser retomados em três semanas, desde que sejam realizados moderadamente e não apresentem riscos de impacto com a região operada.

Um ritmo mais intenso de treinamentos físicos pode ser autorizado entre dois e três meses que é quando o processo de cicatrização está mais avançado.

Destaca-se, entretanto, que a autorização deverá ser dada pelo cirurgião plástico responsável após avaliação da evolução do paciente e do exercício específico que será realizado.

Dor

A recuperação da rinoplastia não costuma ser dolorosa aos pacientes, no entanto, incômodos ou dores podem ser amenizados com os analgésicos recomendados pelo médico.

Os hematomas costumam reduzir após um período, médio, de 20 dias, sendo a ocorrência de dor mais incomum depois desse prazo.

Protetor solar

A exposição solar após a rinoplastia é totalmente contraindicada, razão pela qual muitos pacientes optam por submeter-se à cirurgia no inverno.

Caso haja a exposição ao sol deve-se sempre usar o protetor solar, pois a ausência desse cuidado pode resultar no surgimento de manchas, principalmente se as cicatrizes forem visíveis.

Sangramento

O sangramento nasal é mais comum nos dois primeiros dias do pós-operatório da rinoplastia, no entanto, nem sempre ocorre.

Ele é mais frequente em pacientes que realizaram a correção do septo nasal associado à correção estética.

Caso o sangramento ocorra posteriormente ou seja muito intenso é fundamental comunicar a equipe médica.

Posição ao dormir

Durante os primeiros sete dias da recuperação a recomendação é que o paciente mantenha a cabeça elevada, tanto na hora de dormir quanto nos períodos de repouso.

Utilize dois travesseiros para manter a cabeça mais elevada que o tronco. Esse cuidado reduz as chances de sangramento, evita que o sangue chegue aos pulmões e garante uma melhor respiração.

Cuidados adicionais

Durante os primeiros dias da recuperação da cirurgia plástica é importante que o paciente adote cuidados como:

  • não abaixar a cabeça rapidamente;
  • não assoar o nariz;
  • não utilizar óculos.

Esses hábitos podem ser retomados conforme haja a autorização médica específica.

Cicatrizes da rinoplastia

Em geral, as cicatrizes da rinoplastia são muito discretas e, na maior parte dos casos, internas.

Apesar de serem pequenas e em locais discretos, a cicatrização no nariz é lenta, sendo que demora cerca de um ano para que o paciente obtenha os resultados definitivos da rinoplastia.

A cicatrização é mais lenta conforme a pele seja mais espessa, como no caso de homens e afrodescendentes. Esse processo deverá ser monitorado de perto pelo cirurgião plástico responsável.

Portanto, apesar de envolver vários aspectos, a recuperação da cirurgia de rinoplastia é tranquila e deve ser realizada corretamente para garantir um resultado mais satisfatório.

 

Agende agora a sua consulta!

 

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).
WhatsApp Clique aqui e fale conosco via WhatsApp