Menu

Sua maquiagem pode estar fazendo mal para sua pele

Você já se perguntou se a maquiagem faz mal para sua pele?

A resposta para essa pergunta é: depende! A maquiagem em si não faz mal para sua pele, mas o modo de utilização é que vai determinar seu impacto.

Produto vencido
Apesar de muitas mulheres estarem cientes de que quando um produto passa de seu prazo de validade significa que deve jogá-lo fora, o número de mulheres que continuam utilizando de forma imprudente suas maquiagens mesmo depois de vencidas é alarmante. Dermatologistas alertam: maquiagem vencida não só representa um grande perigo para a saúde de sua pele, mas pode também provocar várias reações alérgicas. Itens bastante conhecidos e indispensáveis em qualquer necessaire feminino, tais como rímel, lápis, batom e blush devem estar sempre dentro do prazo de validade para garantir uma utilização segura e saudável. Caso a mulher continue fazendo uso da maquiagem vencida, estará auxiliando para que surja uma proliferação de bactérias e fungos na região, podendo complicar o quadro dependendo da periodicidade e intensidade de uso.

Componentes químicos
Ficar sempre atento ao que estiver comprando vale para qualquer produto, incluindo maquiagens. A pele de nosso rosto apresenta maior sensibilidade, absorvendo elementos mais facilmente e ficando mais vulnerável ao aparecimento de acnes, alergias e outras irritações. Por isso, é aconselhável que a mulher esteja sempre atenta aos componentes químicos dos produtos que pretende utilizar na pele do seu gosto. Ao usar uma determinada maquiagem e apresentar sintomas de irritabilidade nas primeiras 24 horas, o mais recomendável é suspender o uso e ir ao dermatologista. Isso pode significar que você tenha alergia a algum dos componentes químicos contidos na maquiagem. Outro fator importante a ser destacado é a qualidade da maquiagem, pois uma maquiagem de baixa qualidade pode contribuir para infecções, conjuntivites, proliferação de bactérias, acnes, dermatites e, dependendo do produto, até problemas mais graves.

Maquiagem também estraga
A maquiagem, como qualquer outro produto de beleza, pode estragar dependendo de como é transportada e armazenada. Antes de efetuar a compra de sua futura maquiagem, não deixe de avaliar sua textura, odor e coloração, que são as três maneiras mais simples e eficazes de se identificar a condição adequada ou inadequada de um produto de maquiagem. Para garantir maior durabilidade e o mais importante, manter a qualidade do produto, armazene sua maquiagem de preferência em locais secos, ventilados e com temperatura ambiente.

Desenvolva bons hábitos
A maquiagem em si não faz mal, se usada com moderação e bom senso. No entanto, o que muitas vezes desperta os problemas é nada mais nada menos do que o uso incorreto. O ato de removê-la de forma inadequada, com removedores de maquiagem inapropriados, ou aquela ansiedade de esfregar o rosto com agressividade para fazer a remoção mais rapidamente, retirá-la superficialmente e muitas vezes, até dormir com ela, começa com o tempo a abrir brechas para as dores de cabeça. Outro fator importante a ser considerado é investir não só em uma maquiagem de boa qualidade, mas investir igualmente nos produtos higienizadores, visto que não adianta nada usar uma maquiagem da melhor qualidade se o higienizador não a remove 100% de seu rosto.

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).