(11) 3285-6412Segunda a Sexta-Feira das 10h às 19h
Clínica Especializada em Cirurgias Plásticas
  • A Clínica
  • Cirurgias
  • Procedimentos
  • Informações
  • Dicas
  • Contato
  • Blog
Agendar Consulta
retornar
ddescubra as causas e tratamentos para o mamilo invertido

O que é o mamilo invertido?

Mamilo invertido não gera prejuízos à saúde da paciente, mas pode ser corrigido por motivações estéticas ou amamentação. Saiba mais a seguir!

O mamilo invertido, também conhecido como mamilo retraído, consiste em casos nos quais os mamilos estão voltados para dentro da aréola e não para fora, acometendo homens e mulheres de diferentes idades.

A condição pode afetar 10% das mulheres, no entanto, não resulta em prejuízos à qualidade de vida, não altera a sensibilidade dos seios e não predispõe a paciente a problemas de saúde, como o câncer de mama.

A seguir saiba quais as causas comuns desse problema, como identificá-lo e também as opções de tratamento.

Quais as causas do mamilo invertido?

Em geral, o mamilo invertido não é visto como preocupante pelos médicos, podendo estar presente desde o nascimento ou manifestar-se na adolescência, ser resultado de um processo gradual de inversão ao longo dos anos ou fruto de evento atípico, como gestação e amamentação.

Além dessas situações, pode ser causado por diferentes motivos, como: 

  • mastite;
  • abscesso sob a aréola;
  • dilatação incomum dos ductos mamários durante a lactação;
  • no pós-operatório de cirurgia nas mamas;
  • câncer de mama.

A avaliação especializada é fundamental para identificar as causas do mamilo invertido, contribuindo também no diagnóstico do grau e recomendações de tratamento.

Como identificar o mamilo invertido?

três mulheres juntas usando roupa íntima nude sorrindo para simbolizar o problema do mamilo invertido

O mamilo invertido não responde normalmente a alguns estímulos externos, como no teste da pinça, sendo inviável pegá-lo, ao frio ou a estímulos íntimos, sendo que não enrijece nesses casos.

A parte de testes de estimulação, o especialista poderá verificar o grau de inversão do mamilo, sendo três:

  • grau 1: nos quais ocorre a saída do mamilo, com projeção temporária;
  • grau 2: apesar de ser possível a projeção do mamilo para fora, ela não é duradoura, e ele retrai novamente em um curto período de tempo;
  • grau 3: casos mais graves nos quais não há a projeção do mamilo nem sob estímulo, podendo ter relação com quadros de fibrose e atrofia dos ductos mamários.

Diferentes exames podem ser solicitados na investigação do mamilo invertido, como ultrassonografia ou mamografia.

Os exames de imagem contribuem na acurácia do diagnóstico, permitindo visualizar condições como cistos, tumores, abscessos, processos inflamatórios, fibrose do tecido e dilatação de ductos mamários.

Como é feito o tratamento ?

Um primeiro aspecto relevante é que nem sempre o mamilo invertido demanda tratamento, pois não gera implicações de saúde às pacientes.

A amamentação não costuma ser prejudicada, uma vez que a vazão do leite materno ocorre pela aréola, mas a condição pode prejudicar a pega, sendo importante avaliação especializada e, caso necessário, tratamento.

O tratamento para mamilo invertido costuma ser motivado por incômodos estéticos da paciente.

Independente da motivação, o grau de inversão influencia diretamente na técnica indicada, mas algumas opções de tratamento incluem:

  • técnica de hoffman: trata-se de um exercício manual para ajudar na projeção do mamilo. Usando os polegares deve-se pressionar e separar ambos os lados do mamilo, sendo necessário repetições diárias para estimular a saída do mamilo;
  • dispositivos de sucção: em casos mais amenos, a saída do mamilo é possível com dispositivos não invasivos;
  • piercings: também para casos leves, o piercing contribui a manter o mamilo para fora;
  • cirurgia estética: em casos mais severos ou nos quais há maior incômodo da paciente, o procedimento cirúrgico contribui para corrigir o mamilo invertido de forma definitiva.

Independente da técnica para correção do mamilo invertido, a assistência médica especializada é fundamental para adequada investigação do caso e tratamento. Agende sua consulta.

Saiba que todo procedimento envolve riscos. Consulte sempre um médico.


Dra. Luciana L. Pepino.

Diretora Técnica Médica

CRM-SP: 106.491

RQE: 25827

Membro da ISAPS – International Society of Aesthetics Plastic Surgery

Membro da ASPS – American Society of Plastic Surgeon

Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica SBCP

Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Residência Médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Formada em Medicina pela faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte – MG

Dra. Luciana L. Pepino.

Diretora Técnica Médica

CRM-SP: 106.491

RQE: 25827

Membro da ISAPS – International Society of Aesthetics Plastic Surgery

Membro da ASPS – American Society of Plastic Surgeon

Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica SBCP

Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Residência Médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Formada em Medicina pela faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte – MG

Agende sua consulta

Deixe o seu comentário


    Leia Também

    Carregando...

    Campanha #ViralizeOBem

    Agora você tem em suas mãos a oportunidade de transformar vidas. 50 milhões. Não é prêmio acumulado da Mega-Sena. São 50 milhões de brasileiros passando fome. E você pode transformar essa triste realidade, participando da nossa missão!

    imagem de uma criança fantasiada de super-herói em meio a uma situação de miséria
    Quero ajudar!
    imagem de uma criança fantasiada de super-herói em meio a uma situação de miséria
    logo

    Campanha #ViralizeOBem

    Agora você tem em suas mãos a oportunidade de transformar vidas. 50 milhões. Não é prêmio acumulado da Mega-Sena. São 50 milhões de brasileiros passando fome. E você pode transformar essa triste realidade, participando da nossa missão!

    Quero ajudar!

    Assine nossa newsletter

    Assine e receba dicas, novidades, materiais e muito mais.

    whatsapp

    Cirurgias

    Procedimentos

    Links Úteis

    Telefones de Contato

    Políticas de Privacidade

    Dra. Luciana L. Pepino. Diretora Técnica Médica

    CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

    logo

    2022. Dra. Luciana Pepino

    Todos os direitos reservados.