11 3285-6412
Dra. Luciana L. Pepino / Diretora Técnica Médica
CRM/SP: 106.491 RQE: 25827
Segunda a Sexta-Feira
das 10h às 19h

Flacidez Facial, como o Sculptra® pode te ajudar

sculptra flacidez facial

Saiba tudo sobre esse procedimento estético que melhora o tônus da pele e ajuda a combate o envelhecimento do rosto

 

Sculptra® é uma substância de origem não animal composta por ácido poli-L-láctico que é utilizada em tratamentos de combate ao envelhecimento da face. Esse ácido, que é mais conhecido como ácido polilático, é capaz de promover uma restruturação da pele, reduzindo a flacidez.

O ácido polilático é um produto que não causa danos ao nosso organismo e acaba sendo absorvido com o passar do tempo. O efeito estético conferido por esse tratamento acontece porque o ácido polilático estimula os fibroblastos, células responsáveis pela produção das fibras de colágeno, que conferem firmeza e pela sustentação à pele. Dessa forma, o Sculptra® consegue tratar a flacidez e melhorar o contorno facial.

 

Indicações do Sculptra®

O procedimento com o Sculptra® é indicado para homens e mulheres que já apresentem algum grau de flacidez ou que apresentam perda de volume da face devido a um grande emagrecimento ou mesmo atletas e corredores, que às vezes acabam ficando com os ossos da face muito proeminentes.

Dessa forma, o procedimento é indicado para pacientes que desejam tratar e prevenir a flacidez facial, melhorando também o contorno do rosto, pois ele também promove um aumento da tensão da pele. Não há uma idade mínima para a aplicação, mas a maior parte dos pacientes costuma procurar esse tratamento entre os 35 e os 40 anos de idade.

Em consequência a esse efeito de tensão, os sulcos, as rugas e as marcas de expressão são suavizados, resultando em uma aparência mais jovem e com menos sinais da passagem do tempo.

Porém, é preciso ter em mente que, se o objetivo for somente preencher as rugas, o Sculptra® não será a melhor opção. Além disso, o ácido polilático não deve ser aplicado ao redor dos olhos, nos lábios e nas olheiras. Nesses casos, é mais indicado recorrer à toxina botulínica ou ao preenchimento facial, dependendo do tipo sinal do envelhecimento que se deseja corrigir.

 

Como é feita a aplicação do Sculptra®

O procedimento é feito em clínicas ou consultórios médicos e inicia com a aplicação de um creme anestésico na pele para evitar que o paciente sinta dor no momento da aplicação. Por meio de seringas com agulhas muito finas, o médico injeta o ácido polilático diluído logo abaixo da pele do paciente, na camada subcutânea. Isso é importante para evitar a formação de nódulos ou irregularidades nas camadas mais superficiais.

O paciente poderá retornar ao trabalho logo após a aplicação, sem prejuízo para suas funções. Apesar disso, podem aparecer áreas avermelhadas ou manchas rochas nos locais de aplicação devido à ruptura de pequenos vasos, que devem sumir em poucos dias. Também pode haver um edema discreto, sem distorção das feições do paciente.

Em geral, são programadas de 2 a 4 sessões com intervalo de 30 a 60 dias entre cada uma.

 

Quais são os cuidados que devem seguidos depois de cada sessão?

Recomenda-se fazer uma massagem nas áreas onde houve aplicação duas vezes ao dia com o hidratante facial de costuma do paciente, principalmente na primeira semana depois do procedimento.

Se houver manchas arroxeadas ou vermelhidão, o paciente deverá evitar se expor ao sol até que elas desapareçam.

 

Como são os resultados do Sculptra

Logo após a primeira sessão, o paciente apresentará um leve inchaço no rosto, que causa uma espécie de lifting. Muitas vezes, os pacientes interpretam esse efeito como um resultado positivo do Sculptra®, mas ele é apenas transitório: assim que o edema é absorvido pelo organismo, a face do paciente volta à aparência que tinha antes da aplicação.

Os primeiros resultados de verdade desse procedimento estético começam a ser percebidos cerca de dois meses depois da segunda aplicação. Esse tempo é necessário para haja o estímulo dos fibroblastos e o devido aumento na produção de colágeno na pele.

Embora o efeito seja bastante satisfatório, ele não dura para sempre. O tempo varia de acordo com as características de cada paciente, mas a média de duração é em torno de dois anos. Esse prazo pode aumentar conforme outros tratamentos realizados pela pessoa com o objetivo de combater o envelhecimento e de acordo com os hábitos de cada paciente em relação à alimentação saudável e consumo de álcool e cigarro.

 

É melhor fazer Sculptra®, Botox® ou preenchimento facial?

Não é possível dizer qual dos três tratamentos é melhor, pois eles têm finalidades diferentes. O objetivo do Botox® é paralisar os músculos responsáveis pela formação das rugas dinâmicas (aquelas que só aparecem quando fazemos determinadas expressões faciais). O preenchimento, por sua vez, serve para nivelar olheiras fundas e rugas permanentes, como o bigode chinês.

Já o Sculptra®, por fim, é um tratamento que se destina a melhorar a firmeza da pele. Embora ele realmente apresente um efeito positivo sobre algumas rugas e sulcos, essa não é a sua principal finalidade, mas sim uma melhor no tônus e o combate à flacidez. É importante ter em mente que, mesmo depois de finalizado o tratamento com o ácido polilático, ainda poderá ser indicado fazer aplicações de toxina botulínica ou preenchimento facial para obter uma aparência jovial mais completa.

Saiba que todo procedimento envolve riscos. Consulte sempre um médico.

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).