11 3285-6412
Dra. Luciana L. Pepino / Diretora Técnica Médica
CRM/SP: 106.491 RQE: 25827
Segunda a Sexta-Feira
das 10h às 19h

Quais são os tipos de Mamoplastia?

Tipos de incisão mamoplastia

Entenda a mamoplastia e quais são os tipos existentes

A mamoplastia é uma das mais famosas intervenções cirúrgicas no ramo da cirurgia plástica. Muito procurada por mulheres de todas as idades e com motivações diferentes, procedimentos nos seios podem ter muitos objetivos como diminuí-los, aumentá-los, mudar o seu formato ou levantá-los. As técnicas utilizadas variam conforme cada propósito, sendo importante entender um pouco de cada uma delas antes de escolher a melhor opção.

Por mais que os propósitos sejam diferentes, a mamoplastia tem como objetivo geral modificar o formato das mamas e, por consequência, a silhueta e harmonia corporal das mulheres. A proporcionalidade do corpo é uma das principais preocupações femininas, interferindo diretamente na maneira com que as mulheres se enxergam e sentem sua autoestima. 

Mamoplastia de aumento: esta técnica, como o próprio nome sugere, é utilizada para aumentar o volume dos seios com uma prótese de silicone que pode ser colocada atrás ou na frente do músculo, dependendo do tipo de mama. 

Mamoplastia redutora: na mamoplastia redutora, a intenção é a de diminuir seios que sejam grandes demais, causando desproporcionalidade ou assimetria. Seios grandes podem causar problemas de saúde, dores e muito desconforto, fazendo com que este tipo de técnica seja considerada, em alguns casos, uma questão de saúde para as pacientes.

Conheça os tipos de mamoplastia

Mamoplastia reconstrutiva: este tipo de cirurgia é indicada para mulheres que apresentam alterações nos seios por conta de um câncer de mama, por exemplo, e necessitam de uma intervenção médica para restaurar a aparência original das suas mamas, por exemplo. O cirurgião escolhido refaz a mama da paciente, parcial ou integralmente, e utiliza tecido de outras regiões do corpo para esta reconstrução. 

Mastopexia ou lifting de mama: lifting é uma palavra em inglês que significa levantar. Esta técnica de mamoplastia foi desenvolvida para levantar o tecido mamário de mamas que estão flácidas e caídas demais. É muito comum realizar a mastopexia e no mesmo procedimento colocar próteses de silicone, já que ao levantar as mamas o volume será necessário para um aspecto mais natural. 

Mamoplastia reparadora: é o tipo de intervenção cirúrgica mamária que tem como objetivo principal reparar defeitos, assimetrias e posicionamento de mamas ou aréolas. É possível corrigir a diferença de tamanho entre as mamas e o seu formato, podendo ou não incluir a colocação de silicone na hora da reparação. Nestes casos é importantíssimo seguir a análise médica realizada antes do procedimento e entender as necessidades específicas de cada caso.

Saiba que todo procedimento envolve riscos. Consulte sempre um médico.

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).