11 3285-6412
Dra. Luciana L. Pepino / Diretora Técnica Médica
CRM/SP: 106.491 RQE: 25827
Segunda a Sexta-Feira
das 10h às 19h

Fique por dentro dos maiores benefícios da cúrcuma para a saúde

benefícios da curcuma

A cúrcuma, ou açafrão-da-terra, é uma raiz de cor alaranjada da família do gengibre, muito utilizada como tempero culinário. Ela apresenta propriedades medicinais reconhecidas por diversos estudos científicos quanto à ação anti-inflamatória e antioxidante. Isso se deve ao seu principal componente, a curcumina, que é responsável pelos diversos benefícios da cúrcuma para a saúde.

Neste artigo, você vai conhecer alguns dos principais benefícios que a cúrcuma proporciona, bem como as melhores maneiras para consumi-la, as contraindicações e os possíveis efeitos colaterais. Continue a leitura para saber mais!

Os principais benefícios da cúrcuma para a saúde

São diversos os benefícios da cúrcuma, principalmente por suas propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias. Ela promove a saúde e o bem-estar, contribuindo para o combate de várias doenças, como artrite, Alzheimer e depressão, entre outras. Veja, a seguir, alguns dos principais efeitos.

Previne e auxilia no tratamento do câncer

O efeito antioxidante da curcumina impede a ação dos radicais livres que podem causar danos ao DNA celular e provocar o desenvolvimento de células cancerígenas. Além disso, a substância ajuda a destruir células cancerosas, evitando metástases.

A curcumina também inibe a síntese de proteínas que fazem parte da formação do tumor, evitando o surgimento de novos vasos sanguíneos que alimentam o crescimento de células cancerígenas.

Estimula o sistema imunológico

A curcumina aumenta os níveis de uma proteína chamada CAMP (antimicrobiana catelicidina péptido), que modula a resposta imunitária inata. Ela é fundamental para a proteção contra vírus, bactérias e fungos, agindo também no combate à tuberculose e no controle da sépsis.

Auxilia na perda de peso

Um estudo realizado na USP apontou a ação da cúrcuma na inibição da lipogênese, que é a produção de gordura pelo corpo. Os pesquisadores observaram que a substância reduziu o percentual de gordura corporal e que a ação anti-inflamatória da curcumina é um dos principais fatores que ajudam na perda de peso.

Além de contribuir para o emagrecimento, a cúrcuma também contribui para a prevenção de doenças relacionadas à obesidade, conforme pesquisa publicada no European Journal of Nutrition. O estudo concluiu que a curcumina interage em várias ocorrências metabólicas, capazes de reverter a resistência à insulina (pré-diabetes), como:

  • hiperlipidemia (colesterol elevado);
  • hiperglicemia (açúcar alto no sangue);
  • outros sintomas inflamatórios associados ao excesso de peso corporal.

As melhores maneiras de consumir cúrcuma

A cúrcuma em pó ou em seu formato original, que lembra o gengibre, é muito utilizada como tempero culinário, principalmente em carnes brancas, como peixe e frango. Já as folhas da planta podem ser utilizadas na preparação de chás.

Além disso, é cada vez mais comum encontrá-la em forma de cápsulas, para ser consumida como suplemento alimentar. Entretanto, para consumir o açafrão- da-terra e obter todos os seus benefícios é preciso observar que os seus nutrientes não são facilmente absorvidos pelo organismo.

Nesse sentido, é recomendável associá-lo a algum tipo de gordura, como azeite de oliva ou uma oleaginosa. Outro alimento que ajuda na absorção e potencializa os efeitos da cúrcuma é a pimenta, devido à piperina, seu principal componente.

Contraindicações e efeitos colaterais

A cúrcuma apresenta baixa toxicidade. Porém, em excesso, pode provocar irritação no estômago e enjoo. Além disso, ela não deve ser consumida por pessoas:

  • gravidas (pode provocar aborto);
  • lactantes e crianças;
  • com obstrução nas vias biliares (pedra na vesícula);
  • que fazem uso de medicamentos anticoagulantes.

Um fator importante a ser também considerado é a interação da cúrcuma com outros nutrientes da alimentação, já que o seu consumo pode afetar a absorção de ferro. Nesse sentido, pessoas com anemia devem consultar um nutricionista para melhor orientação.

Como vimos, os benefícios da cúrcuma para a saúde são diversos, podendo, inclusive, prevenir e tratar vários tipos de câncer. Entretanto, mesmo sendo um produto natural, é muito importante observar alguns cuidados em seu consumo, como os que comentamos neste artigo, para evitar possíveis efeitos colaterais.

Estas informações foram úteis? Para saber mais sobre cuidados com a saúde, entre em contato conosco!

Saiba que todo procedimento envolve riscos. Consulte sempre um médico.

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).