11 3285-6412
Dra. Luciana L. Pepino / Diretora Técnica Médica
CRM/SP: 106.491 RQE: 25827
Segunda a Sexta-Feira das 8h às 21h
Sábados das 10h às 14h

O estilo do verão: Boho

Veja como usar o estilo Bohemian que nasceu no bairro cool nova-iorquino do Soho e arrasar com o must have do alto verão 2016!

O nome é diferente, mas quem viveu os anos 70 conhece muito bem: o estilo Boho Chic está de volta com força total para o verão 2016. O estilo, que na verdade é uma mistura de indy, cigano e hippie, traz uma volta ao passado mais do que bem-vinda e que já vem rondando o cenário europeu há uns bons cinco anos. Só que em vez de desaparecer, como qualquer moda passageira, o Boho Chic foi ganhando cada vez mais força, impulsionado por novas padronagens, rendas e texturas que conquistaram as mulheres – e os homens também! – ao redor do mundo. Para quem não sabe, o Boho Chic na verdade era para ser apenas uma releitura da onda hippie de 40 anos atrás, mas foi tomando identidade própria e ganhando novo nome, uma mistura de Bohemian of Soho, ou seja, um jeito cigano traduzido pelos moradores do bairro cool de Nova York, o Soho, onde surgiu. Dentre suas maiores características estão a mistura de artigos artesanais e muita atenção aos acessórios, como colares, chalés, anéis, pulseiras, echarpes e chapéus.

Para o alto verão brasileiro o Boho Chic chega com algumas modificações em relação ao que já se via por aí no ano passado. O animal print, por exemplo, foi definitivamente substituído por estampas florais e complementos mais caprichados do que nunca. E que não se engane quem acha que o visual é pobrinho: você pode fazer um look Boho legítimo com aqueles coletões de croché e franjas da sua avó ou com uma coleção Hedi Slimane para Yves Saint Laurent, por exemplo. Calças destroyed jeans e um bom sapato alto estiloso completam o visual.

Mas como os complementos são tudo nesse look, o Boho Hat promete ser o must have da estação, vide os desfiles das Fashion Weeks de Milão, Paris e Londres. Quem pensou em Janes Joplin chegou bem pertinho, mas a ideia é que ele saia dos festivais de música diretamente para as ruas, barzinhos e baladas, a qualquer hora do dia ou da noite. O chapéu estilo floppy, por exemplo, aquele que tem abas largas e moles e base redondinha, já chegou às ruas nas cabeças mais descoladas da Europa e dos Estados Unidos, e já aportou por aqui também. É claro que se você vai trabalhar o chapéu pode ficar em casa, mas você pode ser Boho Chic sem nenhum problema: basta apostar em um visual mais básico. Escolha um jeans menos destruído e uma blusa branca mais simples e maneire nos acessórios. Uma dica é deixar alguns anéis, pulseiras e colares mais avantajados dentro da bolsa para o happy hour – porque sim, no Boho vale usar tudo junto. Capriche no sapato e em uma bela bolsa de couro com franja, por exemplo. Lembre-se que para trabalhar você deve usar tons mais neutros e discretos e evite colocar dois elementos juntos com franjas para não pesar demais no visual.

No dia a dia você pode fazer seu Boho Chic com vestidos acima dos joelhos, botas over the knee e boho hat, mais uma dica para não errar é adotar um visual monocromático. Da mesma forma, com shorts jeans e camisetas básicas você pode abusar um pouco mais dos acessórios, que também valem se o vestido longo for estampado. A dica é não misturar tons demais, tendo sempre o cuidado de que a maioria do visual seja neutra, incrementando nos complementos, ou de saber combinar muito bem tons e estampas, sempre com uma cor em comum entre elas. Dessa forma você estará pronta para encarar o verão 2016 com um look cheio de personalidade e bom gosto.

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).