(11) 3285-6412Segunda a Sexta-Feira das 10h às 19h
Clínica Especializada em Cirurgias Plásticas
  • A Clínica
  • Cirurgias
  • Procedimentos
  • Informações
  • Dicas
  • Contato
  • Blog
Agendar Consulta
retornar

Acabou de ser mãe? Qual é o momento ideal para fazer uma cirurgia plástica

Acabou de ser mãe e está pensando em fazer cirurgia plástica? Veja como se preparar.

Qual a mulher que não compartilha o sonho de ser mãe? Ser mãe é uma experiência incrível e que pode vir a somar em todos os aspectos da vida de uma mulher. Dar à luz e ter um vínculo forte e vitalício com um filho é uma das coisas mais belas da vida.

Sabemos também que outro sonho das mulheres é conquistar o corpo ideal. Mas será que gravidez e cirurgia plástica combinam? Especialistas revelam que é grande o número de mulheres que após uma gestação se sentem incomodadas com o maior acúmulo de gordura e flacidez no abdome e quadris, por exemplo.

Além disso, como consequência da amamentação, ocorre a formação de estrias e a mudança em todo o formato das mamas. Essas mudanças corporais tendem a melhorar com o tempo, mas em algumas mulheres elas permanecem. Nesse caso, a cirurgia plástica é uma ótima aliada, mas é preciso tomar alguns cuidados, além de esperar o corpo se recuperar do parto.

Cuidados durante a gestação

A gravidez traz muitas mudanças para o corpo da mulher, como por exemplo moldar seu corpo para abrigar o bebê e servir como reservatório de comida. É comum que se ganhe peso e gordura nesse período. Além disso, ocorre uma tempestade hormonal e o humor da mulher fica bastante alterado. Diante disso tudo, é importante estar preparada para todas essas mudanças e cuidar do seu corpo desde o início da gestação.

O controle do peso, uma dieta mais equilibrada e saudável e as atividades físicas controladas e direcionadas para esse período são algumas alternativas que ajudam a amenizar os sintomas da gestação. Além disso, fazer drenagens linfáticas também é recomendado, bem como o uso de cremes para evitar estrias. Tomando esses cuidados, os resultados serão muito melhores após a fase de gestação.

Quando posso fazer a operação?

Depois de uma gestação cheia de altos e baixos, muitas mães vão em busca de cirurgiões para saber quando elas podem agendar a cirurgia plástica. O ideal é sempre esperar, no mínimo, um período de 6 a 8 meses após a fase de amamentação. Isso porque enquanto a mulher está amamentando o bebê, seu corpo ainda está sob efeito das transformações da gestação.

Os hormônios produzidos nos ovários ajudam na produção do leite e isso repercute em todo o seu corpo. Esses hormônios trazem alguns riscos no caso da cirurgia plástica, como a formação de cicatrizes hipertróficas e o aumento do risco de problemas na coagulação, o que contribui para o desenvolvimento de tromboses venosas profundas ou embolias durante a cirurgia.

Perder peso é fundamental

Para fazer uma cirurgia plástica e obter resultados excelentes é preciso estar em dia com o seu corpo. Vale ressaltar que de forma alguma a mulher deve deixar de amamentar, visto que o leite materno é fundamental para a defesa imunológica do seu bebê, além de enaltecer o amor que a mãe tem pelo recém-nascido.

É preciso saber também que a cirurgia plástica tem como objetivo principal modelar o corpo e não emagrecer. E para emagrecer, a mulher precisa voltar a praticar exercícios físicos e moderar em sua alimentação. Lembre-se de que mesmo tendo passado por uma cirurgia plástica, se a mulher não mudar seus hábitos, irá retroceder.

Para as mamães que ainda não podem fazer a cirurgia e estão acima do peso, o ideal é apostar em massagens e drenagem linfática, que vão ajudar a relaxar e eliminar acúmulo de líquidos e toxinas do corpo, trazendo uma sensação de bem-estar. Sem esquecer da atividade física e reeducação alimentar.

O mais importante é viver cada etapa da vida com plenitude, isto é, curtir o período da gestação, viver a experiência de cuidar do seu bebê e, só depois, pensar em se preparar para emagrecer e fazer uma cirurgia plástica.

Conheça: Mini-Abdominoplastia, Lipoescultura, Correção de Cicatrizes.

Saiba que todo procedimento envolve riscos. Consulte sempre um médico.


Dra. Luciana L. Pepino.

Diretora Técnica Médica

CRM-SP: 106.491

RQE: 25827

Membro da ISAPS – International Society of Aesthetics Plastic Surgery

Membro da ASPS – American Society of Plastic Surgeon

Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica SBCP

Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Residência Médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Formada em Medicina pela faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte – MG

Dra. Luciana L. Pepino.

Diretora Técnica Médica

CRM-SP: 106.491

RQE: 25827

Membro da ISAPS – International Society of Aesthetics Plastic Surgery

Membro da ASPS – American Society of Plastic Surgeon

Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica SBCP

Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Residência Médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte – MG

Formada em Medicina pela faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte – MG

Agende sua consulta

Deixe o seu comentário

  1. ANA PAULA SOARES

    BOA NOITE , GOSTARIA DE SABER NA FAIXA DE QUANTO FICARIA , O ABIDOMEM E FAZER LIPO NAS COSTAS ...SE TEM TABELAS , DESDE DE JA AGRADEÇO A ATENCAO

    responder
    1. Dra. Luciana Pepino

      Oi, Ana! Tudo bem? Para definir os valores é necessário que você passe por uma avaliação pessoalmente, somente assim poderei opinar sobre qual a melhor indicação para você. Após a primeira avaliação é possível definirmos valores e formas de pagamento. Entre em contato conosco, se quiser, para agendar sua primeira consulta. No link estão nossos telefones: http://goo.gl/3Dqr6G Beijos!

      responder

Leia Também

Carregando...

Campanha #ViralizeOBem

Agora você tem em suas mãos a oportunidade de transformar vidas. 50 milhões. Não é prêmio acumulado da Mega-Sena. São 50 milhões de brasileiros passando fome. E você pode transformar essa triste realidade, participando da nossa missão!

imagem de uma criança fantasiada de super-herói em meio a uma situação de miséria
Quero ajudar!
imagem de uma criança fantasiada de super-herói em meio a uma situação de miséria
logo

Campanha #ViralizeOBem

Agora você tem em suas mãos a oportunidade de transformar vidas. 50 milhões. Não é prêmio acumulado da Mega-Sena. São 50 milhões de brasileiros passando fome. E você pode transformar essa triste realidade, participando da nossa missão!

Quero ajudar!

Assine nossa newsletter

Assine e receba dicas, novidades, materiais e muito mais.

whatsapp

Cirurgias

Procedimentos

Links Úteis

Telefones de Contato

Políticas de Privacidade

Dra. Luciana L. Pepino. Diretora Técnica Médica

CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

logo

2022. Dra. Luciana Pepino

Todos os direitos reservados.