Curiosidades sobre cirurgia plástica

Eis alguns pontos importantes que você precisa saber antes de decidir por um procedimento estético

Seja mulher ou homem, é pertinente ficar por dentro de algumas curiosidades sobre cirurgia plástica que podem contribuir na hora da decisão final. Já comentamos aqui no blog o quanto é importante escolher a dedo um cirurgião de confiança, conversar com ele para tirar todas as dúvidas e analisar se o profissional está registrado na Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Porém, há pessoas que necessitam de mais informações e nada mais justo que desvirtuar alguns mitos que podem se tornar pesadelos na hora de checar os resultados.

Dentre as principais curiosidades sobre cirurgia plástica, um mito bem comum é a estação do ano para fazer a operação. Os procedimentos estéticos bombam no inverno por ser período de férias. Sem contar que é mais fácil enfrentar o pós-operatório nessa época, sem tantos incômodos, especialmente no repouso. Não há nenhum problema em fazer a cirurgia no verão, mas a recuperação pode não ser tão agradável, ainda mais para quem passa por uma abdominoplastia e precisa usar a cinta modeladora.

Vamos começar pelo procedimento mais buscado pelas mulheres que faz parte da lista de curiosidades sobre cirurgia plástica: a lipoaspiração. Muito se pergunta se ela emagrece ou se contribui para que as celulites desapareçam. Esse procedimento estético tem como objetivo remover as gorduras localizadas da barriga. Isso significa que ele não acarreta o emagrecimento e nem o sumiço dos temidos furinhos. Após essa cirurgia, exige-se atividade física e dieta saudável para que os resultados sejam mantidos por bastante tempo.

A parte boa da lipoaspiração é que a gordura aspirada não retorna. Porém, todo cuidado é pouco, pois nenhuma cirurgia plástica lhe faz imune de engordar, por exemplo. O ganho de peso em excesso pode comprometer os resultados. Portanto, cuide da boa forma!

A musculação é um item necessário na rotina de muitos homens e é comum eles pensarem que levantar peso ajuda a amenizar a flacidez da pele. Na verdade, essa atividade física só contribui na flacidez muscular, o que dá a caraterística de corpo malhado. Por estar relacionado a problemas genéticos, tabagismo e a idade, a flacidez é combatida desde a prática de exercícios até tratamentos estéticos.

Curiosidades sobre cirurgia plástica mais rotineiras

É importante que o paciente saiba que deverá deixar alguns vícios que comprometem a saúde de lado, como o cigarro e o álcool. Isso para qualquer procedimento estético, pois pode contribuir para complicações dentro do centro cirúrgico. Sem contar que quem fuma tem maior risco de apresentar necroses que comprometem a cicatrização.

Outro item que pertence às fatídicas curiosidades sobre cirurgia plástica são as próteses de silicone. Elas precisam ser trocadas se houver alterações suspeitas que podem ser visualizadas por meio de uma Ressonância Magnética e de Ultrassom. Atualmente, elas são feitas com material mais resistente, o que torna a vida longa delas para mais de 10 anos. Contudo, é preciso acompanhar sempre a situação delas junto ao médico.

Outro fator muito importante é que o médico fará a cirurgia com base nos contornos do seu corpo. Nada de criar expectativa com os seios de uma atriz, pois pode não ficar bom em você.

Tenha em mente que qualquer cirurgia plástica inclui riscos. Por isso, é importante se preparar com bastante cuidado, desde a busca pelo médico até os prós e os contras do procedimento escolhido. Fuja de promessas milagrosas ou de pechinchas. Suspeite de clínicas que oferecem cirurgias maiores que só podem ser feitas em hospitais. Por garantia, sempre consulte a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica para tirar todas as dúvidas.

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).