10 hábitos que prejudicam a saúde da sua pele

Mulher jovem olhando para a câmera

Conheça o que evitar para garantir uma pele mais saudável e vistosa

No dia a dia mantemos diversos hábitos que fazem mal à saúde da pele e acabamos intensificando prejuízos relacionados naturalmente ao envelhecimento facial.

Diversos efeitos nocivos do tempo não podem ser evitados, como a diminuição da produção de substâncias como o colágeno e o ácido hialurônico. No entanto, uma rotina saudável mantém a pele mais jovial e firme por mais tempo.

A seguir apresentamos uma série de hábitos prejudiciais à pele e também opções de tratamento. Confira!

10 hábitos a serem evitados para manter a saúde da pele

Quase tudo que faz mal para o organismo também terá um efeito negativo na saúde da sua pele. Sendo assim, valorize práticas saudáveis e, provavelmente, elas beneficiarão a pele. Confira a seguir o que evitar e os motivos!

1. Tabaco e a álcool

O tabaco e álcool são extremamente prejudiciais à saúde. O tabaco reduz a oxigenação da pele e tornando-a amarelada e grosseira. Além disso, causa a perda mais rápida do colágeno, que mantém a elasticidade da pele.

Por fim, esse hábito provoca diversas rugas labiais devido à posição do cigarro e contração da boca.

As bebidas alcoólicas, por sua vez, devem ser evitadas em excesso. Elas afetam a circulação sanguínea, a produção de colágeno e também a cicatrização, prejudicando principalmente quem tem tendência a espinhas.

2. Exposição solar

O sol é um dos principais fatores que afetam a saúde da pele. A radiação solar é responsável por 80% do envelhecimento da pele, afetando principalmente as regiões que ficam expostas como o rosto, pescoço, braços e mãos.

A exposição ao sol pode trazer malefícios e provoca alterações no DNA das células reduzindo as fibras colágenas e elásticas. Os danos causados pelo fotoenvelhecimento incluem manchas, sardas, flacidez, pele áspera, aumento das rugas e, em casos mais graves, câncer de pele.

3. Exposição à poluição

A poluição, comum nas grandes cidades, também prejudica a pele. Os gases nocivos presentes no ar são absorvidos e o resultado é uma maior oxidação e formação de radicais livres que agridem a pele.

4. Sedentarismo

O sedentarismo é outro aspecto negativo. Os exercícios físicos ajudam na circulação sanguínea e oxigenação das células, além de ajudar na manutenção do apetite, sono e alívio do estresse.

5. Alimentação inadequada

O consumo de açúcar e gordura é danoso não só à saúde como também à aparência da pele. Ele está entre os alimentos que envelhecem a pele e podem causar danos na aparência.

O açúcar, por exemplo, conecta-se às proteínas da pele, como o colágeno, e causa a rigidez delas, reduzindo a elasticidade e tornando-a mais suscetível à flacidez e rugas.

6. Pouco consumo de água

A água é fundamental para manter a pele e o organismo hidratados. O resultado da desidratação quando o consumo é insuficiente inclui flacidez, falta de viço e perda de turgor.

Mulher loira olhando para a foto

7. Estresse

Um dos principais causadores modernos de problemas de saúde e pele, o estresse causa mudanças hormonais, responsáveis por deixar a pele mais oleosa e com acne.

Além disso, ele aumenta a predisposição a problemas de pele mais severos como herpes, alergias, erupção cutânea, psoríase e vitiligo.

8. Não adotar hábitos diários de limpeza e hidratação

A pele, assim como a saúde, precisa de cuidados constantes. Dessa forma, uma rotina de beleza é essencial não apenas à aparência, mas também à saúde da pele. Ela deve incluir:

    • limpeza (incluindo a remoção total de maquiagem antes de dormir);
    • tonificação;
  • hidratação.

9. Usar produtos inadequados ao seu tipo de pele

Cada tipo de pele demanda um cuidado específico. Por exemplo, uma pessoa com a pele seca que utiliza um produto para pele oleosa ficará com a pele mais ressecada ainda.

Verificar seu tipo de pele e comprar produtos adequados a ela é essencial para evitar esse tipo de dano causado por cuidados inadequados.

10. Tomar banhos muito quentes

Principalmente no inverno esse hábito é difícil de evitar. A água muito quente retira os nutrientes e camadas de proteção da pele, deixando-a mais vulnerável ao ressecamento.

Quais cuidados com a pele adotar?

Evitar esses 10 hábitos prejudiciais à saúde da pele já é uma forma de contribuir. Ainda assim, esses cuidados podem ser somados a tratamentos específicos para ajudar na harmonização facial e melhores resultados. Confira alguns principais:

  • toxina botulínica: consiste no Botox, tratamento que minimiza e previne as marcas de expressão, reduzindo os efeitos do envelhecimento e de danos associados;
  • preenchimento facial: o preenchimento com ácido hialurônico ajuda na hidratação da pele e também a devolver o volume perdido em locais específicos, como lábios e bochechas;
  • Sculptra: tratamento com ácido poli-L-láctico usado principalmente para combater a flacidez facial;
  • lifting facial: tratamento cirúrgico, recomendado para pessoas que já têm um grande acúmulo de sinais de envelhecimento como rugas, flacidez, papada e linhas de expressão.

Portanto, evitar hábitos prejudiciais é essencial para manter sua pele sempre bonita e saudável, mas também é possível optar por tratamentos estéticos que ajudem a alcançar a aparência facial desejada.

 

Agende agora a sua consulta!

 

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).