Importância do Endocrinologista para saúde do seu corpo

quando procurar um endocrinologista

Saiba mais sobre o papel do endocrinologista e entenda como esse profissional pode ajudar você

 

A primeira coisa que nos vêm à mente quando pensamos em um endocrinologista é que esse é o médico que pode nos ajudar a emagrecer. Isso não deixa de ser verdade, mas esse profissional faz muito mais do que isso.

O endocrinologista é o médico especializado no cuidado das glândulas endócrinas, as estruturas que são responsáveis por enviar para o sangue as substâncias conhecidas como hormônios, que têm as mais diversas funções.

A partir disso, o endocrinologista está capacitado para diagnosticar e tratar distúrbios de saúde que estejam relacionados aos hormônios. Dessa forma, é possível restabelecer as funções normais do organismo, ou pelo menos melhorar o seu desempenho.

 

Quando procurar um endocrinologista

Se a pessoa não apresentou nenhum distúrbio relacionado aos hormônios durante seu crescimento, o mais indicado é realizar uma consulta com o endocrinologista por volta dos 20 anos.

Nesse momento, o médico vai avaliar o funcionamento de todas as glândulas endócrinas e suas funções, verificando possíveis sintomas ocultos.

Para isso, será necessário realizar uma série de exames de sangue, com a finalidade de dosar os hormônios e outras substâncias.

Nessa idade, o mais comum é que os pacientes apresentem níveis de hormônios sexuais, colesterol e triglicerídeos dentro da faixa saudável. Porém, existem outras situações em que o endocrinologista deve ser consultado.

Essas situações podem ser no caso de doenças já estabelecidas, quando ocorre o encaminhamento de outro profissional de saúde, ou quando o paciente começa a perceber os primeiros sintomas.

Conheça agora algumas situações em que o acompanhamento do endocrinologista é fundamental para o restabelecimento da saúde do paciente:

 

Obesidade

Esta é o motivo mais comum para que um paciente procure um endocrinologista. É verdade que o acúmulo de peso possa ser uma consequência da alimentação inadequada e do sedentarismo.

Porém, alguns casos realmente estão relacionados a distúrbios hormonais.

Além disso, a obesidade costuma estar associada a outras doenças endócrinas, como a diabetes e distúrbios nos níveis de colesterol, que podem complicar ainda mais a situação do paciente.

 

Excesso de pelos

Especialmente no caso das mulheres, o excesso de pelos é motivo para muito constrangimento. Em geral, esse excesso, chamado de hirsutismo, é consequência de um aumento das taxas do hormônio masculino.

O endocrinologista é o profissional certo para avaliar o funcionamento das glândulas adrenais e dos ovários, diagnosticando e tratando um possível distúrbio.

 

Diabetes

É comum pensarmos na diabetes apenas como uma doença relacionada ao excesso de açúcar no sangue. Contudo, ela também está relacionada a alterações na produção ou no efeito da insulina, um hormônio produzido pelo pâncreas.

Se você tem histórico familiar de diabetes ou se começar a apresentar sintomas como sede e vontade de urinar em excesso, é indicado procurar o endocrinologista.

 

Distúrbios na tireoide

Um ganho ou perda de peso sem explicação, excesso de calor ou de frio, alterações no ritmo de vida (aceleração ou desaceleração) podem ser sinais de problemas na tireoide.

Essa glândula está envolvida em vários processos do nosso organismo, por isso é fundamental checar o seu funcionamento.

O endocrinologista está apto a diagnosticar e tratar tanto o hipertireoidismo (quando a tireoide funciona demais) quanto o hipotireoidismo (quando a ação está reduzida).

 

importância do médico endocrinologista para saúde

 

 Distúrbios na puberdade ou puberdade precoce

Se uma criança começa a apresentar sinais da puberdade ou, então, se um adolescente aparentemente não está se desenvolvendo como o esperado, é necessário recorrer a esse especialista.

Crescimento das mamas e testículos, crescimento dos pelos pubianos e forte odor nas axilas, por exemplo, são assuntos a serem tratados com ele.

 

Problemas na menstruação

O endocrinologista é especialmente importante na saúde da mulher. Isso porque o nosso sistema hormonal é mais complexo do que o dos homens. A nossa saúde é muito mais afetada por essas substâncias.

Mudanças repentinas do ciclo que não estejam associadas à gestação, ciclos muito curtos ou muito longos e menstruação desregulada podem ser sinais de desequilíbrio hormonal.

 

Qualidade de vida na menopausa

Durante a menopausa o endocrinologista é fundamental. Com a queda na produção dos hormônios sexuais, as mulheres costumam sofrer com ondas de calor, distúrbios do sono, secura vaginal, depressão e ansiedade.

Nesse caso, a reposição hormonal é essencial para tratar esses sintomas e elevar a qualidade de vida, amenizando o desconforto.

 

Osteoporose e osteopenia

Embora também possam ocorrer nos homens, essas doenças são mais frequentes nas mulheres. Relacionados ao hormônio calcitonina, esses distúrbios resultam em ossos frágeis e mais propensos à quebra.

 

Andropausa

Acabamos de ver que o endocrinologista é um médico muito importante para a saúde das mulheres. Porém, os homens também precisam consultá-lo de vez em quando.

Um exemplo é a andropausa, que seria a “menopausa” masculina. Ou seja, é a época da vida em que eles enfrentam o declínio dos hormônios sexuais.

O principal sintoma relatado pelos homens nesse caso é a disfunção sexual. Contudo, eles também podem sofrer com fraqueza muscular e cansaço. Nesse caso, o tratamento hormonal oferece um bom alívio desses sintomas.

 

***

 

Agora que você conhece algumas das situações em que o endocrinologista pode ajudar a recuperar a sua saúde, fique atenta aos sintomas. Se você desconfiar de algum desses problemas, procure um profissional de confiança para fazer uma avaliação.

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).