Descubra as Inovações Na Área de Cirurgia Plástica

A visão sobre as cirurgias plásticas vem mudando com o tempo. Entenda como os procedimentos avançaram e deixe para trás o medo da mudança.

Algumas pessoas que nunca passaram por um procedimento hesitam em frente a tantos mitos e boatos que circulam sobre cirurgia plástica a anos.

Outras já fizeram uma cirurgia plástica, há algum tempo, e não obtiveram o resultado desejado, ou tiveram uma experiência ruim, e preferem não arriscar novamente.

Mas, na verdade, não há o que temer: a cirurgia plástica mudou muito nos últimos tempos. Os procedimentos ficaram mais rápidos, a recuperação ficou mais fácil e as inovações só aumentam a cada dia.

Se você é uma dessas pessoas que deseja fazer cirurgia plástica, mas ainda hesita, é hora de rever seus conceitos e descobrir as inovações que surgiram nesse campo ao longo dos anos.

Continue sua leitura e saiba mais!

Técnicas menos agressivas

A agressividade da cirurgia plástica também faz com que muitos pacientes hesitem – afinal, há perda de sangue, descolamento da pele e consequências como dores e inchaços.

No entanto, hoje em dia, existem técnicas cirúrgicas bem menos agressivas, com equipamentos mais desenvolvidos, maior bom senso entre os profissionais e regulamentações que controlam aspectos importantes da cirurgia , principalmente da lipoaspiração.

Por exemplo, hoje em dia, essa cirurgia é feita com cânulas de menor calibre, que são mais precisas na hora de sugar a gordura, e os médicos não podem retirar mais do que 5 a 7% do peso corporal do paciente. No caso de um paciente com 70 kg, por exemplo, a gordura aspirada não pode passar de 4,9 litros.

Anestesia mais segura

A anestesia é um dos aspectos que mais assusta os pacientes. Isso porque, durante muitos anos, usava-se a anestesia inalatória, que o paciente aspirava antes da cirurgia e tinha efeitos  adversos – muitas vezes, o paciente demorava muito para se recuperar do anestésico.

Hoje em dia, no entanto, a anestesia geral pode ser feita somente com medicações venosas, que fazem com que o paciente acorde mais rápido e de maneira tranquila, diminuindo os motivos para temer esse processo. Veja também quais são as vantagens da lipoescultura.

Equipamentos mais desenvolvidos

Os equipamentos utilizados em cirurgias plásticas também foram muito aperfeiçoados nos últimos anos.

Hoje, muitos novos equipamentos e instrumentais auxiliam no procedimento, como as cânulas melhores e de menor calibre, eletrocautérios que produzem menos calor e diminuem os riscos de queimaduras dos tecidos vizinhos, cirurgias endoscópicas, procedimentos minimamente invasivos que complementam a cirurgia… tudo isso facilita e agiliza o trabalho do cirurgião melhorando o pós-operatório do paciente.

Mais pesquisas sobre cirurgia plástica

Nas últimas décadas, a popularidade das cirurgias plásticas aumentou muito. O que antes era visto como uma questão puramente estética, que só pertencia às classes sociais de maior poder aquisitivo, hoje é visto como algo que pode melhorar a vida de muitas pessoas, desenvolver a autoestima e realizar sonhos. Em todo o caso, você também tem a opção de fazer um financiamento de cirurgia plástica.

Por isso, muitos cirurgiões passaram a se dedicar a descobrir novas técnicas de cirurgia, práticas que facilitam a recuperação e maneiras de melhorar os resultados finais, atendendo às expectativas do paciente sem qualquer prejuízo à saúde.

Com o apoio da tecnologia e da comunicação, essas técnicas são rapidamente difundidas por toda a comunidade cirúrgica.

Conhecimento e informação

Há alguns anos, o paciente chegava ao consultório médico sem saber quase nada sobre cirurgias plásticas – procedimento, cuidados, riscos, o que fazer no pós-operatório. Isso trazia muitos receios e dúvidas que, diversas vezes, faziam o paciente desistir do procedimento.

Hoje em dia, no entanto, temos acesso à informação de qualquer lugar do mundo, a qualquer momento. Então, os pacientes já chegam ao consultório sabendo sobre o procedimento, prontos para tirar as dúvidas mais pertinentes e exigir respostas completas.

Além disso, um paciente bem informado pode cobrar mais do cirurgião plástico e garantir que está sendo atendido por um profissional responsável, experiente e certificado, que não vai expor sua saúde a qualquer risco desnecessário.

A tecnologia, as inovações e a globalização podem ajudar muito o campo da cirurgia plástica. Elas já mudaram muitos aspectos nos últimos anos, deixando os procedimentos mais seguros, rápidos e confortáveis para o paciente. Quanto mais pesquisas tivermos nessa área, mais desenvolvimento vamos presenciar.

O que nunca mudou, e que não pode ser deixado de lado, é o fato de que um bom cirurgião é a chave para que sua cirurgia seja um sucesso. Por isso, não deixe de exigir que seu médico seja certificado, experiente e responsável, pesquisando com afinco e pedindo referências.

Gostou das novidades? Compartilhe sua experiência nos comentários e agende uma consulta com a Dra. Luciana Pepino.

 

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).
WhatsApp Clique aqui e fale conosco via WhatsApp