11 3285-6412
Dra. Luciana L. Pepino / Diretora Técnica Médica
CRM/SP: 106.491 RQE: 25827
Segunda a Sexta-Feira
das 10h às 19h

As tendências do inverno 2016

Conheça as tendências da moda feminina para esse inverno.

Quem gosta de seguir as tendências da moda com certeza tem uma consideração especial pelo inverno e sabe que essa é a estação mais bela e glamorosa do ano. Isso porque é exatamente no inverno que surgem novidades como gorros, botas, luvas, casacos e outros modelos mais imponentes. O fato é que o inverno vem sempre recheado de peças deslumbrantes e é a época ideal para sair às ruas com um look bem produzido mais diversificado do que nunca. Quer conhecer algumas das tendências para 2016? Neste artigo, trouxemos algumas opções que prometem atrair os olhares femininos nesse inverno.

Gola Alta

A gola alta não é nova, mas chega revitalizada para o inverno de 2016 e promete ser peça-chave na estação. Com um visual mais democrático, apesar de ter a característica de agregar volume, a gola alta chega para fazer parte de todos os guarda-roupas. Para mulheres mais curvilíneas ou com seios mais volumosos, recomenda-se o uso de modelos monocromáticos, deixando de lado qualquer acessório e investindo em um sutiã com sustentação. O indicado é optar por golas altas em pulôveres, blusa de manga curta, malhas ou em vestidos, com jaquetas de couro, cardigãs, casacões e blazers.

Jaqueta Bomber

Outro tipo de jaqueta que vai bombar neste inverno é a Bomber. Ela foi criada há anos e já permeou muitas tendências, deixando o utilitarismo militar e sendo transportada para o cotidiano civil. A jaqueta Bomber já virou um dos ícones da cultura pop e, agora, estende-se ao guarda-roupas masculino, tamanho o sucesso da peça. Para esse inverno, diversas marcas chegam com modelos de paetês, couro, jeans e tecidos mais leves como seda, voal e cetim. As estampas floral e animal print também chegam para marcar presença na estação. Vale lembrar também que as jaquetas Bomber são mais despojadas e podem adotar até mesmo um visual mais casual ou esportivo, deixando o look bem encorpado em qualquer tipo de ocasião.

Bota over the knee

As botas já são uma marca registrada da estação e, agora, chegam com uma nova inspiração – as botas over the knee. Essas botas, como o próprio nome já diz, são botas mais altas, que batem acima dos joelhos e são um verdadeiro charme. Elas sempre fizeram muito sucesso em países mais frios e fashionistas já confirmaram que a tendência chega ao street style, como aconteceu com a franja. Em cores, texturas e acabamentos diversos, as botas over the knee são indicadas para as mais ousadas e devem ser usadas, de preferência, em tons neutros ou escuros.

Veludo molhado

Inverno sem veludo não é inverno. O veludo é a cara da estação mais fria do ano e, apesar de ter estado em baixa parece ter ganhado vida nessa temporada. Os estilistas resolveram resgatá-lo e a marca está presente em peças de alfaiataria deste inverno, que vêm com muitas opções: calças, vestidos, macacões, jaquetas, blazers, saias, entre outras. O veludo molhado, em especial, é o queridinho das mulheres e vem com forte tendência para o inverno de 2016, trazendo mais do que conforto e elegância aos looks da temporada. Agora, ele ressurge com cores novas – azul petróleo e marinho, rosa, roxo, bege e verde. O tecido dá muito mais movimento, textura e brilho para as peças, sendo um glamour à parte no inverno.

Sobretudos e capas

O sobretudo é o clássico dos invernos e fica ótimo com qualquer produção. Com modelos modernos e bastante variados, ele é encontrado com detalhes como bolsos, aplicações e peles, em tecidos leves ou pesados e de cores que variam desde as mais neutras até as mais coloridas. Junto ao sobretudo, temos as capas e os ponchos, que são outras peças queridas pela maioria dos estilistas durante as épocas mais frias do ano. Elas podem ser de lã, tweed, tricô, entre outras mil possibilidades, além de serem super atuais e atemporais, uma vez que podem ser usadas em muitos invernos seguidos.

CTA Assine o BLOG Dra Luciana Pepino 2

 

Saiba que todo procedimento envolve riscos. Consulte sempre um médico.

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).