11 3285-6412
Dra. Luciana L. Pepino / Diretora Técnica Médica
CRM/SP: 106.491 RQE: 25827
Segunda a Sexta-Feira
das 10h às 19h

Maxicolares e Maxibrincos: as tendências da próxima estação

O verão está quase aí e as mulheres começam a correr contra o tempo para renovar o guarda-roupa. As botas são substituídas por sandálias, as blusas de manga longa por regatas e as calças jeans por saias ou vestidos. Até os acessórios passam por uma faxina, pois a temporada de calor pede cores mais vivas e chamativas que combinem com as mais diferentes estampas e tecidos. A aposta da primavera-verão deste ano são os maxicolares e os maxibrincos, que prometem ser o novo trend da mulherada apaixonada por bijuterias exuberantes.

Os maxicolares valorizam qualquer estilo por serem acessórios volumosos e ricos em detalhes. É preciso ter muito cuidado na hora de combiná-los com determinada roupa, pois você pode correr o risco de poluir todo o look. O segredo é usar e abusar da criatividade, mas com um pouco de cautela. Por serem maiores que os colares comuns, é normal ficar com o pé atrás e com dúvidas sobre a maneira correta de usá-los.

Vamos fazer um teste: experimente um maxicolar bem colorido com uma regata lisa e com um decote simples.

Você pode usar estes colares ao estar de jeans e sapatilhas, mas prefira aqueles com strass, pedras, contas ou fitas que darão uma descontraída no visual. Se você é daquelas que precisam trabalhar de roupa social, preste atenção na gola da camisa, pois quanto menor ela for, maior será o colar e vice-versa. Os vestidos também são grandes amigos dos maxicolares e a dica é tomar cuidado com as estampas e com o tamanho do decote.

Os maxicolares também são grandes salvadores daqueles dias que não sabemos o que vestir e, sem perceber, caímos no repeteco de roupas. Ao incluir a bijuteria com o visual da semana passada, fique tranquila, pois se a peça for linda e bem chamativa, ninguém notará a roupa, mas sim o que está no pescoço. De quebra, você dará uma levantada no look e arrasará.

É recomendável o uso dos maxicolares com peças lisas, mas nada impede que você incremente-o aos tecidos coloridos. Se o colar for de uma cor neutra, não há problema utilizá-lo com uma roupa com detalhes azulados, por exemplo.  O segredo é não extrapolar! Outra dica que não pode ser esquecida é a frase “quanto mais, menos”. Ao optar pelo maxicolar, use brincos discretos, senão, o visual ficará carregado.

Por falar em brincos, você os prefere mais que colares? Saiba que há também os deslumbrantes maxibrincos, que seguem as mesmas regras de uso dos maxicolares.

Os maxicolares e os maxibrincos têm o poder de transformar qualquer visual por serem versáteis. Existem diversos tipos destas peças, desde os mais exagerados que misturam diferentes materiais e cores, e os mais simples que são uniformes e de única cor. Para todas as mulheres que apreciam joias, insira-os na caixinha de bijuterias e fique na moda da próxima estação.

 

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).
  1. simone ferrari erlo disse:

    adorei as dicas.um grande abraço

  2. jandira disse:

    oie amei suas joias amo d epaixão
    precisa fazer um site com os modelos e preços
    e como comprar né kkkk
    bjo

  3. MARIA DAS GRAÇAS PEREIRA PARAVANI disse:

    Boa noite!
    fiz redução de estomago e preciso fazer abdominoplastia, mas como sou vaidos com 58 anos, quero fazer uma cirurgia reconsturora pois tenho que voltar a uma vida ativa , e ser feliz pq não sou.
    e gostaria de saber como faço, onde enconto vcs especializados na area e a opinião .
    grande abraço.

    Graça
    São Carlos S.P