11 3285-6412
Dra. Luciana L. Pepino / Diretora Técnica Médica
CRM/SP: 106.491 RQE: 25827
Segunda a Sexta-Feira
das 10h às 19h

Musculação combate a flacidez?

sculação combate a flacidez

Saiba se essa afirmação é verdadeira ou falsa, e anote algumas dicas para dar adeus ao corpo flácido

Independente se você está em forma ou não, não tem como esconder a insatisfação quanto à flacidez. Muitas pessoas evitam regatas para não mostrar os braços “moles”, como também não se sentem bem com roupas de banho porque o corpo parece uma gelatina. A primeira solução que parece justa é se matricular na academia e se acabar nos exercícios de musculação. Há quem pegue pesado até demais no desespero de deixar tudo em forma, mas, nem sempre, o resultado aparece. Daí, vem a pergunta: musculação combate a flacidez?

Sim, a musculação combate a flacidez, mas ela não é responsável por isso sozinha. Melhorar partes do corpo que estão flácidas exige um pouco mais de esforço e isso não depende apenas do ato de levantar peso. Sendo assim, há um conjunto de fatores que contribuem para que o corpo fique mais firme, como o que se come diariamente. Os cremes também são grandes auxiliares que, por vezes, são ignorados, mas podem ser muito bem usados em qualquer momento do dia, especialmente após o banho.

Dicas para combater a flacidez

Para que a flacidez seja amenizada é preciso mudar a rotina. A musculação, por exemplo, causa o esticamento da pele onde ocorre o levantamento de peso, mas, só fazer isso, não dará resultados. Há quem não curta muito a ideia de ficar na academia, especialmente agora que elas costumam ficar lotadas por causa dos projetos de verão dos alunos, e a dica vai para o pilates e a ioga, ambos responsáveis em dar firmeza ao corpo.

Quando a pele perde a elasticidade, abre-se espaço para a flacidez e é preciso repor as vitaminas que ela precisa para se manter firme. Para isso, basta inserir na dieta alimentos ricos em proteínas. Porém, com moderação, pois alguns são ricos em gorduras e podem afetar a saúde, como a carne vermelha. Você pode apostar em lentilhas, soja, grão de bico, por exemplo, o que faz uma salada totalmente diferenciada. Os suplementos também podem ser um auxílio extra, mas é preciso consultar o médico para saber qual é mais indicado para você.

Essa união de musculação com dieta balanceada, além de contribuir para dar adeus à flacidez, ainda gera a perda de alguns quilinhos extras. Porém, tenha em mente que horas e mais horas levantando peso não é o segredo para emagrecer. Os exercícios aeróbicos também precisam ser inclusos na rotina de atividades físicas para que os resultados apareçam com rapidez.

Saiba que todo procedimento envolve riscos. Consulte sempre um médico.

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).