Posso aplicar botox no verão? Saiba quais são as restrições

Botox facial no verão

Tratamento com toxina botulínica ameniza rugas dinâmicas de forma preventiva ou reparativa

No verão, as mulheres desejam estar mais bonitas e bem cuidadas para aproveitar os meses de festas e férias. Assim, a busca por tratamentos como o botox facial aumenta nesse período.

Apesar dessa procura crescente, não são incomuns as pacientes que acreditam que o tratamento de botox não pode ser feito nessa estação devido, principalmente, à exposição solar.

A seguir saiba mais sobre esse aspecto dos tratamentos estéticos e se o botox facial é possível nesse período.

O que é o Botox?

Inicialmente é preciso entender o que, afinal, é o botox. Apesar de ser frequentemente interpretado como um tratamento estético, não é bem assim.

O Botox é o nome da primeira marca a comercializar a toxina botulínica para fins estéticos no Brasil. Dessa forma, trata-se de uma marca e não o nome do tratamento em si.

Outras marcas que também podem ser usadas nas aplicações de toxina botulínica incluem Dysport, Xeomin e Botulifit. Portanto, ao realizar um tratamento com a substância, nem sempre a marca usada é o Botox®.

Como a toxina botulínica age contra o envelhecimento facial?

Antes de se submeter à técnica é importante que a paciente saiba como a toxina botulínica age no organismo para apresentar os resultados contra o envelhecimento facial que são esperados.

A toxina botulínica é produzida pela bactéria Clostridium botulinum, responsável pela doença botulismo. Para fins estéticos e terapêuticos, a substância é industrializada e purificada, sendo aplicada em pequenas doses que não causam a doença.

A substância é responsável pela interrupção dos comandos neurais na musculatura na qual é aplicada, dessa forma, promove um relaxamento no músculo evitando a contração.

Dessa forma, o botox é recomendado para o tratamento de rugas dinâmicas, que são aquelas resultantes dos movimentos da face, como ao sorrir, comer, falar ou concentrar-se.

As linhas de expressão e rugas que podem ser amenizadas com o procedimento incluem as rugas da testa, na glabela (entre as sobrancelhas) e os pés de galinha que surgem no entorno dos olhos.

Apesar dessas recomendações, o uso do botox no rosto pode ter diferentes motivações, como ser preventivo ou reparativo.

  • preventivo: indicado a partir dos 30 anos e tem como objetivo suavizar as linhas de expressão evitando a formação de rugas ou a intensificação do envelhecimento facial;
  • reparativo: recomendado para pacientes mais velhas e nas quais a presença de rugas dinâmicas já é mais intensa, amenizando essas marcas e promovendo uma face mais elástica e lisa.

Portanto, a indicação do procedimento pode variar de acordo com as condições da paciente, sendo importante a avaliação do especialista.

Mulher com botox facial no verão

Como funciona esse tratamento?

Para realização de tratamento de botox facial a paciente precisa de uma avaliação prévia do cirurgião plástico que vai identificar quais são os principais incômodos e como corrigi-los.

No dia da aplicação é realizada assepsia no local e, quando necessário, uso de um anestésico tópico para reduzir o desconforto.

A aplicação ocorre apenas nos músculos previamente avaliados pelo especialista e o procedimento tem duração média de 20 a 30 minutos.

A toxina botulínica é comercializada em frascos com o pó que deve ser diluído em soro fisiológico. Os pontos de aplicação têm distância entre 1,5cm, garantindo um resultado mais natural.

Após a aplicação a paciente já recebe alta e pode retomar as atividades diárias, no entanto, recomenda-se:

  • não se expor ao sol sem uso de protetor solar;
  • evitar exercícios intensos;
  • não fazer massagens na face;
  • não deitar nas 4 horas seguintes ao procedimento.

Após o primeiro dia, no entanto, a rotina já pode ser retomada normalmente, o que faz dele um tratamento prático e rápido.

Existem contraindicações em realizar a técnica no verão?

Apesar dos mitos e receios das pacientes, não há nenhuma contraindicação em fazer o tratamento de botox no verão.

A recomendação é apenas utilizar protetor solar sempre que for sair ao sol e mesmo em ambientes internos. Esse cuidado ajuda a preservar os efeitos do botox por mais tempo e também faz parte das indicações gerais para prevenir o envelhecimento facial.

Os resultados da aplicação da toxina botulínica começam a aparecer entre 2 e 5 dias após o tratamento e tornam-se mais evidentes cerca de duas semanas depois.

Os efeitos do procedimento continuarão estáveis por entre 4 e 6 meses, sendo recomendada a realização de uma nova aplicação após esse período para manutenção dos resultados.

Portanto, independente da estação do ano, você pode realizar o tratamento de botox facial sem riscos. O fundamental é contar com um cirurgião plástico de confiança para avaliação e aplicação da substância com mais segurança.

 

Agende agora a sua consulta!

 

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica - SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).
WhatsApp Clique aqui e fale conosco via WhatsApp