11 3285-6412
Dra. Luciana L. Pepino / Diretora Técnica Médica
CRM/SP: 106.491 RQE: 25827
Segunda a Sexta-Feira
das 10h às 19h

O que é a Carboxiterapia?

Saiba o que é e como funciona a carboxiterapia

Entenda mais sobre a carboxiterapia, quais são as suas indicações e como funciona a prática

A carboxiterapia é considerado um tratamento estético não invasivo que tem como método a infusão de gás carbônico em diversas camadas da pele.

Se engana quem imagina que esta técnica foi criada recentemente. A carboxiterapia é utilizada desde o século XVIII! Cientistas da época notaram que ao aplicar o gás carbônico sob a pele, a circulação sanguínea melhorava e acontecia uma regeneração dos tecidos nos quais o gás entrava em contato.

A indicação do procedimento, de acordo com a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, está relacionada com o tratamento da celulite, estrias, olheiras, gordura localizada e flacidez, por exemplo.

As injeções do gás carbônico podem ser realizadas em diversas regiões corporais, dependendo da condição e do objetivo do paciente, estimulando a circulação celular e a oxigenação dos tecidos.

Acompanhe o texto a seguir para entender mais sobre a técnica, suas aplicações e para que ela serve. Olha só:

Entenda a carboxiterapia

Também conhecida como CO2terapia – por fazer a utilização do gás carbônico puro (CO2) -, o método é amplamente utilizado para diversos objetivos finais. Segura e regulamentado pela ANVISA, a carboxiterapia tem fácil aplicação e baixo custo operacional da estrutura necessária para a realização do procedimento.

A popularização da técnica aconteceu nas últimas décadas por se tratar de um procedimento estético de baixo risco, quase indolor e com rápida recuperação.

O procedimento não acontece em uma sessão única, sendo comercializado normalmente em pacotes de 10 sessões que devem ser realizadas a cada 15 ou 30 dias.

Podendo ser realizado por dermatologistas, médicos, farmacêuticos, fisioterapeutas dermato funcional ou biomédico, a carboxiterapia pode ser realizada por profissionais da área da saúde com pós-graduação ou especialização na área da estética. Tendo a necessidade apenas de ter a infraestrutura indicada para a técnica.

Conheça mais da carboxiterapia

Quais são as vantagens da aplicação?

Os efeitos fisiológicos positivos estimulados pela carboxiterapia são inúmeros. O gás carbônico ativa os fibroblastos, aumenta a produção do colágeno, controla inflamações corporais, promove o rompimento de adipócitos, estimula a lipase e intensifica a vasodilatação.

É preciso, contudo, realizar uma avaliação médica específica para entender qual é a melhor opção de tratamento, levando em consideração que existem contra indicações para a técnica.

Quais são as indicações da prática?

  • Flacidez: estimulando o desenvolvimento de novas fibras de colágeno, a carboxiterapia é muito indicada para intensificar a sustentação da pele e a aparência lisa dos tecidos.
  • Olheiras: o dióxido de carbono aplicado pela técnica é responsável por melhorar a oxigenação e diminuir as manchas ocasionadas pelas olheiras, além de melhorar a flacidez da região.
  • Estrias: no tratamento para estrias, a carboxiterapia regenera a pele e melhora a circulação sanguínea, sendo indicada tanto para estrias brancas, quanto vermelhas e roxas.
  • Celulite: a técnica estimula a eliminação das células de gordura, fazendo com que a pele tenha uma impressão mais lisa e intensificando a drenagem linfática do local.
  • Gordura localizada: a mesma quebra de células gordurosas do item acima, a técnica é utilizada para promover a eliminação deste tipo celular, promovendo o emagrecimento da região escolhida.
Saiba que todo procedimento envolve riscos. Consulte sempre um médico.

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).