Para manter a pele do rosto firme: Ginastica Facial

Saiba o que é ginastica facial e quais são seus principais benefícios.

Se você é daquelas que gosta de cuidar de sua aparência, você com certeza mantém uma dieta equilibrada e faz exercícios físicos regularmente, certo? Mas, além de cuidar da saúde do corpo, você saiba que também é possível cuidar da nossa pele facial? Muitas mulheres se dedicam para manter a forma, mas acabam se esquecendo da importância de exercitar a região facial. O fato é que foi-se o tempo em que só havia a ginástica corporal. Hoje, sabe-se que é possível manter a aparência do corpo como um todo, incluindo o rosto, e especialmente com toda a rotina de estresse enfrentada por quem vive na era moderna, o rosto acaba respondendo aos estímulos do dia a dia, além do envelhecimento natural da pele do rosto, que se dá com o avanço da idade. Ao longo dos anos, as expressões faciais vão aumentando e o rosto ficando caído, deixando espaço para a flacidez, motivo de desespero para muitas.

Por esse e outros motivos, está cada vez mais comum mulheres buscarem técnicas para melhorar as expressões faciais e, apesar dos avanços da tecnologia, a tradicional técnica de ginástica facial ainda marca presença nas clínicas de estética, sendo uma das mais eficientes para ajudar a prevenir rugas.

O que é e quais são seus benefícios?

Ginástica facial é um exercício muscular regular e específico para o rosto. Seu objetivo é o rejuvenescimento e o levantamento das linhas das sobrancelhas, lábios, olhos, rosto e pescoço. Outro objetivo da ginástica é devolver à pele do rosto o tônus muscular saudável que vai ficando comprometido com a idade. Hoje, ter boa aparência não é privilégio dos mais jovens e obter um rosto descontraído, harmônico e que tenha músculos mais firmes é perfeitamente possível através dessa ginástica.

Essa técnica vem alcançando resultados excelentes e proporcionando uma melhora considerável na aparência de muitas mulheres. No primeiro mês já é possível ver os primeiros resultados e, ao longo de 3 meses, esses resultados se intensificam bastante. A técnica tonifica a musculatura do rosto e deixa-o com a aparência mais bonita, suave e saudável. A ginástica não é só recomendada para ajudar na recuperação da pele do rosto, podendo ser também utilizada para prevenir rugas em mulheres acima dos 25 anos. Além disso, a ginástica facial também é indicada para mulheres que estejam passando por dietas, atletas, por mulheres que tenham sido submetidas à uma cirurgia plástica ou que apresentem um quadro de paralisia facial. E o melhor de tudo é que é de graça! – Basta usar duas ferramentas: suas mãos!

Separamos abaixo alguns exemplos de ginásticas faciais:

1.Testa:

– Usando o polegar indicador, belisque as rugas da testa horizontalmente, fazendo um total de 10 repetições.
– Esprema os olhos e segure-os contando até 15. Volte lentamente agora contando até 6. O exercício deve ser repetido 4 vezes.

2.Queixo, olhos:

– Vire seus olhos em direção aos cantos superiores alternadamente, repetindo o movimento por até 10 vezes.
– Coloque o polegar dentro da boca e deixe o indicador fora. O que você vai fazer é massagear o canto da boca e os lábios. O ideal são 3 repetições para cada lado.

3. Boca, bigode chinês, lábio:

– Dê um sorriso forçado e contraia os músculos para os lados, segurando-os e contando até 10. Após isso, volte lentamente contando até 6. A repetição do movimento pode ser de 5 vezes.
– Mantenha sua língua no céu da boca e pressione-a até sentir o queixo bem rígido. Usando os dedos indicadores e anulares dobrados, é hora de empurrar a pele lateral dos olhos para os lados. 20 repetições já são o suficiente – para cada lado, claro.

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).