11 3285-6412
Dra. Luciana L. Pepino / Diretora Técnica Médica
CRM/SP: 106.491 RQE: 25827
Segunda a Sexta-Feira
das 10h às 19h

Hidrolipo – como é feita e para quem é indicada

Hidrolipo - Como é feita e para quem é indicada

Está em dúvida sobre o que é hidrolipo e como ela pode te ajudar? Descubra abaixo as principais informações que permeiam este procedimento

Um dos maiores desejos dos pacientes de cirurgia plástica é se ver livre da gordura localizada. Por isso, a lipoaspiração é um dos procedimentos mais comumente procurados nas clínicas. Através dela, é possível aspirar a gordura localizada no abdômen ou nos quadris – áreas em que a gordura mais incomoda – ou em áreas menores.

No entanto, esses não são os únicos procedimentos possíveis. A hidrolipoaspiração, ou apenas hidrolipo, é uma maneira de retirar pequenos depósitos de gordura localizada – como a lipoaspiração convencional, mas em uma escala menor. Este procedimento apresenta algumas diferenças, mas você pode descobrir qual a melhor alternativa no seu caso.

Vamos tirar algumas dúvidas sobre esse assunto

Por que a hidrolipo é diferente da lipoaspiração?

A hidrolipo é uma outra forma de lipoaspiração. Ela proporciona a aspiração da gordura localizada em uma região menor. O resultado é um procedimento que causa menos traumas, com uma recuperação mais rápida, já que a área operada é menor.

Para quem é indicada?

A hidrolipo pode ser feita por pessoas que queiram retirar apenas uma área de gordura localizada, como no abdômen, costas, culote, coxa, joelhos, braço, púbis, cóccix, papada etc.

Por que escolher a hidrolipo?

A hidrolipo é a escolha ideal para quem não pode ficar muito tempo afastado do trabalho ou de seus afazeres do dia a dia, e para pacientes com pequenos depósitos de gordura. Em uma lipoaspiração convencional, a recuperação pós-cirúrgica pode durar longos períodos.

No caso da hidrolipo, por ser uma cirurgia menor, a anestesia é local e a recuperação é rápida. O paciente pode voltar às suas atividades já no dia seguinte.

Mas não esqueça de que a hidrolipo não é tão eficiente em casos de muita gordura localizada. Converse com seu médico para ter certeza de qual é o melhor procedimento no seu caso.

Como é feita a cirurgia?

Para realizar a hidrolipo é necessário fazer uma anestesia local – para áreas menores – ou uma local com sedação – para áreas maiores. O cirurgião faz uma infusão de soro com anestésico e adrenalina na área a ser tratada. A aspiração da gordura é feita através de pequenas cânulas.

É importante dizer que não há como programar uma cirurgia pela quantidade de mililitros de gordura que será retirada, mas é feita esvaziando o depósito responsável pelo volume. Em áreas menores, os volumes também serão reduzidos.

Como a gordura é retirada em etapas, não há necessidade de internação hospitalar. O paciente já volta para sua casa após aguardar apenas algumas horas depois do procedimento.

Como é o pós-cirúrgico?

A recuperação pós-cirúrgica da hidrolipo é rápida. Se seu trabalho não exigir muito esforço físico, você já poderá retomá-lo no dia seguinte.

Porém, alguns cuidados podem ajudar na recuperação e fazer com que ela seja mais eficiente. Por exemplo, o uso de uma cinta modeladora. Ela comprime as regiões lipoaspiradas e ajudam a modelá-las. Além disso, também ajudam a diminuir o inchaço comum após cirurgias.

Sessões de drenagem linfática ajudarão a retirar o excesso de líquido do corpo. Sessões de ultrassom, um equipamento que acelera e melhora o processo de recuperação, também são indicadas.

O mais importante é se certificar de que todas as recomendações médicas estão sendo seguidas.

Quando os resultados podem ser observados?

Logo que há uma redução do inchaço pós-cirúrgico, já é possível observar os resultados da cirurgia. Isso costuma acontecer cerca de 30 dias após o procedimento. Quanto aos resultados definitivos, podem ser observados entre o terceiro e o sexto mês após a cirurgia.

A hidrolipo é uma excelente alternativa para quem quer realizar um procedimento para a retirada da gordura localizada sem precisar passar por uma cirurgia complexa, que exige muito tempo de recuperação. Ela é menor e menos agressiva para o organismo.

Entretanto, não tome essa decisão sozinho. O melhor a fazer é procurar um bom cirurgião – com experiência e formação – para que ele diga o que é melhor no seu caso. Faça uma pesquisa, converse com especialistas e tome uma decisão consciente.

Ficou curioso sobre a hidrolipo? Venha tirar suas dúvidas com a Dra. Luciana Pepino!

Conheça nosso e-book sobre Prótese de Mama, baixe agora gratuitamente!

book de protese mamaria

 

Saiba que todo procedimento envolve riscos. Consulte sempre um médico.

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).