11 3285-6412
Dra. Luciana L. Pepino / Diretora Técnica Médica
CRM/SP: 106.491 RQE: 25827
Segunda a Sexta-Feira
das 10h às 19h

Como escolher a prótese de silicone ideal

prótese de silicone

Descubra qual a prótese de silicone ideal para seus seios.

Em se tratando de prótese de silicone. Segundo especialistas da área, essa é uma das perguntas mais feitas em consultório ou por quem entra em contato para pedir orientações sobre os procedimentos. E é muito comum que essa dúvida venha acompanhada de frases como “minha amiga colocou e ficou excelente nos seios dela. Gostaria de fazer o mesmo procedimento, se possível”.

Infelizmente. Uma cirurgia dessa proporção não se resolve em um dia e nem de um modo tão simples assim. Se considerarmos que cada paciente possui uma fisiologia única, com características distintas de altura, biótipo, peso, históricos de filhos ou amamentação e expectativas.

É impossível se padronizar um método que sirva para todos os casos. Uma prótese que tenha ficado boa em uma mulher pode não ficar a mesma coisa em outra, mesmo com o mesmo peso e altura.

Fatores que ajudam na escolha da prótese de silicone

prótese de silicone

Porém, apesar dos resultados não serem iguais se partirmos das características físicas de cada mulher. Hoje já existem alguns fatores que ajudam na excelência da colocação de próteses de silicone. Como os diferentes tipos de próteses disponíveis no mercado: perfil alto, perfil baixo, perfil moderado, prótese texturizada, perfil anatômico, prótese lisa e prótese de poliuretano. Ou seja, é possível escolher como a prótese de silicone será colocada (abaixo ou acima do músculo), com cicatriz abaixo da mama, nas aréolas ou até mesmo nas axilas.

Todas essas associações são independentes e uma mulher pode escolher um tamanho de prótese, método de colocação e tipo de cicatriz adaptados ao seu gosto.

A grande maioria das pacientes que têm glândulas mais volumosas. No entanto, preferem colocar as próteses acima do músculo, uma vez que isso traz um aspecto mais natural e ajuda na mobilidade da mama. Em pacientes com mamas pequenas – praticamente sem glândula – a prótese abaixo do músculo deixa o resultado mais natural. Já que o músculo do peitoral recobre a prótese.

Expectativas reais ou idealizadas?

prótese de silicone

Quando estamos falando sobre beleza. É muito comum que haja idealizações a respeito das cirurgias plásticas e de seus resultados. A grande maioria das pacientes não compartilha de uma mesma expectativa. Na verdade, algumas preferem um leve aumento nos seios. Ao passo que outras fazem a cirurgia para ficarem mais sensuais.

Há ainda uma parcela que deseja fazer a cirurgia para repor ou corrigir deformidades ocorridas após períodos de amamentação. A verdade é que muitas não podem ter escolhas muito amplas.

Existem também algumas limitações técnicas e que devem ser consideradas. Como o fato de que a cicatriz peri-areolar não deve ser realizada em pacientes com aréolas muito estreitas. Ou que a prótese com perfil anatômico não pode ser colocada através da axila, entre outras proibições. Em alguns casos, colocar próteses muito grandes e pesadas pode comprometer a postura e saúde da mulher.

Diante de tantas peculiaridades, opções e limitações, o melhor a ser feito para escolher a prótese de silicone ideal é procurar um cirurgião plástico que faça parte da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e marcar uma consulta para ele poder fazer uma avaliação, explicar os procedimentos e descobrir se suas expectativas podem se tornar realidade.

Com a soma de expectativa e conhecimento. Vocês terão muito mais chances de acertar na escolha da prótese ideal para o seu caso específico. Garantindo resultados excelentes e que, além de bonitos, serão benéficos para sua saúde.

Conheça mais sobre Prótese de Mama.


CTA e-book Mitos e Verdades sobre Protese Mamaria baixe aqui

Saiba que todo procedimento envolve riscos. Consulte sempre um médico.

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).