Dicas e cuidados para proteger cicatrizes no verão

Cicatriz após cirurgia plástica

Cuidados com a cicatriz após cirurgia minimizam chances de má cicatrização e melhora estética final

Ao submeter-se a um tratamento cirúrgico uma das principais preocupações dos pacientes está relacionada a cicatriz após cirurgia, pois o objetivo é sempre um resultado estético mais discreto.

Principalmente no caso de cirurgias plásticas ou procedimentos em locais aparentes, há uma preocupação em amenizar a cicatriz. Para tal, é importante que o paciente adote uma série de cuidados, especialmente no verão.

Como funciona a cicatrização?

Inicialmente é preciso compreender como é o processo de cicatrização. Trata-se de uma reparação natural de tecidos orgânicos lesados. Esse processo ocorre a partir das fibras colágenas derivadas dos miofibroblastos que são enviadas pelo organismo ao local ferido.

As fibras recobrem a região lesionada com um tecido conjuntivo fibroso que substitui, temporária ou definitivamente, o tecido epitelial pré-existente. A cicatriz consiste na alteração dos tecidos resultante desse processo.

Em pessoas jovens esse processo ocorre mais rapidamente devido a jovialidade dos tecidos, no entanto, a cicatriz fica mais aparente. Nas pessoas mais velhas, a cicatrização é mais lenta, mas o resultado final é mais discreto.

Tanto a cicatriz quanto a cicatrização dependem de diferentes fatores, como a localização da lesão, a profundidade, o tipo de trauma, a idade do paciente e o momento hormonal. Por exemplo, na puberdade e na gravidez a cicatrização é mais complicada.

Outro aspecto importante é que nem sempre a cicatrização ocorre como esperado. Quando há o excesso de produção de colágeno na cicatrização podem surgir dois tipos de cicatrizes:

  • hipertróficas: são mais salientes e de coloração avermelhada;
  • queloides: consiste em uma hiperplasia fibrosa, com cicatriz elevada, arredondada, enrijecida e com bordas mal definidas.

Não é possível saber previamente quem vai apresentar esses problemas na cicatrização, podendo ocorrer em diferentes tipos de pele.

Quando posso tomar sol após uma cirurgia?

Uma das principais recomendações pós-cirúrgicas para uma melhor cicatrização é evitar a exposição solar. Em alguns casos, o paciente deve evitar exposição ao sol por alguns meses no local da incisão.

Outros cuidados incluem manter o local da incisão limpo e seco, usando uma pomada cicatrizante apenas se recomendado pelo médico responsável.

A exposição solar pode causar prejuízos à cicatriz após cirurgia. Um dos riscos é a abertura dos pontos, o que sempre compromete a estética do resultado final.

Além disso, a exposição ao sol pode ocasionar manchas definitivas na pele devido aos hematomas que já estão presentes na região que foi operada. Esse conjunto de problemas faz com que os pacientes, em geral, sigam corretamente as recomendações da recuperação pós-operatória.

No entanto, após os cuidados iniciais e mesmo quando o processo de cicatrização já está concluído não é incomum que os cuidados com a cicatriz sejam completamente abandonados.

Entre as consequências desse hábito ruim destaca-se que a cicatriz pode escurecer mesmo anos após a lesão na pele, exigindo cuidados permanentes.

4 dicas para proteger a cicatriz após cirurgia

Existem diversos cuidados no pós-operatório que podem ser adotados, principalmente no verão, visando protegê-la da exposição solar e evitar danos estéticos.

Mulher com cicatriz na barriga

1. Use protetor solar

O uso do protetor solar deve acontecer durante todo o ano, mas é especialmente importante no verão devido à intensidade dos raios solares e maiores riscos da radiação UV.

O recomendado é reaplicar o produto a cada três horas no caso de exposição intensa ao sol. Além disso, use o protetor mesmo quando o dia estiver nublado, pois a radiação ainda apresenta riscos nesses dias.

Mesmo com o uso do protetor solar, a recomendação é evitar tomar sol entre as 10h da manhã e as 16h que é o horário de maior intensidade.

2. Beba água

O consumo diário de água é fundamental para manter a saúde e também a hidratação da pele. Com a ingestão de, ao menos, 2 litros de água por dia é possível manter a pele hidratada, o que influencia a elasticidade e jovialidade.

A falta de água faz com que a pele fique ressecada, podendo ocasionar rachaduras na derme na região da cicatriz.

3. Alimente-se corretamente

Mesmo após o pós-operatório continua importante cuidar da alimentação para manter a cicatriz após cirurgia com um aspecto mais discreto.

Uma dica nesses casos é apostar em alimentos ricos em colágeno, vitaminas C e A e ácido fólico. Esses nutrientes ajudam a acelerar o processo de cicatrização e melhorar a regeneração epitelial.

Além disso, uma alimentação saudável é fundamental para a aparência da pele, tornando-a mais hidratada, firme e elástica, o que evita o surgimento de rugas e ressecamento, associados ao envelhecimento da derme.

4. Mantenha a pele hidratada

A exposição mais intensa ao sol no verão aumenta a transpiração e, consequentemente, reduz a hidratação do organismo e da pele.

Como consequência a pele tem mais tendência a ressecar nesse período, além de poder causar queimaduras devido à exposição ao sol para ficar com aquele desejado bronzeado.

Dessa forma, invista em hidratantes diariamente, garantindo a regeneração da pele e hidratação adequada.

Portanto, se tiver uma cicatriz após cirurgia ou mesmo devido a um machucado, existem diversos cuidados que podem ser adotados para evitar uma piora do aspecto estético da cicatriz.

Em casos mais graves é possível fazer uma cirurgia para correção de cicatriz.

 

Agende agora a sua consulta!

 

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).
WhatsApp Clique aqui e fale conosco via WhatsApp