11 3285-6412
Dra. Luciana L. Pepino / Diretora Técnica Médica
CRM/SP: 106.491 RQE: 25827
Segunda a Sexta-Feira
das 10h às 19h

Dicas para clarear os dentes em casa

Quer clarear os dentes em casa? Conheça alguns métodos caseiros.

O sorriso é um dos nossos principais cartões de visita e quando a cor dos dentes fica escurecida o ato de sorrir perde sua beleza natural, além de passar um ar de falta de higiene, que não é nada agradável. Com a intuito de sanar esse problema, muita gente acaba recorrendo a métodos caseiros de clareamento, prática que está cada vez mais em alta no universo feminino. Porém, será que é mesmo possível clarear os dentes de forma natural? Será que esses métodos são confiáveis? Neste artigo, você vai conhecer alguns métodos caseiros de clareamento e descobrir se eles realmente cumprem com o que prometem.

Por que os dentes ficam escurecidos?

Antes de ir direto ao ponto, você sabe a causa de seu escurecimento? O esmalte que recobre seus dentes é sutilmente poroso, o que faz com que ele ganhe um leve preenchimento decorrente de tudo aquilo que comemos ao longo do dia. Se tomamos vinho, por exemplo, os dentes ficam com uma coloração roxa. Isso não é um problema, uma vez que se escovarmos os dentes a cor desaparece. No entanto, existem outros alimentos que mancham o esmalte dos dentes de forma muito mais profunda e que contribuem para seu desbotamento, deixando-os com uma cor amarelada ou podendo trazer tons mais amarronzados.

O chá, o café e os refrigerantes estão no topo da lista. O ácido de alguns alimentos – ovos, cerveja, carne e óleos vegetais – também pode agravar o quadro, além dos doces, quando são consumidos em excesso. Além dos alimentos, o ato de fumar e a própria falta de higiene bucal podem contribuir para a piora, além, claro, do mito de que precisamos escovar os dentes logo após a refeição. Isso, de fato, evita a cárie, mas, por outro lado, não dá o devido tempo para a total recuperação da dureza do esmalte dos dentes.

Posso clarear os dentes em casa?

Gostaríamos de frisar que os métodos aqui apresentados foram elaborados com base em sua fama e seus resultados. No entanto, se você sabe ou desconfia que tem dentes mais sensíveis – por exemplo, se eles doem quando você bebe algo gelado ou quente e escova-os demais – o ideal é evitar usar esses métodos sem o acompanhamento de um profissional, que irá avaliar seu caso e apontar os métodos cabíveis.

Como clarear os dentes em casa?

Bicarbonato de Sódio

Esse é, talvez, o método mas conhecido e adotado entre todos os demais. É uma alternativa saudável e ecológica para clarear os dentes, além de ser muito eficaz no clareamento de qualquer tipo de dente, deixando-os com aspecto perolado. Para fazer uso do bicarbonato, basta colocar ¼ de uma colher do produto em um copo ou xícara e umedecer a escova de dente na água, passando-a no bicarbonato e escovando os dentes normalmente, como você faz usando a pasta de dente. Se você quiser, também pode misturar com a pasta de dente, pois o efeito será o mesmo. Porém, muito cuidado! Esse método só pode ser usado até QUATRO vezes ao mês – uma vez a cada semana. Isso porque o uso excessivo do bicarbonato irá danificar e enfraquecer o esmalte dental, podendo trazer problemas mais graves.

Casca de banana x Polpa de morango

Esse é um outro método bastante adotado e os resultados, de fato, aparecem, apesar de exigir um pouco mais de tempo. Para clarear os dentes usando casca de banana, você precisa esfregar a parte interna dos dentes com a casca da fruta, por um período de até dois minutos. Essa técnica pode ser realizada sempre que você desejar ao longo do dia e pode ser repetida todos os dias, se achar necessário. O segredo por trás da banana está em seu ácido salicílico, que exerce papel de clareador em contato com os dentes.

Existe ainda o morango, que além de ser um alimento para lá de saboroso, também pode ser usado para clarear o esmalte do dente, mesmo com sua cor intensa. O morango apresenta Vitamina C, que ajuda a limpar as placas que causam o amarelamento dos dentes. Eles possuem ainda uma enzima que leva o nome de ácido málico e que também contribui para a remoção de manchas superficiais. Se você gosta da fruta, é uma ótima ideia usá-la também para esse propósito. Basicamente, você vai precisar tomar a polpa de morango e esfregá-la nos dentes por cerca de dez minutos, sem engolir, enxaguando bem a boca em seguida. Não se esqueça de usar o fio dental para retirar as sementes que podem ter ficado nos dentes.

Mistura poderosa

Em questão de clareamento do esmalte dos dentes, além dos métodos mais práticos citados acima, existe ainda uma verdadeira poção, que além de ser eficaz no tratamento de clareamento, ajuda a fortalecer a raiz e promover a nutrição dos dentes. Essa mistura deve ser adicionada à pasta sempre que você for efetuar a limpeza dos dentes. Para prepará-la, você precisa misturar ¼ de colher (chá) de gengibre em pó, ½ colher (chá) de sal e 3 gotinhas de óleo essencial de menta em um recipiente, que deve ser mantido tampado e ao abrigo da luz. Após isso, não tem segredo: toda vez que você for fazer a escovação dos dentes, basta mergulhar a escova na mistura preparada, aplicar a pasta dental e higienizar os dentes.

Saiba que todo procedimento envolve riscos. Consulte sempre um médico.

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).