Menu

Limpeza de pele: confira 09 dicas indispensáveis e comece agora!

Remover os resíduos de poluição, controlar a oleosidade e manter sua pele bem hidratada: veja como cuidar do seu rosto com uma limpeza de pele

Fazer a higiene do rosto pela manhã e à noite é essencial para manter a saúde e a beleza dessa região, mas existe outro cuidado fundamental: trata-se da limpeza de pele, uma espécie de higiene mais profunda para controlar a oleosidade, fortalecer e proteger a cútis.

Para obter esses efeitos, é preciso realizar esse procedimento uma vez por semana (para peles oleosas) ou a cada 15 dias (para peles secas), seguindo algumas etapas específicas. Confira as dicas que nós preparamos para te ajudar nesse cuidado:

  1. Comece fazendo uma limpeza básica

Para iniciar seu procedimento de limpeza de pele, lave o rosto com água morna e um sabonete de pH neutro ou apropriado para o seu tipo de pele.

Utilize também um demaquilante para remover qualquer resíduo de maquiagem e poluição, deixando sua pele pronta para o procedimento mais intenso. Esse é o procedimento que você deve fazer todos os dias, mesmo sem seguir com a limpeza mais profunda.

 

  1. Faça uma esfoliação

Depois de lavar o rosto, seu passo seguinte deve ser uma esfoliação com o objetivo de remover células mortas e resíduos de poluição. Procure sempre um produto específico para a sua pele.

Lembre-se de que essa esfoliação não deve ser agressiva para não machucar peles mais sensíveis nem estimular ainda mais a produção de sebo em peles oleosas, como numa espécie de efeito rebote.

Uma dica de esfoliação caseira que você pode seguir é misturar 2 colheres de sopa de aveia com 1 colher de sopa de mel e aplicar em todo o rosto com movimentos circulares, dando ênfase na zona T. Enxágue com água fria em seguida.

  1. O vapor é seu aliado para combater cravos e espinhas

Se você sofre com esses incômodos, uma dica especial de limpeza de pele é o vapor. Para isso, prepare 1 litro de chá de camomila, coloque em uma tigela e aproxime o rosto para que o vapor possa agir na pele. Tenha cuidado para não se queimar!

Com o calor, seus poros vão ficar momentaneamente mais dilatados, fazendo com que cravos, espinhas e outras sujidades sejam removidos mais facilmente.

  1. Saiba como remover cravos e espinhas da forma correta

Extrair cravos e espinhas é uma tarefa que deve ser feita com muito cuidado para não agravar o problema ou machucar a pele. Assim, depois de aplicar o vapor, lave bem as mãos com água e sabão e envolva os dedos em uma gaze esterilizada.

Você pode comprimir suavemente os cravos e as espinhas que têm a ponta esbranquiçada, indicando que o pus está numa posição bem superficial. No caso de espinhas vermelhas, o melhor é não mexer, pois o pus está em camadas mais profundas e poderá se espalhar.

Você não deve insistir nem aplicar muita força se eles não saírem com facilidade, pois isso pode deixar cicatrizes permanentes. Se você sofre muito com esses problemas, o melhor é recorrer a uma limpeza de pele profissional.

Você também pode gostar de: 09 alimentos que fazem mal à saúde da pele feminina!

  1. Escolha uma loção de limpeza com as propriedades certas

Com o rosto livre de células mortas, chegou a hora de aplicar um produto de limpeza propriamente dito, em formatos como loção, tônico, sabonete e gel.

Para peles sensíveis, indica-se utilizar produtos com substâncias calmantes, como camomila, aquaporine e alfabisabolol. Já para a pele seca, a dica é investir em uma loção com óleos naturais, ceramidas ou ácido glicólico.

Para pele mista, recomendam-se ingredientes como acerola e chá verde. A pele oleosa, por sua vez, vai se dar bem com ácido salicílico, ácido cítrico e enxofre. Para quem fez a extração de cravos e espinhas, a dica é usar um produto com ação antisséptica para evitar infecções.

  1. Ajude sua pele a se recuperar

A limpeza de pele pode deixar seu rosto mais sensível e avermelhado, pois você terá removido a camada de células mortas e a camada de óleo que protege a superfície.

Para ajudar sua pele a se recuperar, aplique água termal ou um hidratante com propriedades calmantes.

Confira aqui: Produtos para pele oleosa!

  1. O tônico evita a flacidez e o ressecamento

Depois de fazer a limpeza e a hidratação, aplique um tônico para ajudar a manter o conteúdo de água da pele e evitar a flacidez. Esse é um produto que você pode aplicar todos os dias depois de lavar o rosto com água e sabão e aplicar seu hidratante.

Existem tônicos para todos os tipos de pele. Porém, se você preferir uma alternativa caseira específica para evitar o ressecamento, misture 2 colheres de sopa de vinagre de maçã com 8 colheres de água, aplique no rosto e deixe agir por 10 minutos.

  1. O protetor solar é mais importante do que nunca

Não importa se você apenas fez a higiene diária ou se você fez uma limpeza de pele completa: o protetor solar continua sendo indispensável! Porém, esse produto se torna ainda mais importante depois de uma esfoliação, pois sua pele estará ainda mais sensível à radiação.

Por isso, escolha um protetor solar com FPS 30 ou superior que seja adequado para seu tipo de pele e aplique-o no rosto e no pescoço todos os dias, mesmo que o tempo esteja nublado.

Lembre-se de que a exposição ao sol acelera o envelhecimento e é o principal fator de risco para o desenvolvimento do câncer de pele.

 

  1. Saiba quando procurar uma limpeza de pele profissional

É importante saber como fazer uma boa limpeza caseira, mas nada substitui uma limpeza de pele feita em uma clínica, que oferece resultados muito mais poderosos e também é muito mais segura para pessoas com a pele sensível ou acne.

Uma das vantagens da limpeza de pele profissional é a remoção dos miliuns (bolinhas de cor branco-amarelada), que deve ser feita com microagulhas esterilizadas e seguindo a técnica correta.

Além disso, as clínicas contam com equipamentos como o ultrassom, que ajuda a extrair cravos e espinhas por atingir camadas mais profundas da pele.

O aparelho de alta frequência, por sua vez, estimula a cicatrização de micro lesões e tem propriedades anti-inflamatórias e antissépticas, evitando infecções.

Você já fez uma limpeza de pele em uma clínica especializada? Sentiu a diferença entre ela e o procedimento caseiro? Conte para a gente nos comentários e aproveite para conhecer a Dra. Luciana Pepino!

  • 1
    Share