(11) 3285-6412Segunda a Sexta-Feira das 10h às 19h
Clínica Especializada em Cirurgias Plásticas
  • A Clínica
  • Cirurgias
  • Procedimentos
  • Informações
  • Dicas
  • Contato
  • Blog
Agendar Consulta
retornar
diferença entre lipoaspiração e lipoescultura

Qual é a diferença entre lipoaspiração e lipoescultura?

Muitos pacientes chegam aos consultórios de cirurgiões plásticos sem saber as diferenças entre lipoaspiração e lipoescultura; conheça a seguir quais são elas

As cirurgias para remoção de gordura localizada estão no ranking entre as mais procuradas pelos brasileiros. Entretanto, segundo a Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica, muitos não sabem no que se diferenciam a lipoaspiração e lipoescultura.

Apesar de as nomenclaturas serem bem parecidas e capazes de gerar dúvidas, bem como os procedimentos serem iguais até determinado ponto, existem diferenças entre elas, tanto nas indicações, quanto nos resultados vistos.

Se você é uma das pessoas que embora se interesse, mas não saiba especificamente no que as cirurgias se diferem, continue a leitura conosco para descobrir. Confira abaixo!

Qual a diferença entre lipoaspiração e lipoescultura? 

mulher mostrando sua gordura localizada

A lipoaspiração é a cirurgia que utiliza de cânulas para fazer a sucção de gordura localizada de alguma parte do corpo, como o abdômen, os quadris ou os flancos, de forma a melhorar o contorno corporal. 

Por outro lado, a lipoescultura, além de utilizar este mesmo método, logo em seguida injeta a gordura removida em outra parte do corpo do paciente, como os glúteos, as mamas, as coxas, as mãos ou a face para conferir maior volume.

Dessa forma, de modo simples, pode-se dizer que a lipoaspiração é uma das partes da lipoescultura, pois a última abrange a primeira e inclui, ainda, outra técnica para aumentar o volume de outras áreas que o paciente deseja.

Quando cada uma delas é indicada?

Como é possível deduzir pela nossa explicação prévia, o objetivo da lipoaspiração e lipoescultura é melhorar o contorno corporal.

O que muitos não sabem, é que, na verdade, nenhuma delas é utilizada no intuito de promover o emagrecimento. Se este é o objetivo, existem outras técnicas indicadas, como a cirurgia bariátrica, também conhecida como cirurgia de redução de estômago.

Além disso, é claro, para o emagrecimento, recomenda-se, a princípio, a prática regular de exercícios físicos, bem como a adoção de uma alimentação saudável e balanceada.

Assim, a indicação de lipoaspiração e lipoescultura é para aqueles pacientes que já se encontram no peso ideal ou pouco acima dele, em conjunto com outras condições, como a boa elasticidade da pele e o insucesso na eliminação do acúmulo de gordura. 

Especificamente com relação a lipoescultura, essa cirurgia plástica é recomendada também para aqueles que possuem gordura localizada em alguma região do corpo, mas pouco volume em outra.

Por exemplo, há pessoas magras com gordura localizada na região do abdômen e pouco volume nos glúteos. Essa é uma hipótese em que a lipoescultura é uma excelente opção para quem se incomoda com as características mencionadas.

Como ambos os procedimentos são bem similares, as contraindicações, o pré e o pós operatório são praticamente idênticos.

Se você deseja saber um pouco mais sobre cada um deles e ainda está na dúvida de qual é a melhor opção para você, procure um cirurgião plástico de confiança para auxiliá-lo na sua escolha para obter resultados incríveis!

Saiba que todo procedimento envolve riscos. Consulte sempre um médico.


Dra. Luciana L. Pepino.

Diretora Técnica Médica

CRM-SP: 106.491

RQE: 25827

Membro da ISAPS – International Society of Aesthetics Plastic Surgery

Membro da ASPS – American Society of Plastic Surgeon

Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica SBCP

Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Residência Médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Formada em Medicina pela faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte – MG

Dra. Luciana L. Pepino.

Diretora Técnica Médica

CRM-SP: 106.491

RQE: 25827

Membro da ISAPS – International Society of Aesthetics Plastic Surgery

Membro da ASPS – American Society of Plastic Surgeon

Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica SBCP

Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Residência Médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Formada em Medicina pela faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte – MG

Agende sua consulta

Deixe o seu comentário


    Leia Também

    Carregando...

    Campanha #ViralizeOBem

    Agora você tem em suas mãos a oportunidade de transformar vidas. 50 milhões. Não é prêmio acumulado da Mega-Sena. São 50 milhões de brasileiros passando fome. E você pode transformar essa triste realidade, participando da nossa missão!

    imagem de uma criança fantasiada de super-herói em meio a uma situação de miséria
    Quero ajudar!
    imagem de uma criança fantasiada de super-herói em meio a uma situação de miséria
    logo

    Campanha #ViralizeOBem

    Agora você tem em suas mãos a oportunidade de transformar vidas. 50 milhões. Não é prêmio acumulado da Mega-Sena. São 50 milhões de brasileiros passando fome. E você pode transformar essa triste realidade, participando da nossa missão!

    Quero ajudar!

    Assine nossa newsletter

    Assine e receba dicas, novidades, materiais e muito mais.

    whatsapp

    Cirurgias

    Procedimentos

    Links Úteis

    Telefones de Contato

    Políticas de Privacidade

    Dra. Luciana L. Pepino. Diretora Técnica Médica

    CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

    logo

    2022. Dra. Luciana Pepino

    Todos os direitos reservados.