Menu

Mastopexia: seus seios mais bonitos e sem flacidez

Saiba como esse procedimento estético funciona e como pode contribuir para a harmonia das mamas

Quem é que não tem vontade de manter os seios sempre bonitos? A mastopexia é uma das cirurgias plásticas que contribui para deixar a região das mamas harmoniosas, pois é responsável em remover a flacidez, como também dá uma subidinha em quem tem os seios caídos, de maneira a dar uma posição alta e natural. Há mulheres que, ao notarem que a região não está mais como antes, evita usar qualquer blusinha mais cavada e tenta esconder o impasse. A boa nova é que esse procedimento estético torna esses dilemas coisa do passado.

Geralmente, a mastopexia, também chamada de lifting de seios, é indicada para as mulheres que terminaram o período de amamentação ou quem sofre com a mama caída devido à perda da jovialidade da região. Há também aquelas que procuram o procedimento estético por causa da perda e do ganho de peso muito rápido, o que acarreta em flacidez. Esse método estético que atua na aréola e no tecido mamário, de maneira a dar adeus ao excesso de pele, é utilizado para dar um acabamento melhor ao contorno da mama.

É importante que as pacientes saibam que a mastopexia não altera o tamanho dos seios ou preenche a parte superior da região, o colo, como faria o implante de próteses de silicone. Sendo assim, o lifting de seio recobra a consistência deles. É nesse detalhe que é preciso se manter focada.

Tem como associar implante de próteses de silicone à mastopexia?

Essa associação de duas cirurgias ao mesmo tempo é possível, desde que seja um detalhe combinado com o cirurgião plástico, pois há mulheres que solicitam o aumento da mama. Porém, a região pode muito bem ser melhorada só com a mastopexia, que dá o aspecto firme. O uso de próteses de silicone não mantém as mamas erguidas por muito tempo. Dependendo do peso, elas podem “descer” os seios.

O mesmo vale para as próteses de mama submusculares que garantem uma posição mais alta, pois elas são colocadas nos músculos peitorais. Porém, com o passar do tempo, as mamas continuarão a descer, o que pode gerar o “duplo contorno”, ou seja, próteses altas e seios caídos.

Quem passou pela mastopexia e ficou grávida depois do procedimento estético, manter o resultado depende do controle da perda e do ganho de peso. Claro que só isso pode não ser fundamental para manter as mamas com a aparência bonita, pois é um detalhe que também se apoia na elasticidade da pele.

Outro método bastante comumente associado com a mastopexia é a mamoplastia redutora, direcionada para as mulheres que têm mamas muito grandes, que acarretam dores nas costas e no pescoço, o que gera muito incômodo também na hora de comprar um sutiã. A junção dos dois também trazem resultados mais completos, pois a mamoplastia redutora remove o excesso de tecido mamário, o que confere um tamanho confortável e que beneficia a simetria.

As mulheres que queiram investir na mastopexia, a dica é cuidar da saúde – manter o peso saudável, cortar vícios como fumar e ter uma rotina de atividades físicas. Acima de tudo, é preciso manter os pés no chão para que os resultados sejam atingidos conforme o esperado. Por isso, mantenha um diálogo honesto com o cirurgião plástico, tire todas as dúvidas com relação ao procedimento estético e consulte a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica para mais informações.

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).
  1. maria jose disse:

    Boa tarde gostaria de saber quanto custa a mastopercia??,,

    • Luciana Pepino disse:

      Maria José,
      Eu não consigo informar valores sem antes avaliar o paciente. Como sempre digo, a consulta presencial é muito importante, pois é nesse momento que o especialista fica sabendo de mais informações essenciais sobre o paciente – como o histórico médico.
      Depois disso é que conversamos sobre valores.
      Caso desejar, agende uma consulta conosco – será um prazer recebê-la em nossa clínica. No link abaixo você encontra o nosso contato: http://goo.gl/eqc7rp
      Beijos

  2. rosane disse:

    gostaria de saber se faz também cirurgia plástica abdominal …
    gostaria de saber também se muito difícil para o paciente?