Plástica Após a Gestação – 5 Super Cirurgias Para Conquistar o Corpo Ideal!

Saiba quais são as melhores cirurgias plásticas para realizar após a gestação

Depois de um parto o corpo muda bastante, não é? Mas a plástica após a gestação pode te ajudar a ter o corpo perfeito de volta

O corpo feminino é fascinante e abriga muitos encantos, e um deles é a possibilidade de engravidar. Porém, este processo natural acaba modificando o corpo das mulheres, deixando-as insatisfeitas. Felizmente, a plástica após a gestação ajuda a resolver essas queixas.

Muitas mulheres prezam por manter exercícios físicos, seguir uma dieta equilibrada e adotar cuidados com o corpo durante a gestação, mas mesmo assim todo esse período e a produção alterada de hormônios acabam inevitavelmente modificando a silhueta.

Em algumas mulheres, as alterações são discretas ou até mesmo consideradas positivas. Em outras situações, porém, muitas mulheres se encontram com baixa autoestima por ver o corpo tão diferente e cogitam a plástica após a gestação para recuperar sua forma antiga.

Pensando nisso, hoje vamos falar sobre cinco cirurgias plásticas após a gestação que podem ajudar você a recuperar seu corpo antigo. Conheça as opções:

  1. Mastopexia

Também conhecida como lifting de mama ou mamoplastia, tem o objetivo de retornar os seios à sua posição original, deixando-os mais levantados e com suas auréolas mais uniformes, com um formato mais harmônico.

Esta cirurgia não tem como objetivo aumentar os seios, mas sim devolvê-los à sua posição anterior à gestação e à amamentação, eliminando a flacidez que atinge essa região do corpo depois da chegada dos filhos.

A recuperação da mastopexia envolve cuidados como evitar a movimentação excessiva dos braços, o carregamento de peso e o esforço físico, além do uso do sutiã pós-operatório por 30 dias. A sensibilidade do local pode ser afetada, mas volta ao normal gradativamente.

  1. Mamoplastia de aumento

Essa cirurgia é bastante comum entre as mulheres, tenham sido gestantes ou não. O famoso silicone serve para transformar o volume e a aparência dos seios, sendo também uma medida para maior confiança estética.

No caso das grávidas, os seios sofrem um verdadeiro efeito sanfona e são ainda mais alterados com o período de amamentação. A inserção de implantes dá mais volume, restaura e equilibra visualmente as mamas após a gestação e a amamentação.

Assim como na mastopexia, a recuperação demanda cuidados como evitar movimentar os braços acima da linha dos ombros e usar o sutiã pós-cirúrgico por 30 dias. Embora as cicatrizes sejam discretas em geral, é preciso aguardar de 12 a 18 meses para avaliar o resultado final.

  1. Lipoaspiração

Veja as melhores plástica após a gestação, a lipoaspiração está entre as melhores

Por si só, a gravidez promove um aumento no peso e no volume dos seios e do abdômen, favorecendo o acúmulo de gordura nessas regiões. Além disso, pode haver alguns momentos de exagero na alimentação devido às mudanças hormonais.

Dessa forma, após o parto é comum que se percebam uns quilinhos a mais e gorduras localizadas indesejadas. Neste caso, a lipoaspiração tem sido a escolha de muitas mulheres para liquidar o problema.

A lipoaspiração, como o nome já indica, é uma cirurgia na qual a gordura do corpo é aspirada na região em que ela incomoda. Embora seja um método de perda fácil de gordura, ele não é uma técnica para emagrecer.

A boa notícia é que nesta cirurgia as cicatrizes são bastante discretas. Para que esse processo seja mais rápido e tenha uma maior qualidade, é necessário usar a cinta compressora por pelo menos 30 dias e realizar sessões de drenagem linfática conforme orientado pelo cirurgião.

  1. Lipoescultura

A lipoescultura é uma cirurgia que pode ser feita sozinha ou combinada com a lipoaspiração. O seu nome define sua função: esculpir o corpo de forma a deixar as mulheres com as curvas desejadas em uma plástica após a gestação.

Ela consiste basicamente na realocação de gordura pelo corpo: o médico retira gordura de locais onde elas estão em excesso e as recoloca em áreas que precisam de preenchimento, mas que dificilmente se alterariam naturalmente.

Assim como acontece na lipoaspiração, é importante notar que o foco aqui não é o emagrecimento, mas sim a modelagem do corpo.

A recuperação pode ser um pouco incômoda, pois os locais que tiveram gordura retirada e os locais que receberam enxerto ficam muito sensíveis.

Felizmente, com o repouso, o uso da cinta compressora e as sessões de drenagem linfática, você pode retornar gradativamente às suas atividades com seu novo corpo.

Entenda mais sobre a cirurgia plástica após a gestação e descubra qual é o momento certo!

  1. Abdominoplastia e mini abdominoplastia

A abdominoplastia é o procedimento focado em melhorar a aparência do abdômen que apresenta muita flacidez, estrias e cicatrizes, características comuns após uma gestação. Para isso, é feita a retirada de gordura e grandes excessos de pele.

Já a mini abdominoplastia é indicada para pessoas que procuram reduzir de forma moderada a quantidade de pele excedente após um parto. Por remover pouca pele, é indicada para mulheres que ganharam pouco peso ou são naturalmente magras.

Nesta operação, o cirurgião se concentra na pele abaixo do umbigo, a qual é reestruturada para deixar de ser flácida e deixar de demonstrar marcas da gravidez. O umbigo não é afetado nem recebe intervenção na mini abdominoplastia.

A primeira semana após a cirurgia pode ser marcada por algumas dores e desconfortos, que são aliviados com analgésicos. É necessário fazer repouso por duas semanas, retornando à rotina de exercícios físicos em cerca de 30 dias.

Durante esse período há desconfortos para se movimentar de forma livre, pois a paciente não consegue ficar ereta imediatamente, mas é indicado fazer pequenas caminhadas para evitar a formação de coágulos.

Conquiste o corpo ideal ou recupere a sua forma anterior com as melhores plásticas após a gestação

Não se arrisque!

Cirurgia é coisa séria e você deve ter paciência para encontrar o melhor profissional para atendê-la. Peça recomendações aos seus médicos e amigas e sempre verifique se o cirurgião é membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

Toda cirurgia demanda tempo para preparar seu corpo e saúde para a operação. Além disso, o pós-operatório deve ser cauteloso e exige cuidados detalhistas, portanto, só agende a data quando tiver certeza que pode arcar com essas situações.

Depois de tirar todas as suas dúvidas e entender qual é a plástica após a gestação que melhor se adapta aos seus desejos, é hora de se preparar psicologicamente e depois aproveitar os resultados fantásticos em seu corpo!

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).
  1. Flavia disse:

    Olá,
    Gostaria de saber qual o valor da consulta para uma avaliação ou se atende convênio.
    Obrigada.

    • Dra. Luciana Pepino disse:

      Flavia,

      Infelizmente nenhum convênio cobre consultas, tratamentos, procedimentos e cirurgias plásticas com fins estéticos e por isto não somos conveniados a eles. Trabalhamos por reembolso e se o seu plano trabalhar desta forma, o paciente pode levar o recibo e tentar reembolsar com eles, ok? Mas, é importante confirmar antes com o seu convênio.
      Para verificar valores de consulta, por gentileza, entre em contato. Nossas secretárias terão o maior prazer em atendê-la. Aqui você encontra nossos contatos: https://goo.gl/nvCFzz

      Beijos!