Cuidando dos fios brancos

Quando fios brancos começam a surgir, há quem faça questão de disfarça-los através de pintura, tonalização ou reflexos. Entretanto, é crescente o número de mulheres que, por motivos diversos pta por assumir os fios brancos e reconhecer sua beleza.

Há alguns anos, pintar os fios para ocultar os brancos era uma atitude quase compulsória para as mulheres: Críticas sobre a aparência de descuido que causavam ou opiniões depreciativas podiam arrasar a auto-estima e faziam com que muitas logo se rendessem à pintura.

Mas graças a celebridades como as atrizes Meryl Streep, Jamie Lee Curtis e a brasileira Glória Menezes que optaram por desfilar suas lindas madeixas brancas, as mulheres fortaleceram sua auto-confiança e resolveram assumir a maturidade de seus brancos. Os fios brancos começam a aparecer quando a produção de melanina do nosso corpo decresce. As razões são várias: além da idade, problemas hormonais e alterações no sistema nervoso também diminuem a melanina.

A melanina é uma proteína importante do nosso corpo: Sua função é proteger o DNA dos danos causados pela radiação solar, por isso ela confere cor aos cabelos e pele. Logo, os fios brancos são mais desprotegidos e expostos aos raios solares e à desidratação.  É comum ouvirmos mulheres falando que o cabelo mudou depois que ficou branco. Geralmente ele fica mais rebelde, tem amis frizz e a estrutura mais porosa e ressecada. Isso porque sua densidade diminui. Se não receberem atenção especial, por sua sensibilidade maior, perdem opacidade e ficam mais quebradiços.

Como todo cuidado com nosso corpo, o principal e mais efetivo ocorre de dentro para fora. O fio de cabelo é formado no bulbo capilar, dentro do couro cabeludo e através dele recebe os nutrientes do sangue. Um sangue rico em nutrientes resultará em cabelos mais saudáveis e bonitos. Acrescente-se que alimentação balanceada, ingestão de mais líquidos e suplementos vitamínicios garantem saúde equilibrada e seu reflexo em nossa pele, unhas e cabelos.

Ainda, a prática de exercícios, caminhadas ao ar livre e atividades para diminuir o estresse complementam os bons hábitos para manutenção da vitalidade e da saúde.

Quanto aos cuidados específicos para os cabelos, é preciso começar quando os primeiros fios brancos surgem. Geralmente eles são mais rebeldes e grossos e não se mantem junto aos demais. Os leave-ins e outros produtos que controlam o volume ajudam a domá-los. A hidratação periódica é fundamental, de preferência semanal, mas sua regularidade pode ser maior ou menor, de acordo com os fios. Pode-se optar por xampus naturais, livres de conservantes que ressecam os cabelos. É importante escolher condicionadores e máscaras e com ativos que tenham alto poder de hidratação.

Óleos apropriados podem auxiliar, através de umectações regulares. Em intervalos maiores, também é aconselhável fazer reconstruções com queratinas e vitaminas para selagem e fortalecimento das fibras.

Para aquelas que tem por hábito usar pranchas e tratamentos químicos como alisamentos de qualquer natureza, é bom repensar esse hábito: Com os cabelos mais sensíveis, mante-los saudáveis será mais difícil depois desse tipo de intervenção, que é muito agressiva para o fio. Há linhas específicas para cabelos brancos, algumas de coloração violeta que impedem o aspecto amarelado, e que são uma excelente opção, já que são formuladas especialmente para cabelos grisalhos.

O uso de prancha e do secador, bem como o cigarro, e a ida frequente a praias e piscinas precisam ser repensados, pelo dano que sua prática contínua causa aos cabelos. Em exposições ocasionais ao sol, é preciso lembrar sempre de usar protetores solares: Lembre-se que a melanina que cuidava e protegia seus cabelos já não é mais uma aliada ativa e cabe a você suprir sua ausência, mantendo seus cabelos brancos belos e saudáveis.

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).