11 3285-6412
Dra. Luciana L. Pepino / Diretora Técnica Médica
CRM/SP: 106.491 RQE: 25827
Segunda a Sexta-Feira
das 10h às 19h

Dicas para baixinhas parecerem mais altas!

Você também é uma daquelas baixinhas que acha que nada combina com sua estatura? Isso não é verdade! Separamos aqui algumas dicas para você alongar seu corpo e parecer mais alta!

Nosso país está na lista dos países onde o número de mulheres baixinhas é grande e, aliás, isso é uma característica típica também das regiões latinas. Enquanto muitas mulheres estão satisfeitas e felizes com sua estatura, não ligando muito para o que vestem ou deixam de vestir, outras estão longe de sentir-se à vontade e uma das razões para isso é exatamente a dificuldade, muitas vezes por falta de conhecimento, em se adequar aos looks da moda e conseguirem o mesmo efeito que as mais altas, por exemplo. É claro que definir padrões não está em questão aqui, mas sim o modo como algumas baixinhas se vestem sem saber adequar o estilo das roupas para seu corpo e estatura, deixando de alcançar o melhor que o look pode lhe proporcionar. Um exemplo disso são mulheres que usam saltos muito altos, exatamente para poderem alcançar maiores alturas, o que prejudica a forma de andar e acaba cortando a silhueta, além de, muitas vezes, parecer desproporcional.

Existem, no entanto, alguns truques que podem amenizar esses problemas e fazer você parecer mais longilínea, valorizando seu corpo e altura e, ao mesmo tempo, sem fazer você parecer mais baixa do que já é. Confira abaixo nossas dicas!

Casacos e blusinhas
O crop top, uma das novas tendências da moda, fica espetacular nas mais baixinhas. Essa peça consegue encurtar o tronco e alongar as pernas. Outra dica especial para quem é mais baixinha são as blusinhas com decote em V, já que mostra um pouco da pele e dá um aspecto mais alongado, podendo ser complementado com colares mais longos. Por outro lado, não são indicados jaquetas, blazers e cardigãs, pois ajudam a cortar a silhueta na horizontal, deixando-a mais baixa.

Acessórios
Os acessórios servem para dar uma otimizada em seu conjunto e ajuda a criar linhas verticalizadas no centro de seu corpo, como por exemplo colares maiores que alcancem o centro do corpo ou até mesmo a região da barriga, com pingentes maiores, além dos cintos finos que ajudam a delinear sua cintura. Evite usar cintos mais grossos, uma vez que eles criam uma linha mais horizontalizada, o que acaba cortando o corpo pela metade e dando uma impressão nada agradável.

Calçados
Para calçar, evite usar saltos muito altos ou plataformas e prefira sempre pares que não sejam totalmente fechados ou, de preferência, que sejam mais abertos na região do peito dos pés. Quanto mais pele estiver à mostra, mais altura você aparentará ter. Os saltos de bico fino alongam o visual e dão um toque especial ao look. Em baixas temperaturas, opte por botas com cores semelhantes à da calça e salto mais baixo. Por último temos os calçados nude, grande tendência, principalmente entre as baixinhas, sendo uma peça coringa para alongar e trazer mais elegância para suas pernas.

Calças e Saias
Para as baixinhas que querem parecer um pouco mais altas, uma ótima saída é usar calças ou saias de cintura alta, com uma blusinha ou camiseta por dentro para alongar a cintura. Saias mais longas e bem cortadas podem criar inclusive uma ilusão, trazendo alguns centímetros a mais para as baixinhas, principalmente se ela apresentar um corte mais reto ou estampa única. O ideal é que o cós da saia pare na linha da cintura, enquanto sua barra deixa à mostra as pontas dos pés. Pantalonas e skinnys também serão eficazes neste quesito. Mas, cuidado com a altura da barra, que não pode ficar muito comprida nem curta demais. Evite calças como capri e cigarrete, pois elas acabam cortando a silhueta na horizontal e desfavorecendo seu corpo.

Saiba que todo procedimento envolve riscos. Consulte sempre um médico.

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).