(11) 3285-6412Segunda a Sexta-Feira das 10h às 19h
Clínica Especializada em Cirurgias Plásticas
  • A Clínica
  • Cirurgias
  • Procedimentos
  • Informações
  • Dicas
  • Contato
  • Blog
Agendar Consulta
retornar
avaliação para transplante capilar

Como é feita a avaliação para realização do transplante capilar?

Conheça quais são as etapas da avaliação pré-operatória do transplante capilar e como obter resultados mais satisfatórios

A avaliação pré-operatória para realização do transplante capilar é de fundamental importância para confirmar a indicação da técnica e obter melhores resultados com o tratamento.

Inicialmente, o paciente deve ter consciência de que são diversas etapas para garantir a segurança e recomendação do procedimento. Conheça a seguir.

5 etapas da avaliação pré-operatória do transplante capilar

Como em toda prescrição cirúrgica, a avaliação pré-operatória desempenha papel central para compreender as necessidades dos pacientes e como proceder para melhores resultados.

Diagnóstico

O primeiro passo da avaliação que antecede o transplante capilar é confirmar o diagnóstico de alopecia androgenética.

Outros tipos de queda de cabelo, como eflúvio telógeno ou alopecia areata, não têm o transplante capilar como indicação.

A alopecia androgenética manifesta-se de forma característica nos homens, com a calvície acometendo o topo da cabeça. O que ocorre é um afinamento progressivo dos fios até que o folículo piloso atrofia e os fios parem de nascer em definitivo.

Nas mulheres, a alopecia androgenética apresenta uma queda de cabelo difusa e rarefação do volume capilar e também pode ter o transplante capilar com indicação para amenizar áreas com falhas mais significativas.

Histórico

Após a confirmação do diagnóstico de alopecia areata, o especialista vai considerar o histórico do paciente.

Verifica-se, por exemplo, quando a miniaturização dos fios e queda de cabelo começaram a se manifestar e quais tratamentos já foram realizados, como medicações, terapias a laser e outras.

Esse aspecto é importante, pois dificilmente o transplante capilar será a primeira recomendação de tratamento da condição.

Também é relevante que se considere o estado de saúde geral do paciente e a existência de doenças crônicas, ainda que o pré-operatório dessa cirurgia não costuma demandar diversos exames como ocorre com as cirurgias plásticas, em geral.

Grau de queda de cabelo

mulher realizando avaliação capilar

A exceção é quando o paciente já apresenta um grau de queda de cabelo acentuado e que não pode ser revertido com métodos não cirúrgicos, como com a medicação.

Para quadros leves e moderados, outros tratamentos podem ser prescritos antes de recorrer ao transplante capilar.

Expectativas do paciente

Caso a recomendação seja de fato pela cirurgia, o especialista vai conversar francamente com o paciente para entender quais as expectativas e motivações dele em relação ao tratamento.

Esse aspecto é fundamental para que o paciente entenda as etapas do tratamento, incluindo os cuidados pós-operatórios, e como realmente vai ser o resultado do transplante capilar, minimizando as chances de frustração posterior.

Planejamento do transplante capilar

Com as etapas anteriores realizadas, chega o momento de fazer o planejamento do transplante capilar conforme as necessidades do paciente identificadas pela equipe médica.

É nesse momento que se define, por exemplo, qual a técnica de transplante capilar que será usada, podendo ser: 

  • FUT (transplante de unidades foliculares): é extraída uma faixa de cabelo da região doadora e os folículos são separados para implantação na área calva. Mais indicado quando há extensas áreas calvas;
  • FUE (extração de unidades foliculares): os folículos pilosos são extraídos individualmente e transplantados à região receptora. Mais indicado no tratamento de mulheres, transplante de barba ou quando a área calva é menor.

Após o planejamento cirúrgico, o transplante capilar é agendado e as recomendações pré-operatórias informadas ao paciente pela equipe médica responsável. Agende uma consulta aqui e saiba mais!

Saiba que todo procedimento envolve riscos. Consulte sempre um médico.


Dra. Luciana L. Pepino.

Diretora Técnica Médica

CRM-SP: 106.491

RQE: 25827

Membro da ISAPS – International Society of Aesthetics Plastic Surgery

Membro da ASPS – American Society of Plastic Surgeon

Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica SBCP

Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Residência Médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Formada em Medicina pela faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte – MG

Dra. Luciana L. Pepino.

Diretora Técnica Médica

CRM-SP: 106.491

RQE: 25827

Membro da ISAPS – International Society of Aesthetics Plastic Surgery

Membro da ASPS – American Society of Plastic Surgeon

Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica SBCP

Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Residência Médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Formada em Medicina pela faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte – MG

Agende sua consulta

Deixe o seu comentário


    Leia Também

    Carregando...

    Campanha #ViralizeOBem

    Agora você tem em suas mãos a oportunidade de transformar vidas. 50 milhões. Não é prêmio acumulado da Mega-Sena. São 50 milhões de brasileiros passando fome. E você pode transformar essa triste realidade, participando da nossa missão!

    imagem de uma criança fantasiada de super-herói em meio a uma situação de miséria
    Quero ajudar!
    imagem de uma criança fantasiada de super-herói em meio a uma situação de miséria
    logo

    Campanha #ViralizeOBem

    Agora você tem em suas mãos a oportunidade de transformar vidas. 50 milhões. Não é prêmio acumulado da Mega-Sena. São 50 milhões de brasileiros passando fome. E você pode transformar essa triste realidade, participando da nossa missão!

    Quero ajudar!

    Assine nossa newsletter

    Assine e receba dicas, novidades, materiais e muito mais.

    whatsapp

    Cirurgias

    Procedimentos

    Links Úteis

    Telefones de Contato

    Políticas de Privacidade

    Dra. Luciana L. Pepino. Diretora Técnica Médica

    CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

    logo

    2022. Dra. Luciana Pepino

    Todos os direitos reservados.