Vai em sua primeira consulta com o cirurgião? Descubra o que você deve perguntar antes da sua cirurgia plástica

Mulher em se consultando com cirurgião para uma cirurgia plástica

Esteja preparada para aproveitar ao máximo sua consulta com o médico especialista em cirurgia plástica.

Você finalmente tomou coragem para uma cirurgia plástica e marcou sua primeira consulta com o cirurgião plástico? Parabéns! Este é o primeiro passo em direção à correção de algum problema que pode estar te incomodando há muito tempo.

O cirurgião plástico é o profissional mais indicado para avaliar aquelas partes do nosso corpo que causam muita insegurança e te dizer com precisão se realmente existe um problema, o que você pode fazer para corrigi-lo em caso afirmativo e quais são as expectativas de melhora.

Afinal, por mais que você já tenha lido a respeito do assunto, somente uma avaliação presencial com um cirurgião plástico possibilitará que você tenha uma verdadeira análise específica para o seu caso.

Entretanto, por ser um passo importante, é normal que você fique um tanto ansiosa antes da consulta. O problema é que isso pode acabar te atrapalhando durante a conversa com o médico, a ponto de você esquecer alguns importantes a serem discutidos. Por isso, preparamos este guia para te tranquilizar.

Atenção: antes de marcar sua consulta, verifique se o cirurgião é membro da SBCP (Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica). Realizar um procedimento com profissionais que não estão inscritos nesse órgão pode representar um grande perigo para a sua saúde.

Mulher em consulta com uma cirurgiã plastica para uma cirurgia plástica

Não tenha vergonha de expor seu problema

Uma barriguinha saliente? Um seio muito diferente do outro? Pequenos lábios desproporcionais aos grandes lábios? Isso pode parecer constrangedor a princípio, mas saiba que o cirurgião plástico está mais do que acostumado a lidar com esse tipo de queixa.

Portanto, quanto mais detalhes você puder dar a ele sobre o seu problema, melhor será a avaliação dele sobre o caso. Vale sempre reforçar que a consulta é sigilosa.

Pergunte quais são suas opções de tratamento

A consulta é o momento ideal para descobrir quais são as opções de tratamento para o problema que você relata. Pode ser que o médico realmente indique uma cirurgia plástica ou, quem sabe, seu caso possa ser resolvido com opções menos agressivas, como tratamentos a laser, radiofrequência, toxina botulínica, peelings etc.

Esse é o momento de descobrir se a tão sonhada cirurgia plástica realmente vai resolver seu problema. Por exemplo: uma paciente que se queixa de seios caídos relata que gostaria de colocar próteses de silicone para corrigir o problema. Na hora da consulta, o médico irá esclarecer que as próteses não vão resolver o problema da flacidez. Nesse caso, a cirurgia mais indicada é a mastopexia.

Descubra tudo sobre os resultados esperados

Infelizmente, nem sempre é possível alcançar o resultado dos sonhos do paciente, embora a maior parte deles saia bastante satisfeita com a cirurgia plástica. Por isso, é necessário ter muito claro o que você pode esperar da intervenção.

Uma paciente que realize uma lipoaspiração, por exemplo, não deve esperar ter uma grande perda de peso como resultado da cirurgia, e sim a redefinição do contorno de algumas partes do corpo. Da mesma forma, uma rinoplastia não permitirá que o paciente fique com o nariz exatamente igual ao de determinada celebridade, pois cada um tem sua própria estrutura óssea.

Pode ser que, no seu caso, a cirurgia plástica não resulte em uma melhora de 100%, então é necessário saber o grau de melhora da queixa apresentada que a intervenção poderá proporcionar.

Cirurgião plástico consultando mulher para uma cirurgia plástica

Questione sobre o pós-operatório e o período de recuperação

Em meio a uma rotina agitada, com trabalho, casa e filhos para cuidar, talvez seja difícil você descobrir que, de repente, terá que ficar 30 dias em repouso, sem fazer nenhum tipo de esforço. Dessa forma, para não ser pega de surpresa, você deve perguntar ao médico todos os detalhes sobre o pós-operatório e a recuperação da cirurgia.

Não tenha medo de perguntar sobre o nível de dor e desconforto que você poderá enfrentar e quais são as medidas que existem para amenizar esses sintomas. Pergunte se você apresentará inchaços e manchas roxas e em quanto tempo essas marcas devem começar a desaparecer.

É muito importante saber a partir de quantos meses você poderá avaliar o resultado da cirurgia. Normalmente, nos primeiros meses a região ainda está muito inchada, os tecidos ainda não se acomodaram em sua nova posição e as cicatrizes ainda estão muito aparentes, o que pode gerar uma grande frustração com a cirurgia.

Saber a partir de quantos meses o resultado da cirurgia plástica realmente vai aparecer ajuda a evitar muita ansiedade no período de recuperação.

Saiba em quais ambientes você pode realizar a cirurgia

Se a sua cirurgia envolve anestesia geral, não tenha dúvidas: você só deve se submeter ao procedimento se ela for feita no hospital.

Por mais que as clínicas e consultórios estejam preparados para a realização de pequenas intervenções, como preenchimento labial e Botox®, somente os hospitais apresentam a estrutura adequada para atender casos de emergência.

Não fuja: pergunte quais são os riscos da sua cirurgia

Ninguém gosta muito de falar sobre isso, mas é necessário discutir com o médico os possíveis riscos da sua cirurgia para identificar se você apresenta algum fator de risco. Em geral, tabagismo, obesidade, problemas de cicatrização e doenças cardíacas são condições que fazem necessário tomar uma série de medidas antes de o paciente passar pela cirurgia.

Pergunte sobre os exames que você deve realizar antes do procedimento cirúrgico e tenha certeza de que o médico está colocando a sua saúde em primeiro lugar.

Não se esqueça de perguntar sobre as condições de pagamento

O custo de uma cirurgia plástica pode variar muito de consultório para consultório. Por isso, não tenha vergonha de perguntar quanto custará a sua cirurgia, incluindo os gastos com anestesista, internação, medicamentos e toda equipe médica, e também sobre quais são as condições de pagamento.

Uma última dica: caso você esteja muito ansiosa para a consulta, pode ser uma boa ideia anotar todas as duas dúvidas no celular e fazer um checklist do que você gostaria de perguntar, assim você não esquecerá nada da hora da sua avaliação.

Cirurgião plástico examinando paciente no rosto

Você também pode gostar de: Descubra se as próteses mamárias são a solução em casos de flacidez

 

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).