Como manter o corpo saudável após a cirurgia de lipoaspiração?

Uma grande preocupação de quem faz uma lipo é engordar e recuperar toda a gordura que havia sido removida. Veja como você pode evitar esse efeito

Fazer uma cirurgia de lipoaspiração pode ser a realização de um grande sonho. Porém, mesmo que você tenha alcançado a silhueta que você tanto almejava, é necessário seguir alguns cuidados para que esses resultados não se percam.

Quando a gordura em excesso é removida por meio da sucção, diminui-se o número de células adiposas do local tratado. Dessa forma, é mais difícil que a gordura volte a se acumular nessa mesma parte do corpo, embora esse risco exista.

Além disso, um ganho de peso significativo pode representar um aumento na silhueta em outras regiões que não passaram pela lipoaspiração, deixando os contornos corporais desproporcionais.

Outro fator que preocupa os pacientes depois da lipo é a tendência à flacidez. Nesse caso, a pele pode não conseguir se retrair o suficiente, apresentando “sobras” após a cirurgia, o que também prejudica os resultados.

Cuidados depois de uma cirurgia de lipoaspiração

Para manter o novo contorno corporal obtido com a cirurgia e evitar a flacidez, é preciso adotar algumas medidas que ajudem a manter o organismo e a pele saudáveis, potencializando os efeitos da lipoaspiração. Conheça as principais:

  1. Utilize a cinta pós-cirúrgica conforme a orientação médica

Depois de uma cirurgia de lipoaspiração, é essencial utilizar a cinta compressora por cerca de 30 dias de forma ininterrupta, retirando-a apenas para tomar banho. Dependendo do caso, o médico poderá solicitar um uso mais longo.

Esse acessório faz uma compressão no local da cirurgia, de modo a “segurar” os tecidos em suas novas posições. Com isso, o paciente tem mais segurança para retomar seus movimentos, além de favorecer sua recuperação.

A cinta proporcionar um suporte extra à pele, de modo a facilitar a cicatrização e evitar a abertura dos pontos, pois as bordas do tecido ficam unidas.  Dessa forma, evita-se o descolamento da pele, que seria preenchido com líquido e aumentaria o inchaço na região.

Em consequência desse edema, a pele poderia não se fixar corretamente, aumentando a tendência à flacidez. Aproveite para saber mais sobre os benefícios da cinta modeladora.

cirurgia de lipoaspiração
fonte: pinterest
  1. Faça sessões de drenagem linfática

Um dos cuidados do pós-operatório da lipoaspiração é a realização de sessões de drenagem linfática conforme a liberação médica, que costuma acontecer a partir do quarto dia depois da cirurgia.

Assim como a cinta pós-cirúrgica, essa técnica de massagem ajuda a evitar o acúmulo de líquidos na região operada, de modo a permitir uma boa fixação da pele aos tecidos inferiores e diminuir o risco de flacidez.

Além disso, a drenagem linfática evita a formação do seroma (acúmulo de líquidos na região da cicatriz), acelera a reabsorção das manchas arroxeadas e combate o inchaço.

Outra vantagem dessa técnica para a saúde da pele e do organismo como um todo é que ela estimula a circulação, levando mais oxigênio para os tecidos, o que favorece a produção de colágeno e a cicatrização.

  1. Faça uma reeducação alimentar

Um dos grandes motivos pelos quais as pessoas engordam depois de uma cirurgia de lipoaspiração é o fato de não ter adotado uma alimentação saudável.

Na verdade, o ideal é fazer uma reeducação alimentar antes mesmo da cirurgia, pois estar em uma faixa de peso adequada é um dos quesitos para a obtenção de bons resultados e inclusive para a segurança do paciente.

Porém, quando a pessoa se descuida em relação à dieta depois da lipo, a tendência é que ela ganhe peso. Afinal, a lipoaspiração remove a gordura em excesso, mas não é capaz de transformar o metabolismo do corpo.

Dessa forma, é importante buscar a orientação de um nutricionista se necessário e adotar novos hábitos na hora de se alimentar, buscando oferecer ao corpo todos os nutrientes necessários para o seu bom funcionamento ao mesmo tempo em que evita os excessos.

  1. Pratique atividades físicas

Outro fator essencial para a manutenção de um peso saudável – e de um corpo saudável como um todo – é a prática de exercícios. Quando estamos falando da silhueta, as atividades físicas atuam em conjunto com a dieta para combater o acúmulo de tecido adiposo.

Dessa forma, os exercícios são fundamentais para evitar que se formem novos depósitos de gordura ou até mesmo a volta da gordura localizada que havia sido removida na cirurgia de lipoaspiração.

Além disso, ter uma rotina de atividades físicas é um dos pilares da boa saúde. Os exercícios estimulam a circulação sanguínea, fortalecem músculos e ossos, previnem doenças como diabetes e aterosclerose e ainda contribuem para o bem-estar psicológico.

Assim como a alimentação, o ideal é já fazer exercícios antes da lipoaspiração, o que também ajuda a evitar a flacidez. Porém, logo depois da cirurgia plástica, será necessário suspender os esforços físicos por pelo menos 30 dias.

O retorno a essas atividades deve ser gradual, começando com modalidades mais leves, como a caminhada, e esperando até 60 dias para retomar os treinos com peso na academia. Lembre-se de que essas orientações podem mudar de acordo com a avaliação do seu cirurgião.

cirurgia de lipoaspiração

Veja também – Lipoaspiração De Papada: Dê Adeus às Gordurinhas no Pescoço!

  1. Tome água o suficiente todos os dias

A água é o principal componente do nosso corpo, e nossa pele precisa manter seu teor de hidratação para se manter firme e evitar a flacidez. Além disso, quando se fala em manter o peso ou evitar ganhar quilos extras, ela assume um papel ainda mais importante.

Ao garantir a ingestão de pelo menos 2,5 litros de água por dia, você ajuda seu intestino e seu sistema urinário a funcionar corretamente, permitindo a eliminação dos resíduos e das toxinas, além de evitar a retenção de líquidos e a celulite.

Não se esqueça também de que, muitas vezes, nosso organismo pode confundir a sensação de sede com a fome, fazendo com que você coma sem necessidade – o que inevitavelmente contribui para o ganho de peso.

Ao seguir essas dicas, você estará cuidando do seu corpo como ele merece, de forma a prolongar os resultados da sua lipoaspiração e, acima de tudo, preservar a sua saúde. Se ainda restou alguma dúvida, não deixe de agendar uma consulta com a Dra. Luciana Pepino.

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).