Tenho 50 anos: Quais exercícios são recomendados?

Tenho 50 anos: Quais exercícios são recomendados?

Aos 50 anos, é natural a mulher não ter mais o gás que tinha quando era mais jovem e disposta, porém isso não é nenhuma desculpa para não praticar atividade física. A atividade física é essencial para qualquer pessoa que queira ter um estilo de vida saudável e manter o corpo e a mente em dia.

No caso das mulheres de 50 anos, há uma maior chance de elas virem a desenvolver obesidade e aumento da pressão arterial, além de várias outras doenças ligadas à baixa imunidade e ao sedentarismo. Com a idade, vem também a perda de tecido magro, o que resulta em uma lentidão maior em seu metabolismo e favorece o acúmulo de gordura corporal. Portanto, a prática de exercícios fará não só bem para a memória e coração, mas refletirá também na perda de peso. É importante ressaltar que não é qualquer exercício que fará bem ao seu corpo, podendo alguns deles ocasionar lesões e causar o efeito contrário. Por isso, o ideal é saber quais exercícios combinam melhor com a sua idade e condição física.

Com vista nisso, separamos 4 exercícios físicos ideais para você, que vão te ajudar não só no melhoramento físico, mas também atuar na prevenção de doenças mentais.

Yoga
O yoga é uma prática milenar que trabalha a união de corpo e mente, proporcionando mais saúde para o corpo como um todo. Além disso, é uma das práticas que mais auxilia na perda de peso, sem ser agressiva nem perigosa. Fortalece os músculos, prioriza a flexibilidade de seu corpo e trabalha técnicas como a respiração profunda e consciente, diminuindo o estresse. O yoga ainda pode melhorar sua postura, dando-lhe uma aparência mais jovem e evitando dores nas costas. Além disso, melhora o equilíbrio e a atenção. Você ainda pode acrescentar a meditação à sua rotina diária de yoga para otimizar ainda mais os resultados e otimizar sua memória e concentração.

A famosa caminhada
Quem nunca ouviu falar da famosa caminhada como alternativa para a prática de exercícios físicos? Pois é, a verdade é que ela realmente funciona. Andar une conveniência e dinamismo na hora de perder peso. Sem fazer uso de equipamentos, você queima calorias, diminui o estresse e ainda passeia pelos bairros e parques. Para conseguir um melhor resultado, o ideal é apostar em uma caminhada de pelo menos 30 minutos todos os dias.

Musculação com pesinhos
O levantamento de pesinhos é outro exercício importante para manter seus músculos e ossos fortalecidos. Ajuda a queimar sua gordura corporal e evita o enfraquecimento dos músculos, aumentando a resistência na realização de tarefas diárias como subir escadas, carregar objetos ou mesmo realizar as tarefas de casa. Além disso, os pesinhos estimulam o metabolismo mesmo após várias horas do treino. Comece por pesinhos mais leves e para obter bons resultados, pratique pelo menos 2 vezes por semana.

Atividades de maior intensidade
Essas atividades incluem os mais diversos tipos de dança, corrida, basquete e natação, exercícios onde você poderá sair ganhando de todos os lados. Como são mais intensas, poderão exigir um exame médico prévio para uma avaliação de sua condição física. Além de queimarem gordura e nos darem mais equilíbrio, força e flexibilidade, diminuem o risco de ataque cardíaco. A dança é ótima para corpo, mente e alma! Ela consegue nos trazer todos esses benefícios ao mesmo tempo e ainda fazer a gente se sentir muito mais feliz, satisfeito e de bem com a vida.

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).