Menu

Como cuidar da pele: superdicas para manter a sua sempre saudável

Manter a saúde e a beleza da pele é uma questão de ter uma boa rotina de cuidados. Saiba que hábitos você deve adotar para isso

Ter uma pele bonita e jovem não é mérito apenas da genética! Manter a cútis saudável depende muito dos nossos hábitos diários, por isso é preciso conhecer as melhores dicas de como cuidar da pele. Confira nossa seleção:

  1. Limpe a pele duas vezes por dia com um sabonete adequado

O acúmulo de resíduos de poeira, cosméticos, maquiagem e óleo no rosto favorece o aparecimento de cravos e espinhas e acelera o processo de envelhecimento. Por isso, uma das principais formas de como cuidar da pele é lavar o rosto duas vezes por dia.

Esse procedimento deve ser feito de manhã e à noite, utilizando um sabonete apropriado para cada tipo de pele (e de preferência líquido). Para peles secas e normais, opte por produtos com pH neutro. Para peles mistas e oleosas, prefira aqueles com ingredientes adstringentes.

Além disso, a cada uma ou duas semanas é importante fazer uma limpeza de pele mais profunda, visando a remoção de impurezas que se acumulam no dia a dia.

A hidratação é fundamental para manter a beleza e a saúde da pele, pois o tecido precisa ter a quantidade ideal de água para manter a integridade da camada de proteção.

Quando essa camada está danificada, a pele não só fica mais sujeita ao ressecamento, mas também a irritações e infecções – além de poder sofrer com o envelhecimento precoce.

Por isso, além do uso de cremes hidratantes diariamente, é necessário fazer a hidratação de dentro para fora com a ingestão de cerca de 2 litros de água por dia – saiba mais sobre a importância da água para a saúde e a beleza.

como cuidar da pele

Veja mais –  Limpeza de pele: Confira 09 dicas indispensáveis e comece agora!

  1. Usar protetor solar todos os dias é uma das melhores formas de como cuidar da pele

Se você vai à praia ou à piscina, você já sabe que é preciso aplicar o protetor solar para evitar as queimaduras de sol. Porém, o uso do protetor vai muito além dessas situações e, para conservar a beleza da pele, é necessário aplicá-lo diariamente.

A exposição à radiação solar faz com que a pele fique mais áspera e espessa com o passar do tempo, apresentando uma textura nodulosa, manchas e rugas aparentes. E isso tudo sem falar no risco aumento para o câncer de pele, que se acumula com o passar dos anos.

Como os raios UVA e UVB atravessam as nuvens e as janelas, é preciso usar um protetor com FPS 30 ou superior mesmo em dias nublados ou quando ficamos em ambientes fechados. Dessa forma, a pele terá uma textura mais lisa, uniforme e sem tantas marcas do tempo.

Veja também – Tratamento para linhas de expressão: como acabar com esse incômodo?

  1. A maquiagem deve ser totalmente removida antes de dormir

Por mais cansada que você esteja, dormir de maquiagem é um hábito muito nocivo para a pele, pois os resíduos dos produtos podem entupir os poros e favorecer o surgimento de irritações, manchas e alergias.

Além disso, quando você deixa de usar um bom demaquilante e de lavar o rosto com água e um sabonete apropriado antes de dormir, em médio prazo esse costume pode modificar a textura da pele, o que favorece o surgimento das rugas.

  1. A alimentação também influencia a beleza e a saúde da pele

Quando falamos em como cuidar da pele, nem sempre nos lembramos do fato de que a alimentação é um item importantíssimo nesse processo. Por isso, é preciso investir em alimentos que favoreçam a saúde e a beleza desse tecido.

Frutas cítricas, frutas vermelhas, vegetais verde-escuros, proteínas magras, castanhas e ovos oferecem os principais nutrientes de que a pele precisa, portanto eles devem estar sempre presentes no seu prato.

Além disso, é necessário evitar alimentos que prejudicam a saúde da pele, como os doces, refrigerantes e outros itens ricos em açúcar. Nesse caso, o problema é que esse ingrediente se liga ao colágeno e atrapalha sua função de sustentação, diminuindo a firmeza da pele.

como cuidar da pele dicas de alimentos
  1. Ficar longe do cigarro e do álcool

O cigarro é muito conhecido por ser a principal causa de vários tipos de câncer, e ele também é um grande vilão para a pele. Além das diversas toxinas que prejudicam todo o organismo, a própria fumaça contribui para a aceleração do envelhecimento.

Enquanto as toxinas aumentam o estresse oxidativo e reduzem o aporte de oxigênio para os tecidos, a fumaça tende a ressecar a pele – e o efeito disso tudo é a acentuação das rugas e da flacidez.

Com o álcool, a situação não é muito diferente, pois essa substância tende a desidratar todo o organismo, inclusive a pele, deixando-a mais propensa aos sinais do envelhecimento.

Veja também – Tratamento para acne: quais procedimentos podem te ajudar?

  1. Quanto antes você procurar um tratamento para a pele, melhor será o resultado

Com o avanço da medicina estética, hoje existem diversos procedimentos para tratar as mais variadas imperfeições, incluindo rugas, flacidez, estrias, celulite e diversas outras queixas.

Embora os procedimentos estéticos possam oferecer um bom grau de melhora em peles mais comprometidas por essas imperfeições, a regra geral é que, quanto antes eles são feitos, melhor será o resultado.

Isso acontece porque, além de tratar, vários procedimentos também atuam no sentido da prevenção ao estimular a produção do colágeno, a proteína que dá sustentação à pele.

Pensando em procedimentos estéticos para o corpo, um bom exemplo de como é importante tratar as imperfeições precocemente são as estrias, que respondem de forma muito mais eficiente quanto ainda são jovens.

A melhor forma de saber quais tratamentos podem oferecer mais benefícios para você é fazendo uma avaliação presencial na clínica da Dra. Luciana Pepino. Assim, você vai poder conhecer todas as opções de procedimentos estéticos e cirurgias plásticas!

  • 9
    Shares