Menu

4 opções para substituir o consumo do açúcar!

Conheça algumas alternativas para diminuir o consumo de açúcar refinado.

Não é novidade que o diabetes, aumento de peso e obesidade são problemas relacionados diretamente ao consumo excessivo do açúcar. E algumas pesquisas já apontam diversos efeitos negativos causados pelo consumo de adoçantes.
Atualmente, no mercado já são encontrados alguns adoçantes alternativos, com edulcorantes naturais, que não oferecem risco à saúde e em alguns casos, podem até ser benéficos.

Estévia (ou stévia)

Extraído da planta Stevia rebaudiana, apesar de ter um sabor levemente amargo, já é utilizado há muitos séculos como adoçante. Além de render mais (com 16mg de estévia é possível adoçar o mesmo que 20g de açúcar refinado), e ser um ótimo antioxidante, ele é  utilizado em tratamentos contra o diabetes, por ser capaz de estimular a produção de insulina.
São considerados níveis seguros de consumo, quantidades diárias menores que 5,5mg por quilo do peso corporal total do usuário e não é indicada a utilização da erva, apenas do extrato que possui característica de um pó branco.

Xilitol

Esse álcool, obtido por meio da glicose e da frutose, possui capacidade de diminuir a proliferação das bactérias bucais, causadoras da cárie, além de combater sinusites e infecções do ouvido.
Por não depender da insulina para sua metabolização, ele pode ser utilizado por pessoas com diabetes tipo I ou tipo II. E por estimular a absorção de cálcio pelo intestino, ele pode ser um forte aliado no tratamento contra a osteoporose.

Açúcar de coco

Também conhecido como nira, é muito utilizado em bebidas, lanches e molhos e é produzido por meio da seiva das flores do coqueiro. Rico em sacarose e com níveis consideráveis de vitamina C e B, ferro, magnésio, potássio e zinco, esse tipo de açúcar pode substituir o refinado convencional em diversas situações, mas deve ser utilizado com atenção por pessoas com limite de sacarose na dieta.

Mel

Constituído basicamente por frutose e glicose, ele é considerado uma ótima fonte de carboidrato, vitaminas do complexo B e de minerais. Além de adoçar, ele pode ser utilizado por sua capacidade antifúngica e bactericida, mas deve ser levado em consideração seu alto valor calórico.
Não se esqueça de consultar seu médico antes de introduzir ou retirar qualquer substância de sua dieta. Somente ele pode lhe orientar corretamente nas quantidades e melhores opções para o seu o caso.