11 3285-6412
Dra. Luciana L. Pepino / Diretora Técnica Médica
CRM/SP: 106.491 RQE: 25827
Segunda a Sexta-Feira
das 10h às 19h

Rinoplastia para quem usa óculos: quais as soluções?

Entenda o pós-operatório e como é feita a rinoplastia

Você sabia que a cirurgia plástica no nariz é muito antiga? Existem documentos que relatam procedimentos estéticos no nariz, conhecidos como rinoplastia, já no final do século 19 e início do século 20. Mas claro que os procedimentos realizados nesta época eram completamente diferentes dos que são realizados atualmente. Ainda com poucos conhecimentos sobre a fisiologia nasal e anatomia, a vontade de mudar o visual do nariz já estava presente nas pessoas.

A rinoplastia como conhecemos é um procedimento cirúrgico que acontece no nariz e pode ter muitos objetivos como, por exemplo: aumentar, diminuir afinar ou alterar o formato da giba óssea. Existem duas técnicas principais para a realização destas modificações: a aberta, em que é feita uma pequena incisão na base externa da narina e a fechada, onde as incisões são feitas só na parte de dentro.

Como é o pós-operatório da rinoplastia?

O pós-operatório da cirurgia plástica no nariz acontece em duas etapas. A primeira delas, com duração de 7 dias, o paciente permanece com uma tala no nariz que tem como função manter a estrutura óssea e as cartilagens na posição correta. Até o término desta primeira semana, o paciente precisa tomar cuidados com a alimentação, dormir com a cabeça reclinada para cima por 48 horas, fazer compressas no local e evitar por completo exercícios físicos e banhos muito quentes.

Nas próximas semanas, depois do primeiro retorno ao médico cirurgião, já é possível retomar a maioria das suas atividades diárias (com exceção dos exercícios físicos) e marcar as próximas consultas de retorno simples. Alcançar 12 meses após a rinoplastia é a data máxima para que o resultado seja alcançado na sua totalidade, sem inchaços ou hematomas relacionados ao procedimento cirúrgico.

Uso óculos, e agora?

O melhor cenário neste caso é procurar se planejar e comprar lentes de contato, mesmo que para serem encaradas como medidas paliativas. Nos primeiros 7 dias, ainda com a tala, é possível utilizar óculos de leitura, por algumas horas ao dia, já que ele estará apoiado diretamente nos curativos e gesso. Depois que esta proteção cirúrgica é retirada, o mais aconselhável é que você passe por um período de um mês e meio sem apoiar os óculos no nariz.

A rinoplastia é uma cirurgia invasiva e que demanda um tempo específico de recuperação completa. Caso você tenha a possibilidade de adquirir lentes de contato, elas podem ser utilizadas normalmente algumas horas após sair do centro cirúrgico. Outra solução seria apostar na compra de óculos com estrutura ultraleve. Esse tipo de armação não será prejudicial para o resultado do procedimento e podem ser apoiados na fita posicionada no dorso nasal sem grandes problemas ou complicações.

Saiba que todo procedimento envolve riscos. Consulte sempre um médico.

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).

Deixe aqui seu comentário

*