(11) 3285-6412Segunda a Sexta-Feira das 10h às 19h
Clínica Especializada em Cirurgias Plásticas
  • A Clínica
  • Cirurgias
  • Procedimentos
  • Informações
  • Dicas
  • Contato
  • Blog
Agendar Consulta
retornar

Qual tipo de roupa ideal para academia?

Boa saúde envolve mais do que ter bons hábitos alimentares, exige-se esforço.

O desejado corpo perfeito não se consegue de uma hora para outra, exige uma rotina equilibrada entre alimentação saudável, malhação, acompanhamento médico, profissional qualificado para indicar exercícios e vestimenta adequada. A roupa de qualidade, apropriada e confortável para ir à academia deve ser prioridade. Dependendo da roupa os exercícios ficam mais cansativos do que realmente são, por isso evite tecidos que não facilitam transpiração adequada ao corpo, como exemplo o poliéster e o jeans. Na hora da compra prefira blusas com tecidos leves que proporcionam transpiração, ou seja, algo bem específico para vestimentas esportivas e academias.

A tecnologia desenvolveu um tipo de tecido conhecido como microfluídico, capaz de drenar o suor para fora da roupa, deixando-o longe do corpo. Essa tecnologia beneficia a transpiração, pois sem ventilação a temperatura corporal sobe excessivamente afetando de modo negativo a saúde e os rendimentos dos exercícios. A outra novidade disponível são os tecidos de Emana, são fios inteligentes de poliamida que possibilita um novo nível de interação entre a pele e o tecido e ajuda a diminuir a celulite, ideal para uso de calças leggings fabricadas com esse material e um modo simples de estar em forma esteticamente.

O uso de roupas confortáveis e moderadas, evita o incomodo, facilita realizar movimentos dos exercícios e contribui para o rendimento das atividades propostas. Ceder à tentação de usar na academia roupas muito apertadas ou de tecidos que impedem o arejamento do corpo é mais grave do que se imagina, compromete a saúde e gera desconfortos. A temperatura e circulação fazem toda a diferença para o bem ou para o mal nas atividades físicas. Quando o corpo é impedido de transpirar de forma adequada a probabilidade de gerar principalmente nas mulheres, problemas nas partes íntimas como infecções, proliferação de microrganismo como o fugo da Cândida e corrimento, originando coceiras e odor desagradável.

Outro vilão aliado a roupa inapropriada para a academia é a má circulação, quando o corpo é impedido de exercer essa função corretamente problemas circulatórios surgem, varizes é um deles e o extremo causa trombose especialmente se houver casos na família ou se utiliza contraceptivos. O uso do top mesmo que por baixo da camiseta protege os seios de movimentos inesperados ou bruscos durante os exercícios.

Utilize calçados apropriados e confortáveis, lembre-se, você precisa se concentrar nos exercícios, não na dor de um calçado mal escolhido. A hidratação é outra preocupação e prioridade que deve ser observada, um corpo bem hidratado está apto e melhor condicionado para manter e completar uma sessão de exercícios esportivos, afinal, a academia é para tonificar e definir músculos e não uma sessão de desidratação desenfreada. A higiene das axilas e o uso do desodorante antes das atividades físicas é importante independente do tecido da blusa para se evitar o mal odor. Com a roupa ideal seus exercícios ficarão mais prazerosos e menos estressantes significando saúde para o corpo e alívio para a mente.

Saiba que todo procedimento envolve riscos. Consulte sempre um médico.


Dra. Luciana L. Pepino.

Diretora Técnica Médica

CRM-SP: 106.491

RQE: 25827

Membro da ISAPS – International Society of Aesthetics Plastic Surgery

Membro da ASPS – American Society of Plastic Surgeon

Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica SBCP

Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Residência Médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Formada em Medicina pela faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte – MG

Dra. Luciana L. Pepino.

Diretora Técnica Médica

CRM-SP: 106.491

RQE: 25827

Membro da ISAPS – International Society of Aesthetics Plastic Surgery

Membro da ASPS – American Society of Plastic Surgeon

Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica SBCP

Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Residência Médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Formada em Medicina pela faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte – MG

Agende sua consulta

Deixe o seu comentário


    Leia Também

    Carregando...

    Campanha #ViralizeOBem

    Agora você tem em suas mãos a oportunidade de transformar vidas. 50 milhões. Não é prêmio acumulado da Mega-Sena. São 50 milhões de brasileiros passando fome. E você pode transformar essa triste realidade, participando da nossa missão!

    imagem de uma criança fantasiada de super-herói em meio a uma situação de miséria
    Quero ajudar!
    imagem de uma criança fantasiada de super-herói em meio a uma situação de miséria
    logo

    Campanha #ViralizeOBem

    Agora você tem em suas mãos a oportunidade de transformar vidas. 50 milhões. Não é prêmio acumulado da Mega-Sena. São 50 milhões de brasileiros passando fome. E você pode transformar essa triste realidade, participando da nossa missão!

    Quero ajudar!

    Assine nossa newsletter

    Assine e receba dicas, novidades, materiais e muito mais.

    whatsapp

    Cirurgias

    Procedimentos

    Links Úteis

    Telefones de Contato

    Políticas de Privacidade

    Dra. Luciana L. Pepino. Diretora Técnica Médica

    CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

    logo

    2022. Dra. Luciana Pepino

    Todos os direitos reservados.