Cirurgia Plástica no rosto: Conheça os procedimentos que podem ser realizados em busca de um rosto perfeito

Conheça quais são os procedimentos cirúrgicos faciais utilizados para tornar o seu rosto mais harmônico

O rosto é o seu cartão de visitas. Ele é a primeira coisa vista por alguém quando somos notados e, por conta disso, é natural que tenhamos que dispensar um pouco mais de atenção a ele. Em se tratando de cirurgias plásticas no rosto, existem diversos tipos de procedimentos indicados não apenas para correção, mas também para melhorias estéticas na face.

Por mais que você queira mexer alguma coisa que não lhe agrade, nem sempre há necessidade de fazer uma cirurgia plástica no rosto. O caminho ideal é procurar uma clínica e discutir com o seu cirurgião quais procedimentos são realmente necessários. Para seu conhecimento, listamos aqui aquelas cirurgias que são consideradas as mais comuns envolvendo o rosto humano. Você conhece todas elas?

Rinoplastia

A rinoplastia é um dos procedimentos cirúrgicos mais realizados atualmente. Como o nome indica, trata-se de uma intervenção cirúrgica no nariz, que raramente deixa alguma cicatriz. Uma coisa importante a se ressaltar é que o paciente não pode escolher exatamente a forma que desejar para o seu futuro nariz, pois isso depende de uma série de fatores estruturais do paciente.

A cirurgia de rinoplastia demora entre uma e duas horas, com tempo de internação de até 24 horas. Após sete dias, ao retirar o gesso, já é possível notar os primeiros resultados, embora ainda com um inchaço natural na região. Essa condição vai diminuindo com o passar do tempo, mas pode levar até um ano para que o resultado definitivo seja percebido.

Mulher mostrando o nariz após a rinoplastia

A rinoplastia é um dos procedimentos cirúrgicos mais realizados atualmente.

Saiba mais sobre o procedimento em Rinoplastia.

Otoplastia

Outro tipo de cirurgia bastante comum envolvendo o rosto é a otoplastia. Sabe aquela característica conhecida como “orelhas de abano” e que muitas vezes pode fazer com que você sofra com piadinhas desde a infância? Esse é o procedimento cirúrgico capaz de resolver esse problema, e a boa notícia é que ele pode ser feito ainda na criança, a partir dos sete anos de idade. Nesse período, a orelha já está completamente formada.

O tempo de internação é pequeno e geralmente não passa de 12 horas. A cirurgia leva em torno de uma hora e são raríssimas as complicações. O resultado definitivo pode ser percebido depois de três meses e, por conta disso, o período de férias escolares é visto sempre como uma ocasião propícia para a recuperação total do paciente.

Mulher marcando a orelha antes da otoplastia.

Otoplastia também é conhecida por Cirurgia de Orelha de Abano.

Saiba mais sobre o procedimento em Otoplastia.

Lifting facial ou ritidoplastia

Que tal dar um up na sua face e atenuar os efeitos do envelhecimento? Essa é a ideia por trás do lifting facial ou ritidoplastia. Esse procedimento cirúrgico consiste no levantamento dos tecidos da face que, com o passar do tempo, ficam flácidos e resultam em uma perda de volume. É importante ressaltar que não se trata de rejuvenescer “x” anos. Mas sim de apresentar uma face com aparência natural.

Outro ponto que é importante deixar claro é que o lifting não é uma cirurgia para redução de rugas. O procedimento aqui é um pouco mais demorado, levando de quatro a cinco horas, mas a previsão de internação é de no máximo 24 horas. O inchaço pós-cirurgia é percebido geralmente por uma semana após o tratamento, e é recomendável fazer depois algumas sessões de drenagem linfática para auxiliar a eliminar o excesso de líquido.

Mulher marcando o rosto para fazer Lifting Facial

O lifting facial é o levantamento dos tecidos da face.

Saiba mais sobre o procedimento em Lifting facial ou Ritidoplastia.

Blefaroplastia

Essa também é uma cirurgia com bastante procurada em clínicas de plástica e estética. A blefaroplastia trata o excesso de pele, as bolsas de gordura e a flacidez que aparecem na região das pálpebras. Nesse caso, além da óbvia melhora dos aspectos estéticos. O paciente pode melhorar até mesmo aspectos funcionais. Por conta disso, esse tipo de cirurgia pode ser feito em pacientes de qualquer idade.

A cirurgia de pálpebras é rápida, durando no máximo uma hora, e o tempo de internação é igualmente pequeno, não ultrapassando em geral as seis horas. A percepção dos resultados deve variar em cada caso. Mas em geral somente depois de 30 dias é possível notar as melhorias após a diminuição do inchaço e a cicatrização.

Mulher marcando a parte inferior do olho para fazer uma Blefaroplastia

A blefaroplastia trata o excesso de pele, as bolsas de gordura e a flacidez que aparecem na região das pálpebras.

Saiba mais sobre o procedimento em Blefaroplastia.

Bichectomia

Encerrando a nossa lista, temos outro procedimento cirúrgico que vem ganhando destaque na mídia pelo fato de ser popular entre as celebridades. Estamos falando da bichectomia, cirurgia plástica nas bochechas. A ideia aqui é deixar o rosto mais afinado, enaltecendo os contornos e deixando você com um aspecto de uma pessoa mais magra e definida.

A cirurgia em si é considerada bastante simples e os procedimentos cirúrgicos não costumam levar mais do que uma hora. O período pós-operatório também é dos mais rápidos e, em geral, logo após a cirurgia o paciente já recebe alta. Após a conclusão, será preciso adotar uma dieta líquida por um período de até quatro dias. O desconforto e o inchaço desaparecem por completo após duas semanas. E nesse período deve ser evitada a exposição ao sol, bem como os exercícios físicos.

Mulher com excesso de bochecha

A bichectomia, cirurgia plástica nas bochechas.

A orientação do seu cirurgião é fundamental

Muitas vezes, a paciente tem uma ideia estética em mente que nem sempre é possível (ou necessária) de ser aplicada. Por isso, a recomendação maior é que, antes de “decidir” por uma cirurgia, você procure um cirurgião plástico de sua confiança para averiguar as reais necessidades de uma intervenção.

Essa é uma decisão que será tomada em conjunto, e você precisa ficar por dentro de todos os riscos, as consequências e as particularidades do processo pós-operatório. Nessas horas, quanto mais informação você tiver, melhor. Lembre-se de que no final das contas o objetivo é sempre deixar você com uma aparência mais bonita e saudável.

Você também pode gostar de: Cirurgia Plástica: Saiba o que perguntar ao cirurgião plástico na primeira consulta

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).